Foto: Jean Ramos, piloto da MX2 patrocinado pela ASW

Thales Vilardi está a um passo do título brasileiro de motocross

Foto: Jean Ramos, piloto da MX2 patrocinado pela ASW

Foto: Jean Ramos, piloto da MX2 patrocinado pela ASW

A decisão da categoria MXJr no Campeonato Brasileiro de Motocross está nas mãos de Thales Vilardi. O piloto está muito próximo de conquistar o título da competição, que será definido neste final de semana (30 e 31), em Rio das Ostras (RJ). Para ser campeão, ele pode chegar até em nono lugar, por conta da vantagem de pontos sobre o segundo colocado. Além do paulista, Leandro Silva também briga pela vitória na categoria MX1.

Já Marcello -Ratinho- e Swian Zanoni decidem quem fica com o segundo lugar da MX2. O título da categoria já foi definido na sétima etapa em favor de Rodrigo Selhorst. O sergipano Rodrigo -Lama- e o paulista Kaio Miranda também faturaram a taça da 85cc e 65cc, respectivamente, por antecipação. As provas serão realizadas a partir das 10h15. Além das disputas finais do Campeonato Brasileiro, Rio das Ostras receberá, ao mesmo tempo, a sétima etapa do Campeonato Brasileiro de Minicross. Os pilotos Guilherme e Lucas Costa defendem as categorias A e B.

O paulista Thales Vilardi, que utiliza nas competições o conjunto ASW Podium, sai na frente na corrida pelo título. Com 150 pontos, ele tem uma vantagem de 19 pontos sobre o segundo colocado Anderson Cidade. O fato de poder chegar atrás na bateria deixa o piloto mais tranqüilo, porém não despreocupado. -Treinei bastante para fazer uma boa prova. Mesmo não tendo a obrigação de vencer, se isso acontecer será melhor ainda-, destacou Thales.

Na bateria da MX1, a disputa será mais acirrada. Leandro Silva, que compete usando o conjunto ASW Drago Podium, luta pela vitória com João Paulino -Marronzinho-, líder da categoria, com 137 pontos. Leandro, com 117, precisa vencer e ainda contar com um resultado inferior do adversário. Apesar da dificuldade, o paranaense não irá desistir e promete fazer uma forte corrida.

A categoria MX2 já teve o campeão definido na sétima etapa. Por isso, a briga na última etapa será pela disputa da segunda colocação. Marcello -Ratinho- e Swian Zanoni estão muito próximos na classificação. Ratinho soma 117 pontos, enquanto Swian possui 116. Os dois prometem esquentar a luta pela vice-liderança.

Swian terá a vantagem de correr praticamente em casa. O mineiro, que vive em Niterói e utiliza camisa Flexair e calça 360o FOX, está preparado para brigar pela melhor colocação. -Sei que o Ratinho virá bem preparado. Estou trabalhando muito e se conseguir vencer será muito bom. Já garanti no mínimo o terceiro lugar.-

Apesar dos problemas que enfrentou durante a temporada, o piloto afirma que cumpriu sua meta. -Gostei do meu desempenho no campeonat o. Tive alguns problemas com a moto e também com os locais de treinos durante a temporada, mas consegui cumprir meu objetivo que era terminar entre os três primeiros.-

O piloto patrocinado pela ASW, Rodrigo -Lama-, já se sagrou campeão da categoria 85cc na sétima etapa. Portanto, Cézar Zamboni e Everaldo Filho, que retorna à competição após uma etapa de fora por conta de uma fratura no braço, irão lutar pelo vice-campeonato. Zamboni soma 119 pontos contra 105 de Everaldo.

Assim como a 85cc, a categoria 65cc também já conheceu seu campeão. Kaio Miranda foi um dos pilotos mais regulares do campeonato e fechou a sétima etapa com a vitória.

Minicross – Os irmãos Guilherme e Lucas Costa estão preparados para mais uma etapa da Campeonato Brasileiro de Minicross. O s dois têm conseguido um bom desempenho nas provas disputadas até aqui e pretendem seguir o mesmo ritmo.

Guilherme, de oito anos, disputa a categoria B. Em segundo lugar até agora, o jovem piloto, que compete com o conjunto ASW Image Juvenil, soma 102 pontos. Enzo Lázaro é quem lidera a categoria, com 150. Já Lucas, de apenas quatro anos, está em quarto lugar da categoria A, com 48 pontos. Em primeiro lugar na classificação aparece Pedro Oliveira Leite.