Foto: Triumph 675 Daytona - Divulgação

Triumph 675, Penso logo existo, Encontrar o melhor combustível.

Foto: Triumph 675 Daytona - Divulgação

Foto: Triumph 675 Daytona - Divulgação

Olá, primeiramente gostaria de parabenizá-los pelas excelentes matérias que apresentam. O motivo de meu contato é que gostaria de saber se já publicaram algum teste comparativo entre a CBR 600RR e a Triumph Daytona 675. Estou buscando informações que possam me ajudar na compra de um esportiva dessa categoria. Obrigado, Julio 36, Guarulhos, SP

R: Júlio veja um comparativo entre todas da categoria, que no caso da 675 está um pouco acima por causa da cilindrada maior. em: http://www.motonline.com.br/default.asp?cod=12767&categoria=5&show=1
“O teste, que reúne em uma mesma pista um grupo de jornalistas de revistas de vários países (incluindo o Brasil) elegeu novamente a Triumph Daytona 675 a melhor em sua categoria. Esta pequena notável inglesa alcança assim a sua 4ª vitória em 4 participações, ou seja, desde que foi lançada nunca perdeu este importante comparativo”. Abraços.

Binteca, esta vai pro Lucas que quer diminuir o curso do acelerador de sua intruder, eu tenho uma yes e isso me irritava tambem, depois de testes constatei que se colocar uma roldana, somente a roldana e mais nada, da titan diminui um pouco o curso e não precisa adaptar nada, mas se quizer uma redução significativa instale a roldana da xtz 125, necessita desbastar pontos do suporte (a parte de plastico preto que segura os botões de partida e farol)que entram em contato com a roldana e tornam dificil o acionamento, mas nada que uma faca ou uma lima chata não resolvam rapidamente, depois é só alegria pois melhora até a sensação de resposta do motor. Evandro, 28, Santarém, PA.

Foto: Bitenca

Foto: Bitenca

R: Boa Evandro. Criatividade e iniciativa, melhor: Educação, são os requisitos necessários para resolver nossos problemas. Você realizou a modificação que eu sugeri ao Lucas mas não tinha as informações necessárias à prática da adaptação. Como você resolveu o problema fica aqui o registro para futuros motonliners com o mesmo tipo de caso. Às vezes uma modificação dessas ajuda em muito a condução da moto e o curso do acelerador, como você diz pode até ser irritante, se obrigar ao piloto refazer a pega do punho, porque o curso de maior conforto do pulso é inferior ao necessário para cobrir toda faixa de aceleração disponível. Acho até que os fabricantes fazem isso de propósito para gerar uma tendência (e fama) de moto de mais economia do que ela realmente tem. O piloto se vê trafegando na faixa útil disponível ao seu pulso e poucas vezes chega a acelerar tudo que pode, o resultado disso é maior economia. Vendo por esse lado é bom, mas prefiro decidir por mim mesmo, flexionando menos o pulso nas acelerações, se e quando eu quiser. Engraçado vermos a mesma filosofia do ABS aplicada no acelerador. Isso aconteceu também nos EUA quando forçaram o uso do capacete na Califórnia. O povo entrou com recursos reinvidicando o direito de não usá-los. Conseguiram pois os únicos prejudicados eram os próprios pilotos. Aqui precisamos de lei para sermos obrigados a usufruir de proteção a nós mesmos.
De novo, colegas motociclistas, incentivo a educação e treinamento para nossa segurança e melhores práticas de nossos políticos e fabricantes desses veículos que tanto nos atrai. Abraços.

Olá! mais uma vez venho utilizar este excelente ferramenta para esclarecer minhas dúvidas, desde já muito obrigado pelos esclarecimentos anteriorese vai a dúvida do momento: Acabei de comprar uma Falcon 2008 e no primeiro tanque de combustivel que usei, abasteci com gasolina comum shell, e não tive muito problema com os gases que deixam as roupas fedendo (minha esposa enlouquece com isso…rsrsrs), ja no segundo abastecimento foi com gasolina aditivada BR e a emissão de gases aumentou, minha dúvida e se a gasolina aditivada aumenta essas emissões ou se a gasolina do posto que abasteci ou da BR é inferior a Shell. Paulo, 29, Salvador, BA.

Paulo, essa moto, apesar de não conformar com o Promot 3 não deve ter o nível de emissão tão ruim. Apesar de o escapamento estar alto, perto do nariz do freguês, ela já conta com equipamentos que diminuem bastante o problema. Observe que do combustível você espera uma boa partida pela manhã e uma boa quilometragem por litro consumido, faça as medições correspondentes a cada posto candidato. Divida os Km percorridos pelos litros abastecidos para ter o tanque cheio novamente. A melhor resposta nas retomadas de velocidade também são indícios de um bom carburante. Não pode acelerar e ficar esperando que o motor ressurja com repentes, ou aumentando a rotação muito depois do que se espera. Isso é que vai indicar que as emissões também sejam reduzidas, pois a queima vai se apresentar mais completa. Assim, acho que as reclamações vão diminuir. Aditivada ou não, isso é o que interessa. Boa sorte.