Foto: Everaldo Filho, piloto da 85cc do Team Honda no Arena Cross

Team Honda esquenta a briga pela liderança no Arena Cross

Foto: Everaldo Filho, piloto da 85cc do Team Honda no Arena Cross

Foto: Everaldo Filho, piloto da 85cc do Team Honda no Arena Cross

Wellington Garcia está na ponta da categoria Pro e Everaldo Filho, da 85cc; Na Júnior, Hector Assunção tem a situação mais tranqüila e defende invencibilidade neste final de semana em São Bernardo do Campo (SP)

O Team Honda promete colocar fogo na briga pelos títulos do Arena Cross 2009. Aquinta etapa será realizada neste final de semana em São Bernardo do Campo (SP), na pista montada na Avenida Kennedy, em frente ao ginásio de esportes. A equipe vermelha está na liderança da categoria Pro com Wellington Garcia,mas Swian Zanoni tem bom retrospecto e pode ser uma ameaça. Na 85cc, quem luta para se manter na ponta da tabela é Everaldo Filho. A situação mais tranquila é do piloto Hector Assunção, que está invicto na classe Júnior.

O goiano Wellington Garcia chega embalado pela conquista dos títulos brasileiros de motocross nas categorias MX1 e MX2 e quer iniciar a bateria com força máxima. -No Arena Cross, fazer uma boa largada já é 50% da prova. Treinei bastante nos últimos dias especialmente para esta prova. Os meus adversários são muito fortes, mas espero conseguir abrir vantagem-, disse o piloto.

Ele está na liderança com 100 pontos. O vice-líder é Jean Ramos (98), que não vai correr por conta de uma fratura no antebraço. Em seguida, aparecem Pipo Castro (88) e Swian Zanoni (84). Vale lembrar que a categoria Pro é a que mais oferece pontos em cada etapa: são realizadas duas baterias no dia, com o mesmo número de pontos em jogo. Ou seja, dificilmente alguém comemorará o título por antecipação.

Da s oito corridas já realizadas da Pro, Swian Zanoni venceu três. -A expectativa para o final de semana é muito boa. Fiz bons treinos e quero manter o bom retrospecto na competição-, disse o mineiro. Hector Assunção tem motivos de sobra para continuar com a mesma estratégia na pista. -O Arena está espetacular para mim esse ano, já que venci todas as provas da Júnior. Quero andar com cabeça, bem solto, para não errar e nem me machucar-, explicou o piloto.

Hector soma 80 pontos na tabela, na frente de Gustavo Takahashi (55 pontos) e de Rodrigo Rodrigues (50). Na 85cc, Everaldo Filho lidera com 63 pontos, contra 57 de Matheus Corguinha e 50 de Cézar Zamboni. -Meu objetivo é manter a liderança para conquistar o título. Como a prova é curta, fazer uma boa largada é muito importante-, ensinou Everaldo Filho. O evento reúne ainda baterias das classes 65cc e 50cc.

De volta às pistas – Além de Leandro Silva, recuperado de uma lesão no pulso, na categoria Pro, o Team Honda conta com o retorno dos pilotos Eduardo Rudnick e Cézar Zamboni na categoria 85cc. Rudnick estava afastado desde junho, quando machucou o ombro na quarta etapa do Brasileiro de Motocross, em Foz do Iguaçu(PR).

-Fui liberado para treinar com moto na semana passada e estou muito contente em poder voltar. Atocada está bastante parecida, mas é claro que sentirei a falta de ritmo na pista-, explicou o paranaense. A recuperação de Zamboni foi mais rápida, já que ele trincou o antebraço direito enquanto treinava em Juína (MT), há duas semanas.

As baixas do Team Honda ficam por conta de Jean Ramos e de Marcello “Ratinho”, na categoria Pro, com fraturas no antebraço e no pulso, respectivamen te. Os dois estão trabalhando forte na recuperação, de olho no Honda GP Brasil, etapa do Campeonato Mundial de Motocross marcada para o dia 13 de setembro em Canelinha (SC).

Programação* – 4ª etapa Arena Cross – São Bernardo do Campo (SP)
Sábado – 22/8
13h – Treinos
19h – Provas

* a programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.

O Team Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Polisport, Riffel, Oakley, Orbital, D.I.D., NGK, Master Freios, Pro Taper, Reebok, Griffe Correa e Yoshimura.