Vendas de motocicletas continuam em queda em novembro

Vendas de motocicletas continuam em queda em novembro

Vendas de motocicletas continuam em queda em novembro

O setor de duas rodas deve fechar novembro novamente em queda. O levantamento prévio das vendas do mês de novembro mostra queda em relação a outubro. Para o ano, a projeção é de que as quedas cheguem a pouco mais de 26%, em comparação com 2008.

“As exigências para liberação de crédito dificultam as vendas e afetam a produção”, conta Paulo Shuiti Takeuchi, presidente da Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares.

Segundo Takeuchi, a cobrança da Cofins retornou em outubro e refletiu significativamente nas vendas. O setor espera que com a entrada dos 13ºs salários nos bolsos dos trabalhadores as vendas se recuperem.

A Abraciclo informa também que há grande preocupação com estas dificuldades que refletem diretamente no PIM, Pólo Industrial de Manaus, onde se encontram as fabricantes de motocicletas. Com vendas e produção em baixa, a Moto Honda da Amazônia, maior montadora do setor duas rodas no país, paralisou a fábrica por quatro dias no fim de novembro. Esta foi a segunda paralisação em dois meses.