Um Equinox de teste por três meses em três cidades americanas

Um Equinox de teste por três meses em três cidades americanas

Um Equinox de teste por três meses em três cidades americanas

Assim como a Chrysler emprestou seus carros a turbina a g s por seis meses a cem (cinqenta de cada vez) fam¡lias americanas para testes de campo nada profissionais quarenta e quatro anos atr s, a General Motors est  iniciando um programa p£blico de testes de cem Chevrolet Equinox FCs (fuel cell) a hidrogˆnio. A GM ficar  content¡ssima se receber delas respostas do tipo -nada especial-.

O Chevrolet Equinox normal ‚ um CUV (cross-utility, ve¡culo utilit rio de caracter¡sticas cruzadas, isto ‚, t¡picas de v rios tipos diversos de autom¢veis). Os cem carros serÆo utilizados por fam¡lias americanas residentes nas cidades de Nova York, Washington e Los Angeles durante trˆs meses cada uma, escolhidas entre mais de 11 mil peti‡äes. A id‚ia por tr s deste programa ‚ verificar quanto essas fam¡lias acharÆo que o Equinox ‚ diferente, ou parecido, com um CUV normal. Quanto mais ele for entendido como -normal-, mais a GM poder  fazer a transi‡Æo da economia de petr¢leo … economia de hidrogˆnio sem problemas para os clientes t¡picos americanos.

O Equinox FC se parece muito com um Equinox de linha, embora sua grade mais ampla e as entradas de ar de refrigera‡Æo no p ra-choques dianteiro sejam diversas. O FC vem com a maioria dos opcionais do CUV de produ‡Æo, como rodas de alum¡nio e pneus, ABS de quarta gera‡Æo, StabiliTrak, airbags de cortina, telem tica OnStar, sistema de navega‡Æo e r dio sat‚lite XM.

A instrumenta‡Æo ‚ normal, com exce‡Æo do tac“metro que ‚ substitu¡do por um mostrador de kilowatts que indica quanta eletricidade est  sendo usada ou quanta est  sendo devolvida … bateria pelos freios regenerativos. Uma mostra gr fica na tela de navega‡Æo mostra a dire‡Æo e a velocidade do fluxo el‚trico. Chave girada, ‚ necess rio uma curta espera (mas de minutos, nÆo segundos) antes de um ¡cone na forma de um carro verde aparecer no veloc¡metro e indicar que o carro j  pode ser usado. Em funcionamento, o Equinox FC ‚ quase absolutamente silencioso – inclusive no que se refere ao motor el‚trico, que normalmente ‚ baixo-estridente, ou raspante, …s vezes lamurioso. A GM trabalhou muito tornando-o silencioso .

NÆo h  transmissÆo (a tra‡Æo ‚ direta …s rodas dianteiras), mas h  duas -marchas-, drive e low. O low pode ser usado a qualquer momento, para segurar o carro em descidas fortes, quando engata a frenagem regenerativa.

Al‚m da pilha de c‚lulas, o carro tem tamb‚m uma bateria de 35 kW, que age como um turbo num carro com motor de combustÆo interna. O que ele nÆo tem sÆo polias, correias, mangueiras etc. A pilha de c‚lulas est  escondida em baixo de um belo (e complexo) m¢dulo de distribui‡Æo de energia.

Juntas, as c‚lulas e a bateria entregam 126 hp de potˆncia e 320 Nm de torque – e levam o Equinox FC da imobilidade a 60 milhas (97 km) por hora em 12 segundos – embora a sensa‡Æo seja de bem menos que isso, devido ao imediatismo do motor el‚trico. A velocidade m xima ‚ de 161 km/h e o consumo de eletricidade ‚ equivalente a um litro de gasolina a cada 15 a 19 quil“metros. A autonomia, com tanque cheio de hidrogˆnio, ‚ de cerca de 240 km.

Uma queixa esperada ‚ a de freios de resposta muito imediata.

Jos‚ Luis Vieira


Jos‚ Luiz Vieira, Diretor, engenheiro automotivo e jornalista. Foi editor do caderno de ve¡culos do jornal O Estado de S. Paulo; dirigiu durante oito anos a revista Motor3, atuou como consultor de empresas como a Translor e Scania.  editor do site: www.techtalk.com.br e www.classiccars.com.br; diretor de reda‡Æo da revista Carga & Transporte. –