Foto: Kenan Sofuoglu, piloto Honda no Mundial de Superbike

Tradicional circuito de Monza recebe Mundial de Superbike

Foto: Kenan Sofuoglu, piloto Honda no Mundial de Superbike

Foto: Kenan Sofuoglu, piloto Honda no Mundial de Superbike

O mais antigo autódromo permanente da Europa será o palco da quinta etapa do Campeonato Mundial de Superbike e Supersport, neste final de semana (9 e 10). O autódromo Nacional de Monza, na Itália, conta com quase seis quilômetros de pista que prometem protagonizar grandes confrontos.

Os pilotos Honda chegam ao desafio com grande expectativa. Leon Haslam, da equipe Stiggy Racing Honda, é atualmente o terceiro colocado na Superbike e Eugene Laverty, da Parkalgar Honda é o segundo na Supersport.

Haslam conseguiu dar um importante passo na última etapa em Assen, na Holanda ao conseguir terminar a corrida em segundo lugar. Já Laverty garantiu duas vitórias na temporada. Kenan Sofuoglu, da Hannspree Ten Kate Honda está apenas três pontos atrás de Laverty.

A briga na Supersport conta ainda com fortes adversários como Andrew Pitt (Hannspree Ten Kate Honda). Ele defende o título de campeão 2008 e espera que esteja recuperado da colisão sofrida em Assen onde sofreu uma lesão na mão.

Na Superbike, Haslam é seguido por Jonathan Rea, da Hannspree Ten Kate, em nono lugar e o companheiro de equipe Carlos Checa é o 11º na classificação geral.

Haslam se diz ansioso para a corrida em Monza, especialmente depois do bom resultado em Assen. “Penso que esta etapa pode ser um pouco mais difícil, por conta da pista que é muito rápida. Eu gosto do desafio e acho que podemos ter um saldo semelhante ou até melhor.”

Rea segue empolgado pel o resultado garantido em Assen. “A última etapa foi muito mais positiva para a equipe, após as dificuldades nas primeiras rodadas. Monza é um circuito muito rápido e acredito que a moto irá se adequar bem. Vou para tentar recompensar minha equipe por todo o trabalho duro que eles tiveram nas últimas semanas”, garantiu.

Ryuichi Kiyonari quer se recuperar do mau desempenho em Assen. “A última etapa não foi tão boa para mim. No primeiro dia tudo saiu bem, mas depois tive problemas. Gosto de Monza, onde tive um bom resultado no ano passado. Se eu andar bem e tiver sorte, acho que vou ter um bom saldo.”

Carlos Checa segue confiante. “No ano passado, em Monza não foi tão bom para mim, por isso, estou confiante que tudo será melhor nesta temporada. É um circuito histórico e tem um grande nome na modalidade. Todos na equipe têm trabalhado duro e há um a boa atmosfera.”

Jake Zemke está otimista para garantir um bom resultado. “Estou extremamente animado para a corrida este fim de semana. A equipe é de primeira qualidade e tem conseguido bons resultados. Sei que o italiano é apaixonado por corridas. Vou dar meu melhor em Monza.”

Tommy Hill fará sua estreia em Monza. “Nunca corri nesta pista antes. Terei que me familiarizar com o circuito a partir de sábado. Estou ansioso para conhecer este histórico circuito. Após as primeiras quatro rodadas da minha temporada inicial na Superbike estou mais confiante”, revelou.

Eugene Laverty também se mostra ansioso para a etapa de Monza. “Será uma nova pista para mim. Não parece ser das mais difíceis de aprender. Acho que outras do calendário serão mais difíceis. É provavelmente a pista ma is rápida do campeonato.”

Kenan Sofuoglu quer melhorar o desempenho da última etapa. “Fiquei muito decepcionado com o resultado de Assen. Havia um ponto do circuito onde eu perdi muito tempo. Monza é agradável e vamos começar de novo com um poder extra. Eu gosto muito de Monza e a última vez que venci uma corrida na Supersport foi lá. Quero fazer o mesmo no domingo, mas há muito trabalho até lá.”

Andrew Pitt se diz recuperado da lesão na mão. “O ferimento está muito bem. Estarei em forma para o fim de semana. Monza é um circuito que tem um lugar especial na agenda e meu objetivo é estar lá no domingo”, finalizou.