Trey Canard, piloto patrocinado pela Fly Racing

Toronto, Canadá, entra na rota do AMA SX

Trey Canard, piloto patrocinado pela Fly Racing

Trey Canard, piloto patrocinado pela Fly Racing

A 12ª etapa será a única prova do campeonato fora do solo norte-americano. Ryan Villopoto lidera a classe Supercross e Justin Barcia comanda a Lites costa Leste.

Neste sábado, dia 26 de março, o AMA Supercross desembarca na cidade de Toronto, Canadá, para a 12ª etapa da competição. Esta será a única etapa fora do estado americano, e com certeza será uma corrida cheia de emoções.

A briga pelo título ganhou novo fôlego depois da etapa de Jacksonville, na semana passada. Com as quedas de Ryan Villopoto e James Bubba Stewart, pilotos como Chad Reed, Ryan Duangey e Trey Canard voltaram a sonhar com a taça. A diferença do líder Villopoto para Canard, o quinto colocado, é de “alcançáveis” 27 pontos, e se pensarmos somente do primeiro para o segundo, a vantagem cai para sete tentos apenas.

“Fiquei muito desapontado com o que aconteceu em Jacksonville”, afirma Villopoto sobre as suas quedas e a não classificação para o main event na etapa passada. “Mas todos têm seus dias ruins e fico feliz por sair de lá bem fisicamente. Meu foco segue o mesmo. Quero voltar e fazer os pontos que deixei pra trás”, completa o piloto patrocinado pela Thor, marca que a Brasil Racing importa e distribui em território brasileiro.

No ano passado, mais de 42 mil pessoas foram ao Toronto’s Roger Centre assistir a corrida “canadense”. Interessante que dos últimos cinco anos em Toronto, Chad Reed e Bubba ganharam duas corridas cada um, e Ryan Villopoto venceu a outra, justamente a do ano passado.

A corrida deste sábado está marcada para as 19h do horário local (20h do horário de Brasília).

Lites costa Leste
A categoria Lites costa Leste vai afunilando cada vez mais. Restam apenas três etapas para serem realizadas antes da grande final em Las Vegas. Enquanto Justin Barcia mantém-se na liderança da categoria, Dean Wilson e Blake Baggett, os dois pilotos da equipe Pro Circuit, correm famintos pelo título.

Baggett, que na corrida passada não conseguiu classificação para o main event por causa de uma queda na classificatória, lamenta o episódio, mas planeja voltar ao pódio o mais breve possível. “Sei que sou um dos pilotos que podem vencer as corridas. Não estar nem na final me frustrou muito, mas tenho mais quatro provas pra mostrar que posso vencer”, lembra.

Wilson estará em casa no Canadá, já que morou lá por muito tempo. “Estou entusiasmado de ir para o Canadá e ver todos os grandes fãs. Adoro voltar ao Canadá e rever meus velhos amigos”, comenta.

Classificação do campeonato
Supercross class (onze etapas realizadas)
1º) Ryan Villopoto – 221 pontos
2º) Chad Reed – 214 pontos
3º) Ryan Dungey – 203 pontos
4º) James Stewart – 198 pontos
5º) Trey Canard – 194 pontos

Lites costa Leste (cinco etapas realizadas)
1º) Justin Barcia – 116 pontos
2º) Ryan Sipes – 99 pontos
3º) Dean Wilson – 97 pontos
4º) Blake Baggett – 85 pontos
5º) Matt Lemoine – 69 pontos

Próximas etapas
26/3 – Toronto/Ontário/Canadá (Leste)
2/4 – Arlington/Texas (Leste)
9/4 – St. Louis/Missouri (Leste)
16/4 – Seattle/Washington (Oeste)
30/4 – Salt Lake City/Utah (Oeste)
7/5 – Las Vegas/Nevada (Final)