Team Brazil logo da equipe

Team Brazil larga em quarto e termina a uma posição da zona de pontuação

Depois de conquistar a melhor posição no grid de largada no ano, quarto lugar, com Matthieu Lussiana (#93), o Team Brazil não conseguiu pontuar no Grande Prêmio da Inglaterra, nesse domingo (5), em Silverstone. A equipe, no entanto, ficou próxima de pontuar, pois Philippe Thiriet (#36) foi o 16º, a um lugar da zona de pontuação. Pedrosa (#42) foi o 17º.

Largando na segunda fila, Matthieu começou entre os primeiros, mas a quatro voltas para o fim saiu da prova. Apesar disso, o piloto (#93) tem 16 pontos no STK 1.000cc Fim Cup e está confiante para o restante da temporada.

Após largar em 20º, Philippe Thiriet (#36) fez uma ótima corrida e, por pouco, não pontuou no GP da Inglaterra. Como de costume, o piloto largou bem e chegou à 14ª posição, ultrapassando seis rivais. Durante toda a corrida, Thiriet manteve o bom ritmo e chegou a estar em 12º, mas o brasileiro sentiu o braço direito e foi obrigado a diminuir o ritmo, terminando em 16º, a uma posição da zona de pontuação.

O outro piloto do Team Brazil no GP da Inglaterra, Pedrosa (#42), gostou da sua participação. “Estou de volta! Larguei bem em 21º, mantive minha posição e consegui acompanhar o grupo de pilotos na minha frente, voltando ao meu antigo ritmo de corrida antes da lesão. Deu certo. Me arrisquei a fazer duas ultrapassagens, mas decidi me conter e terminei a prova com segurança, em 17º”, contou o piloto 42#.

O próximo desafio do Team Brazil será no dia 9 de setembro em Nürburgring, na Alemanha.

O Team Brazil tem o patrocínio de Treetech Sistemas Digitais e conta com o apoio oficial da Confederação Brasileira de Motociclismo (CBM), bem como da MT Capacetes e Botas Sidi.