Trânsito e preço mais baixo elevam demanda por navegadores em São Paulo

De acordo com a Movix, representante no Brasil da Mio, uma das maiores fabricantes de GPS do mundo, o crescimento nas vendas se deve … queda no pre‡o dos aparelhos e … maior quantidade de ve¡culos nas ruas de SÆo Paulo.

A maior metr¢pole da Am‚rica Latina tamb‚m conquistou, no in¡cio deste ano, um outro grande t¡tulo: a de detentora da maior frota de carros do Brasil. SÆo seis milhäes de ve¡culos registrados pelo Detran, o que representa 14% do total de autom¢veis de todo o Pa¡s. Este cen rio tem gerado uma procura crescente pelos navegadores veiculares, conforme confirmado pela empresa Movix, fabricante de softwares para GPS e representante no Brasil da chinesa Mio, uma das maiores fabricantes mundiais destes equipamentos. Com a maior lentidÆo apresentada nas vias expressas da cidade, alguns motoristas j  se preocupam em encontrar rotas alternativas para fugir de engarrafamentos e os navegadores tˆm sido uma boa sa¡da para o trƒnsito ca¢tico.

Atualmente, os cerca de seis milhäes de ve¡culos paulistanos circulam por apenas 15,3 mil quil“metros de piso asfaltado, fato que s¢ torna mais complicado o deslocamento pela capital. Al‚m disso, um motorista comum dificilmente conhece caminhos alternativos que nÆo as vias expressas, o que piora a movimenta‡Æo.

“Em uma cidade como SÆo Paulo ‚ imposs¡vel conhecer todos os lugares. Quem utiliza um GPS desfruta de maior seguran‡a, facilidade, otimiza‡Æo e economia de tempo e combust¡vel”, diz Luis Filipe Costa, coordenador de produtos da Movix. “Isso porque ele ‚ capaz de calcular rotas mais curtas ou mais r pidas para se chegar at‚ um determinado destino e esse ‚ um dos fatores que vem elevando a procura por navegadores”, acrescenta.

De acordo com ele, a previsÆo da Movix de faturamento com a venda de navegadores ‚ de R$ 15 milhäes para este ano. A empresa come‡ou recentemente a comercializar no Brasil os equipamentos da fabricante chinesa Mio e expectativa ‚ a de importar 50 mil equipamentos da marca somente este ano. Comparando-se os meses de janeiro e fevereiro de 2008 com o mesmo per¡odo de 2007, j  houve um aumento de 12% nas vendas do equipamento. E, por enquanto, a tendˆncia ‚ de que o crescimento do n£mero de ve¡culos nas ruas nÆo se estabilize, mas, ao contr rio, deve aumentar mais ainda a procura pelos navegadores.

S¢ para se ter uma id‚ia, entre dezembro do ano passado e janeiro deste ano, 82 mil carros foram vendidos, fato que tamb‚m contribui para a apari‡Æo de novos pontos de estrangulamento nas vias e congestionamentos. Dados da CET mostram que nos £ltimos trˆs anos a m‚dia di ria de picos de lentidÆo passou dos 77 km para 90 km durante a manhÆ. J  … tarde, foi dos 114 para 128 km.

Luis Filipe acredita que o uso de navegadores pode ser uma ferramenta £til para escapar de engarrafamentos e at‚ mesmo evitar sua forma‡Æo. “Ele ajuda a escapar de vias que, tradicionalmente, apresentam hist¢rico de trƒnsito lento. Utilizando uma rota mais curta, por exemplo, ele tira o motorista do fluxo das marginais. Acredito que o aparelho desempenha importante papel para os motoristas escaparem de alguns pontos problem ticos da cidade”, destaca.

Al‚m do aumento das vendas dos aparelhos de navega‡Æo, a Movix tamb‚m notou uma maior procura por softwares de navega‡Æo, que podem ser instalados em PDAs e Smartphones e transformam estes equipamentos em navegadores. A proje‡Æo de vendas para o mais procurado destes aplicativos, o Maplink Destinator, ‚ de 50 mil licen‡as para o ano de 2008. Fora isso, a queda no pre‡o dos aparelhos de navega‡Æo tamb‚m deve elevar a demanda por estes produtos at‚ o fim do ano.

Recentemente, o governador do Estado de SÆo Paulo, Jos‚ Serra (PSDB), afirmou que dentre as solu‡äes para a melhoria do trƒnsito na cidade estÆo a retirada de circula‡Æo de caminhäes pelas vias urbanas a partir da constru‡Æo do Trecho Sul do Rodoanel. O governo deve investir, ainda, no transporte p£blico, principalmente no Metr“ e na Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). Ambas as solu‡äes sÆo de longo prazo.