Lançamentos_Suzuki_destaque

Suzuki tenta recuperação com mais cinco lançamentos

Além da já anunciada GS 120, a pequena street com a qual a Suzuki deseja fazer volume  e recuperar sua posição no ranking brasileiro de venda de motocicletas, a Suzuki apresentou na noite do dia 22 de março aos concessionários e também à Imprensa mais cinco novidades, as quais havia sido solicitado o embargo para publicação a partir do dia 22 de abril. Só que hoje a empresa “desembargou” os lançamentos. então, aqui estão as novidades da Suzuki “acabar com os tempos difíceis” e para sua tentativa de recuperação.

São cinco lançamentos simultâneos: três novas motos para o mercado brasileiro – GSR 750, Gladius e GSX 1250 FA – e duas renovações – V-Strom 650 e GSX-R 750. Conforme já foi antecipado, uma das mais esperadas, Suzuki Inazuma 250, está no forno e deve vir no segundo semestre.

Gladius

Suzuki Gladius

Suzuki Gladius

Lançada na Europa em 2009, somente agora essa naked bicilíndrica chega a Brasil. Ela entra no segmento onde já disputam espaço a Kawasaki ER6-N, a Kasinski Comet GT 650, além das motos de 4 cilindros da classe. Na prática ela reúne boas características para uso diário nas cidades, mas não dispensa alguns passeios na estrada. Leve e bem resolvida, ela mistura o porte compacto com o desempenho de uma moto média, o que se revela como o segmento com grande potencial de crescimento.

O motor da Gladius é muito semelhante ao da Kasinski Comet 650, feito pela coreana Hyosung. É um V-Twin  a 90 graus de 645cc, refrigerado a água, DOHC e com injeção eletrônica que gera 66 cv de potência. Uma olhada rápida até causa alguma confusão com as Ducati em função de sua sua construção e do chassi. A Gladius vem equipada com ABS e seu preço de lançamento é R$26.990,00.

GSR 750 ABS

Suzuki GSR 750

Suzuki GSR 750

Uma nova moto que é facilmente confundida com a linha “Z” da Kawasaki – seja a antiga Z 750 ou a nova Z 800 – essa naked tenta trazer para as ruas um pouco do desempenho de pista ou de estrada. Com seu motorzão de 4 cilindros em linha que desenvolve 106 cv de potência máxima esta nova naked incorpora ainda toda a tecnologia desenvolvida pela Suzuki para suas motos esportivas: SDTV (Suzuki Dual Throttle Valve) que tem duas válvulas de borboleta em cada cilindro que aumenta a eficiência da queima de combustível, e o SET (Suzuki Exhaust Tuning), que controla válvulas instalados no sistema de escapamento para garantir o melhor torque em todos os regimes de rotação.

A GSR 750 ABS tem suspensões desenvolvidas em pistas de corrida pela KYB e conta com garfos invertidos na dianteira com ajustes de pré-carga, retorno e compressão. O conjunto óptico dianteiro tem lampada halógena de duplo filamento e lentes azuis, tudo integrado num único bloco, onde está também o painel de instrumentos com contagiros analógico e um pequeno painel de LCD multifunções. O preço de lançamento da Suzuki GSR 750 ABS é R$36.900,00.

GSX 1250 FA

Suzuki GSX 1250FA

Suzuki GSX 1250FA

Aproveitando a tendência do mercado de ter motos mais indicadas para longas viagens com muito conforto, a Suzuki apresenta esta sport-touring que é uma Bandit 1250 com mais algumas coisas para facilitar a vida de quem quer viajar sem precisar de tanta performance esportiva. Carenagem integral, ajuste da altura do assento, painel mais completo com computador de bordo são alguns destes itens.

O motorzão é um 4 cilindros em linha de refrigeração líquida com toda a eletrônica embarcada e com potência de 98 cv, suficiente para os viajantes que preferem a Suzuki. Esta moto tem o preço de lançamento fixado em R$39.900,00.

V-Strom 650 ABS

Suzuki V-Strom 650 ABS

Suzuki V-Strom 650 ABS

A nova V-Strom 650 era um dos lançamentos mais esperados. Essa nova versão agora vem equipada com ABS e recebeu algumas modificações estéticas, sobretudo no desenho do tanque de combustível e das aletas que adornam o componente. As suspensões tem ajustes na pré carga da mola e o novo pára brisa é ajustável.

O tanque de combustível tem capacidade para 20 litros e oferece grande autonomia, o que é uma grande vantagem para esta bigtrail mais afeita ao turismo. Seu desenho mudou um pouco e a moto está mais esbelta, passando a impressão de ser mais leve. Seus 67 cv de potência são suficientes para um desempenho tranquilo. A moto apresentada estava equipada com um kit completo Givi de top case, bolsas laterais e bolsa de tanque, anunciado com equipamento Givi original para esta moto. O preço da nova V-Strom 650 ABS é R$34.900,00.

GSX-R 750

Suzuki GSX-R 750

Suzuki GSX-R 750

Quando a J. Toledo assumiu a representação e a importação das motos Suzuki para o Brasil, a moto mais cobiçada pelos consumidores era a Suzuki SRAD. Aliás, a classe de motos 750 sempre foi emblemática no mundo todo. Naquela época, os consumidores só tinham acesso à Honda CBX 750F e a Yamaha RD 350 LC, ambas nacionalizadas. Quando o mercado se abriu e começaram a aparecer as primeiras Suzuki “sete galo”, a moto vendia como pão quente.

Talvez a GSX-R750 seja a moto que melhor represente a marca Suzuki no mundo todo. A SRAD é sinônimo de esportividade e está entre as motos que mais agradam exatamente pelo motor. Potência suficiente para andar junto com as 1000cc e nem tão “pouco” quanto as 600cc.

Essa nova Suzuki GSX-R750 traz novo grafismo e toda a tecnologia Suzuki disponível em termos de eletrônica para controlar toda a sua potência de 150 cv disponíveis para empurrar os 190 kg, uma relação peso-potência bem favorável. Não há muito a acrescentar para uma super-esportiva que goza de excelente fama em todo o mundo. Seu preço no Brasil é de R$49.900,00.