Foto: Rodrigo Lama defende o Team Honda na categoria 85cc no Arena Cross

Team Honda termina a sétima etapa do Arena Cross com dois títulos antecipados

Foto: Rodrigo Lama defende o Team Honda na categoria 85cc no Arena Cross

Foto: Rodrigo Lama defende o Team Honda na categoria 85cc no Arena Cross

O Team Honda saiu da pista de Apucarana (PR) com dois títulos do Arena Cross antecipados.

Rodrigo “Lama” conquistou uma vitória absoluta na bateria da 85cc e garantiu o campeonato com tranqüilidade. Na seqüência, Jean Ramos fez uma prova muito disputada na categoria MX2, terminou em quarto lugar e, por conseqüência, levantou o troféu de campeão. Na MX1, Leandro Silva, também subiu ao lugar mais alto do pódio, mas irá decidir o campeonato na última etapa, em Botucatu (SP), no dia 18 de outubro.

85cc – A bateria da 85cc foi a primeira boa notícia do dia para o Team Honda. Rodrigo “Lama” conquistou o título por antecipação, após fazer uma corrida impecável. Everaldo Filho largou bem e assumiu a ponta. Lama, em segundo, não demorou a ganhar a liderança. Cada ve z mais rápido, o sergipano mostrou toda a vontade de vencer. Disparou na frente dos adversários e garantiu a primeira colocação e o segundo título da temporada. O primeiro foi o Brasileiro de Motocross. Cezar Zamboni sofreu uma queda no segundo salto e terminou em 12º.

“Estou muito contente pela conquista. Mesmo tendo garantido o título antecipado, vou fazer de tudo para correr bem na última etapa. Este é o meu segundo troféu do ano. Ainda vou lutar por outros até o final”, afirmou o sergipano que parte para a disputa do Campeonato Latino-Americano de Motocross da categoria 85cc, no próximo dia 12, no Equador.

Everaldo, que está de volta à competição depois de uma fratura no braço ficou feliz pelo resultado. “Eu estou voltando agora, por isso, acho que o terceiro lugar foi um bom resultado. Tenho chances de conseguir uma boa colocação na últ ima etapa e terminar bem o campeonato.”

MX2 – Jean Ramos conquistou o segundo título do dia para a equipe em uma prova emocionante. A MX2 começou muito disputada. Lucas Moraes se saiu melhor na largada e assumiu o primeiro lugar. Jean começou em terceiro e fez uma forte pressão nos adversários. Na segunda metade da prova, ele passou a fazer um duelo acirrado com Swian Zanoni, quarto colocado. O mineiro acabou levando a melhor deixando Jean para trás. Logo mais acelerou com precisão e conseguiu assumir a ponta levando para casa a vitória.

O quarto lugar de Jean Ramos foi o suficiente para garantir o campeonato. Como possuía uma grande vantagem na classificação sobre os adversários, o paranaense preferiu terminar a prova tranqüilo em busca do resultado. Acabei ficando mais atrás no duelo, mas preferi ir com calma e garantir o t ítulo. Eu tenho trabalhado muito este ano para conseguir estes resultados”, concluiu o piloto que é campeão latino-americano da categoria MX2.

MX1 – Os pilotos do Team Honda, Leandro Silva e Wellington Garcia, fizeram uma largada forte na bateria da MX1. Leandro saiu em primeiro e Wellington logo atrás. Muito rápido, o paranaense conseguiu abrir uma boa vantagem sobre os demais. Já Wellington, que seguia bem, teve de abandonar a prova depois de uma queda.

Leandro disparou na frente dos adversários e garantiu mais uma vitória, além de outro passo em direção ao título. A bateria da sexta etapa que também seria realizada neste domingo, passou para a última rodada, em Botucatu, no dia 18 de outubro. “Na próxima etapa teremos as duas baterias e eu espero conseguir outro resultado positivo para brigar pelo título”, planejou.

Resultados – 7a Etapa Arena Cross – Apucarana (PR)

85cc
1 – Rodrigo “Lama” – Honda CRF 150RB
2 – Endrews Armstrong
3 – Everaldo Filho – Honda CRF 150RB
4 – Eduardo Rudnick
5 – Anderson Amaral
12 – Cézar Zamboni – Honda CRF 150RB

MX2
1 – Swian Zanoni
2 – Lucas Moraes
3 – Rafael Zenni
4 – Jean Ramos – Honda CRF 250R
5 – Dudu Lima – Honda CRF 250R
6 – Gustavo Takahashi – – Honda CRF 250R
7 – Thales Vilardi – Honda CRF 250R

MX1
1 – Leandro Silva – – Honda CRF 450R
2 – Pipo Castro
3 – Roosevelt Assunção
4 – Juliano Ramos
5 – Uyran Carlos Farid

O Team Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Polisport, Riff el, Consórcio Nacional Honda, Oakley, Orbital, D.I.D., NGK, Master Freios, Pro Taper, Reebok e Griffe Correa.

HONDA RACING

VIPCOMM Assessoria de