Teste, concurso, SBK, traidor, ângulos, erro, mala, mico, gruta

Tite, acabei de ler no comparativo das 250 da revista (vocˆ sabe qual) tem uma parte j  no fim da reportagem que diz que dois pilotos da revista “perderam a dianteira” em utiliza‡Æo extrema da Twister. Isso quer dizer que eles sofreram do tal kick back tamb‚m? Como uma montadora coloca nas lojas um modelo que sai derrubando pessoas? Outra coisa, em PoA agora ‚ a Carmen, gruta azul ‚ coisa do passado, vai por mim.
Ricardo – Juazeiro-BA
Karaka, vc est  em Juazeiro e conhece o Carmem!!! Esse ‚ profissional no assunto! Ric, eu pilotei as duas motos e nÆo “perdi” a frente nem a pau, talvez o problema esteja nos pilotos! A Fazer ‚ firme como um mon¢lito e a TW nunca deu nenhuma chacoalhada comigo.

Concurso
Bom dia, gostaria de saber como deixo minha mensagem em carta dos leitores. Vcs podiam fazer um concurso pra alguns leitores: q os leitores passassem por testes, depois de testes, eles poderem pilotar motos ou melhor, m quinas. Eu at‚ pagaria para participar deste concurso !
Andre – SÆo Paulo, SP
NÆo precisa concurso, basta me mandar uns cinco paus que vc pilota a moto que quiser! Mas nÆo conta nada pra ningu‚m, t ! Falando s‚rio, nÆo podemos fazer isso porque temos um contrato assinado com as f bricas de nÆo ceder as motos para “civis”.

SBK
Caro Tite: Eu e minha Tha¡s estamos desapontados com a ida (ou a queda) do Barros para a SB. Perguntamos: A Super Bike ‚ considerada uma “segunda divisÆo” do MotoGP? E quais as diferen‡as marcantes das duas categorias? H  motos de f brica como as do MotoGP? Abra‡o e venha sim para uma cerva gelada. E moramos pertinho do Alto da Boa Vista. Bom para escaladas. Esquecemos: 2006 de gl¢rias para o Motonline!
Pai da Tah¡s – Rio de Janeiro, RJ
Oi, Pai, diz pra Tha¡s que a Superbike nÆo ‚ considerada a segundona do mundial de MotoGP. Hoje a categoria SBK tem vida pr¢pria, ‚ muito mais emocionante e tem mais p£blico. Sim, existem equipes de f bricas, mas nÆo como na MotoGP. A f brica fornece estrutura e equipamento para as equipes privadas. A principal diferen‡a entre MotoGP e SBK ‚ que na primeira as motos sÆo feitas exclusivamente para competi‡Æo, enquanto na SBK as motos sÆo de s‚rie, preparadas. A Suzuki GSX-R 1000 que est  aqui na garagem de casa foi a devoradora de recordes em 2005. Mas nÆo pense que Alex ter  vida f cil na SBK, porque os pilotos l  sÆo tudo cobra criada. Alex vai ter vida dura. Vamos torcer para que algum canal privado transmita as corridas.

Traidor
Fala pernambucano Tite, j  leu as poesia que te mandei no orkut? nÆo esque‡a de responder a minha pergunta, seu mala! Essa ‚ p/ os Motoliners: Algu‚m sabe como est  o estado da BR-116 de feira de Santana a vit¢ria da conquista? Pr¢ximo mˆs t“ conhecendo Brumado/BA, s¢ que nÆo vou de fan (ainda tenho um pouco de ju¡zo) vou de carro mesmo.
dalmar – Recife/PE
Ah, vai de carro ‚ frutinha! NÆo respondo as perguntas pelo Orkut, seu mala, s¢ aki pelo Motonline. Traidor!

¶ngulos
Tio Tite, lendo nas revistas e reportagens publicadas, sempre h  men‡Æo sobre as caracter¡sticas das suspensäes dianteira das motos, e fico na d£vida. o que ‚ trail? o que ‚ c ster? como essas medidas e ƒngulos interferem na pilotagem, conforto e desempenho da moto?
Eduardo – sampa city sumpaulu
Boa pergunta, Ed! C ster ‚ um ƒngulo de inclina‡Æo da coluna de dire‡Æo em rela‡Æo ao solo. Trail ‚ uma medida (em mm) dif¡cil de explicar, mas vou tentar: imagine uma linha descendo do eixo dianteiro at‚ o chÆo. Fa‡a uma marca com giz no chÆo. Depois trace outra linha imagin ria da coluna de dire‡Æo at‚ o chÆo e fa‡a outra marca com giz. Trail ‚ a medida entre os dois pontos. Vc acaba de me dar uma ¢tima id‚ia para o pr¢ximo artigo t‚cnico, porque ‚ um assunto extenso e exige ilustra‡äes.

Erro
Moro em Gravat  e ao descer a Serra das Russas (8KM), costumo segurar a embreagem em quinta marcha em vez de colocar a moto em ponto morto.isso afeta alguma coisa na moto ou ‚ a mesma coisa que andar em ponto morto.
RICARDO – GRAVATµ, PE
Ricardo, est  tudo errado, v‚io, nem puxe a embreagem, nem des‡a em ponto morto. Des‡a com a moto engrenada senÆo vc vai acabar se estabacando. O freio motor ajuda a manter a moto equilibrada. Puxar a embreagem ‚ a pior solu‡Æo poss¡vel. Eu conhe‡o Gravat  e j  vi muita porrada de caminhÆo nessa serra porque o caboclo desceu na banguela. Se vc nÆo ficar banguela tamb‚m, des‡a engrenado!

Mala
Tio Tite, eu sei que a Suzuki tem muito mais admiradores do que Triumph, meu pai mesmo possui ums Srad 750 2001, iqualzinha a que vc testou em Misano, mas eu sou muito mala e estou mais uma vez torrando sua paciencia e pedindo o teste da Triumph 955, antes do teste da Srad 1000, por favor. A prop¢sito o Gruta Azul ‚ uma Boate sim, aui do R.G do Sul e sambiqueira, ‚ mais facil vocˆ pedir numa churrascaria para descobrir. Hahahaha, isso eu pagava para ver!!!
Edson – Cachoeirinha/ RS
Bah, eu j  passei a vergonha de perguntar sobre a sambiqueira em um restaurante. J  vou publicar seu teste, malÆo sem al‡a, toma mais uma cuia de mate e sossega!

Mico
Fala Tite! Procurei alguma coisa sobre a Suzuki TL1000 no site mas nÆo achei. Sabe me dizer se a moto ‚ boa? Fez algum teste? Pergunto isto pois o pre‡o ‚ convidativo para uma esportiva se compararmos com as outras. NÆo se esque‡a das cr“nicas pois respondendo a sua pergunta eu j  li todas.
Lorry – Trememb‚ – SP
O pre‡o ‚ convidativo porque essa moto ‚ um mico dos grandes: motor ruim, dif¡cil de pilotar e tem problema cr“nico de alimenta‡Æo. Fuja!

Gruta
Esclarecimento. Tite, respondendo a pergunta do taipa de Sampa, pra variar s¢ podia ser paulista.Mas enfim, o Gruta Azul ‚ um lugar onde existem v aarias gurias que tratam do bem estar do gaud‚rio.Tratam muito bem por sinal, mas o precinho ‚ salgado. Espero ter ajudado, nÆo me pergunte o q ‚ sambiqueira. Ah outra, qual a velocidade m xima da Hornet?A real, nÆo no veloc¡metro. Cada lugar fala um n£mero diferente.
Jonathan – Novo Hamburgo – RS
Ah ‚, seu mala, vc acha o pre‡o salgado porque nÆo ‚ tu que faz aquele servi‡o! Vai l  no lugar delas, ver se ‚ barato? O teste da Hornet est  no ar, mas se nÆo tem a velocidade m xima ‚ porque eu nÆo fiz a medi‡Æo.