Swian e Marronzinho aproveitam -embalo- para o Mundial

A Equipe Oficial Honda está em contagem regressiva para o início dos treinos para o GP Brasil de Motocross, válido pelo Mundial da categoria, em Campo Grande (MS).

A programação que será aberta no sábado com os primeiros treinos livres tem como esperanças brasileiras de bons resultados João Paulino “Marronzinho”, na MX1, e Swian Zanoni, na MX2. Além deles, e igualmente candidatos a boas posições, correrão pela Equipe Honda Wellington Garcia, Leandro Silva (ambos MX1) e Jean Ramos (MX2).

Marronzinho e Swian foram os destaques da última etapa do Arena Cross, em São Bernardo, em 7 de agosto. Swian ganhou as duas baterias na categoria Pró, a principal; Marronzinho foi o segundo na primeira prova e terminou a segunda em terceiro depois da espetacular recuperação que lhe tirou da última colocação. “Este resultado realmente me embala e dá uma embalada e me motiva muito para conquistar outra boa posição no Mundial”, diz Marronzinho, que ressalta também sua melhora física para justificar a fase positiva: “Já me recuperei de uma contusão no punho que vinha me atrapalhando”, conclui o catarinense de 27 anos, o mais experiente da Equipe Oficial Honda.

Swian, que, ao lado de Wellington Garcia, está entre os mais novos, com 22, diz que esta etapa do Mundial tem tudo para ser a melhor que já fez. “Estou mais focado e maduro, e esses resultados recentes me animam bastante. É sinal que o trabalho está sendo bem feito”, comenta. “Agora é ter bastante cabeça e garantir boas condições físicas para a prova.”

A Equipe Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Oakley, Reebok, Orbital, Riffel, Polisport, DID, Protaper, NGK, Circuit Equipment e Brasil Racing.