Guidão estilo "drag-bar" e dois faróis dão à frente um visual próprio e particular

Você e sua moto com muito mais segurança

O verão sugere uma série de atividades ao ar livre e andar de moto está entre as preferidas. No entanto, ainda que a estação sugira menos roupa e mais sensação de liberdade, no caso do motociclista e do garupa, é sempre indispensável pensar no quesito segurança. Então, para que você não corra o risco de estragar o passeio, o especialista em pilotagem segura da The One Harley-Davidson, Gabriel Thomas, separou algumas dicas importantes.

Atividades com moto ao exigem o uso de todos os equipamentos de segurança, inclusive jaqueta com proteções

Atividades com moto exigem o uso de todos os equipamentos de segurança, inclusive jaqueta com proteções

“Uma das primeiras e mais importantes dicas que repassamos aos motociclistas é que o excesso de confiança atrapalha e muito. Geralmente, quando estamos muito confiantes, deixamos de promover a pilotagem defensiva, o que coloca o condutor e as demais pessoas, inclusive motoristas de carro, em risco. Sempre devemos estar atentos à maneira de pilotar, à nossa e às dos demais. Nunca podemos esquecer que a motocicleta nos deixa expostos, ou seja, em um acidente, na maioria das vezes levamos a pior”, explica o instrutor.

Algumas dicas podem ajudar na condução segura e na segurança do motociclista:

  • Verifique alguns itens básicos da sua motocicleta, como pneus luzes e pastilhas de freio;
  • Prefira o capacete fechado. O capacete, apesar de legal, facilita a entrada de insetos e detritos, podendo ferir os olhos e causar um acidente, além de não protegerem a região da boca em caso de queda;
  • Além do capacete, não deixe de utilizar botas de segurança e luvas. As mãos e os pés são os primeiros recursos que utilizamos em caso de queda. É fundamental também não deixar o corpo exposto, utilizando calças e jaqueta com proteções feitas para andar de moto;
  • Mantenha-se visível ao demais motoristas, principalmente, quando tiver a intenção de realizar uma ultrapassagem;
  • Respeite a sinalização de trânsito e conheça sua motocicleta. Aceite que nem sempre as leis são respeitadas e um carro pode avançar o sinal vermelho, por exemplo. Quando o sinal de trânsito abrir sempre observe se os carros estão parados ou parando;
  • Saiba entrar e sair das curvas em velocidade constante, principalmente, nas estradas. A alta velocidade te coloca em risco e a baixa também;
  • Tenha em mente que, nos cruzamentos onde a preferencial é sua, há sempre a possibilidade de um motorista não te ver. Diminua sempre!Separador_seguranca


Sidney Levy

Motociclista e jornalista, une na atividade profissional a paixão pelo mundo das motos e a larga experiência na indústria e na imprensa. É editor de conteúdo do Motonline desde 2009.