Foto: Heber Pedrosa utilizará a Copa Mercosul para conhecer o circuito de Curitiba

Visando o TNT Superbike, Spiga Racing participa da Copa Mercosul de Motovelocidade

Foto: Heber Pedrosa utilizará a Copa Mercosul para conhecer o circuito de Curitiba

Foto: Heber Pedrosa utilizará a Copa Mercosul para conhecer o circuito de Curitiba

A Spiga Racing, patrocinada pela Água Mineral Nobre, participa da 6ª etapa da Copa Mercosul de Motovelocidade, que acontece neste final de semana (23 e 24 de outubro), em Curitiba, PR. A equipe pretende utilizar a prova como preparação para a penúltima etapa do TNT SBK que acontece no mesmo autódromo, na semana seguinte.

Heber Pedrosa, Maycon Zandavalli e Newton “Cisso” Crespi representam a equipe, que chega completa à capital paranaense nesta quinta-feira. Uma das principais apostas do time para conseguir bons resultados, Heber Pedrosa comenta que, para ele, a prova será um grande aprendizado.

“É a primeira vez que participo de uma prova em Curitiba e irei enfrentar adversários totalmente desconhecidos para mim. Por isso, no início vamos avaliar quem é quem mas, com certeza, vamos chegar lá e ir pra cima dos adversários”, comentou o piloto que, mesmo sem conhecer, acredita que se dará muito bem no autódromo.

“Conversei com o Spiga, nosso chefe de equipe e ele disse que o autódromo tem o meu estilo de traçado e é parecido com o do Rio, uma das minhas pistas preferidas. Por isso, chego bastante empolgado para a prova”.

Pedrosa começou a competir profissionalmente na metade deste ano e, de lá pra cá, já conseguiu resultados bastante expressivos como, por exemplo, o quinto lugar na 7ª etapa do SuperBike Series, que aconteceu no Rio de Janeiro, RJ.

Em crescente evolução, o piloto paulista se prepara para sair do Brasil e competir no exterior, em um futuro próximo. “Primeiro, tenho que conseguir melhorar ainda mais os meus resultados aqui, pois lá o nível é muito mais alto. Mas a minha meta é, no máximo em três anos, estar competindo fora do país”, aposta.

Além dele, a equipe irá contar também com Maycon Zandavalli e Newton “Cisso” Crespi. Cisso volta depois do acidente ocorrido no dia 12 de setembro, onde fraturou o pé esquerdo. Ele irá fazer uma última avaliação durante os treinamentos.

Para competir, Cisso preparou uma bota especial mas, devido ao inchaço do pé, não está conseguindo utilizar. “Estou utilizando em um pé uma bota normal e no outro a bota de um amigo, cinco números maior que a minha. Mas vou fazer mais alguns testes com a bota especial este fim de semana”, explicou.

Cisso irá pra Curitiba, onde participa dos treinamentos e, caso se sinta confortável, vai correr. Para conseguir pilotar, ele terá que obedecer a uma série de orientações médicas. “Tenho que colocar gelo de 15 em 15 minutos e passar uma pomada no pé, entre outras precauções”, comenta.

Maycon Zandavalli – o outro representante da equipe – é o que está mais acostumado ao autódromo de Curitiba e é outra aposta da equipe em bons resultados. O piloto, que corre em casa – é natural de Cascavel, PR – foi segundo colocado na 2ª etapa do TNT SuperBike, que aconteceu no mesmo autódromo este ano.

2011
Com a temporada 2010 praticamente encerrada, o time patrocinado pela Água Mineral Nobre, Spiga Racing já começa a planejar a próxima temporada. Os planos são bastante ousados. Para o ano que vem, a expectativa é que os mesmos pilotos sejam mantidos, mas o time pode ter novos patrocínios e uma estrutura bastante superior à deste ano.

“Estamos traçando o planejamento para, na próxima temporada, conseguirmos montar uma estrutura bem maior do que este ano. Estaremos com a equipe mais experiente e com um orçamento maior, o que nos permitirá dar mais exclusividade ao time”, explica Heber Pedrosa.

O piloto garante que, assim como em 2010, a equipe irá participar de todo o SBK Series e explica a importância da competição ter confirmado com antecedência a sua realização em 2011. “Todo dado é importante e, agora, podemos ir atrás de patrocinadores para a equipe, cientes de que vamos mais uma vez ter uma competição de alto nível no país”, diz.