Foto: A categoria MX1 foi muito disputada

Show de saltos e emoções na etapa de Botucatu do Arena Cross

Foto: A categoria MX1 foi muito disputada

Foto: A categoria MX1 foi muito disputada

Cerca de 4 mil pessoas estiveram presentes na disputa da 7¦ etapa do Arena Cross, em Botucatu

Neste domingo, 26, o p£blico de Botucatu (SP) compareceu em massa para acompanhar a 7¦ Etapa do Arena Cross 2007. Mais de 7 toneladas de alimentos, que serÆo destinadas para entidades assistenciais da cidade, foram arrecadadas.

Na pista, os pilotos de todas as categorias corresponderam …s expectativas. Foi um verdadeiro show de ultrapassagens e saltos, levantando a torcida nas arquibancadas.

50cc – Entre os garotos da 50cc, Leonardo Neto, de Santa Catarina, vencedor de todas as etapas do Arena Cross 2007, ganhou mais uma.
Em Botucatu, a vit¢ria veio ap¢s uma briga constante pela lideran‡a e algumas quedas.
Leonardo Neto completou as 15 voltas em 11min23seg130, mantendo-se na lideran‡a geral da 50cc.
Djalminha Britto terminou a prova em segundo e Kioman Navarro foi o terceiro colocado.

65cc – O paranaense Eduardo Rudnick dominou a prova da 65cc. O piloto foi o melhor nos treinos cronometrados e venceu a corrida, completando 16 voltas em 11min26seg820.
Os paulistas Kaio Miranda e Ricardo Tadeu Jurca ficaram na segunda e terceira posi‡Æo, respectivamente. A segunda posi‡Æo, em Botucatu, manteve Kaio Miranda na lideran‡a da categoria, com 112 pontos. Eduardo Rudnick ‚ o segundo colocado.

85cc – O l¡der da categoria 85cc nÆo deu chance para seus concorrentes na 7¦ etapa do Arena Cross. Hector Almeida, moto n£mero 4, foi mais veloz nos treinos cronometrados e manteve a primeira coloca‡Æo na bateria. O piloto completou 17 voltas, dando uma volta at‚ no quarto colocado, com o tempo de 11min04seg660. Gustavo Takahashi ficou em segundo e Rodrigo de Andrade em terceiro.

MX2 – Na MX2, ap¢s o treino classificat¢rio, os torcedores imaginavam que seria mais um dia do l¡der Wellington Garcia, o mais r pido na sessÆo.
Mas, nas duas baterias, o carioca Swian Zanone, segundo colocado na classifica‡Æo geral, surpreendeu e venceu as disputas. Com os dois resultados positivos, na somat¢ria dos pontos, Swian diminuiu 7 pontos da vantagem do l¡der. “Agora cheguei perto do Wellington e tirei pontos importantes no campeonato. Nas primeiras etapas nÆo fui muito bem e estou melhorando a cada prova”, reconheceu o piloto carioca. Swian falou do diferencial da pista de Botucatu. “ a pista mais larga de todas do Arena Cross, mas o n¡vel de dificuldade ‚ o mesmo em todas as etapas”, explicou.
Ap¢s 7 etapas, Wellington Garcia lidera a MX2 com 226 pontos e Swian Zanone ‚ o segundo com 206.
O terceiro colocado ‚ o piloto Thales Villardi, que terminou a etapa botucatuense na quarta posi‡Æo.
MX1 – Na disputa mais esperada do dia, uma queda pode ter feito a diferen‡a para o campeonato.
Nos treinos da MX1, o mais r pido foi o piloto paulista Roosevelt Assun‡Æo, moto 3, seguido por Leandro Silva, moto 11, Jean Carlos Ramos, moto 18, e Pipo Castro, moto 10.
Na primeira bateria, o paranaense Leandro Silva, que liderava o campeonato, estava na primeira coloca‡Æo da prova at‚ sofrer uma queda na segunda volta, que o distanciou dos ponteiros.
Roosevelt Assun‡Æo aproveitou-se da situa‡Æo e venceu a bateria, com Pipo Castro em segundo e Massoud Nassar em terceiro.

Leandro, ap¢s a queda, fez uma corrida de recupera‡Æo e terminou em 7§ lugar.
Na segunda bateria, Leandro Silva nÆo cometeu erros e completou as 18 voltas em 10min43seg220, vencendo a corrida. Novamente, o piloto catarinense Pipo Castro ficou com a segunda posi‡Æo. Jean Carlos Ramos foi o terceiro e Roosevelt Assun‡Æo em quarto.

At‚ a 7¦ etapa, a diferen‡a entre o l¡der, Leandro Silva e o segundo, Pipo Castro, era de apenas 3 pontos (158 a 155). Com a somat¢ria das duas baterias de Botucatu, o catarinense Pipo Castro assumiu a lideran‡a, com 187 pontos. Leandro Silva ‚ o segundo com 183. “Foi uma etapa muito legal, consegui ser regular nas duas baterias, ficando dois segundos lugares e saio de Botucatu como l¡der do campeonato”, comemorou Pipo Castro.

A briga pelo t¡tulo da MX1 promete ser acirrada at‚ a 10¦ e £ltima etapa do Arena Cross 2007. A pr¢xima etapa acontecer  no dia 8 de setembro, em RiberiÆo Preto (SP).