Volvo terá centro de pesquisas de acidentes na China

Com o Centro de Pesquisa de Acidentes de Trƒnsito na China, a Volvo continuar  a adquirir informa‡äes e expertise com intuito de desenvolver ve¡culos mais seguros, ao mesmo tempo que contribuir  para diminuir as situa‡äes de perigo nas rodovias do pa¡s mais populoso do mundo.

“O fundamento da filosofia de seguran‡a da marca Volvo ‚ dar o mesmo alto n¡vel de prote‡Æo para todos os nossos clientes, nÆo importa em qual pa¡s eles estejam. Para assegurarmos que os sistemas de alta tecnologia dos nossos ve¡culos funcionarÆo da melhor forma poss¡vel no intenso e crescente trƒnsito chinˆs, precisamos expandir ainda mais nossos pr¢prios conhecimentos”, diz Leif Johansson, Presidente e CEO do Grupo Volvo.

A pesquisa de acidentes de trƒnsito feita pela Volvo na Su‚cia ‚ a mais bem desenvolvida da ind£stria automobil¡stica. Em seu Centro de Seguran‡a em Gotemburgo, que come‡ou a operar no in¡cio da d‚cada de 1970 e que hoje tem opera‡äes locais nos Estados Unidos e na Tailƒndia, a Volvo est  construindo uma base de dados £nica, com descri‡Æo detalhada de mais de 40 mil acidentes envolvendo mais de 50 mil passageiros.

“O conhecimento sobre o que realmente acontece com o ve¡culo e seus ocupantes durante uma colisÆo tem sido um grande aliado no desenvolvimento de nossos produtos ao longo das d‚cadas. Nos £ltimos anos n¢s temos nos focado muito mais no que acontece nos £ltimos segundos antes do acidente. Isso possibilitou desenvolver melhores sistemas de seguran‡a ativa, que podem ajudar nossos clientes a evitar acidentes”, diz Fredrik Arp, CEO e Presidente da Volvo Autom¢veis.

Muitos sistemas de seguran‡a que foram colocados nos carros, caminhäes e “nibus da Volvo ao longo dos anos surgiram do conhecimento acumulado do estudo de acidentes de trƒnsito reais, como o volante deform vel e o cinto de seguran‡a de trˆs pontos.

Alguns outros exemplos de sistemas que ajudam a prevenir e evitar acidentes e tamb‚m a reduzir ferimentos (se o acidente for inevit vel), sÆo o SIPS (Sistema de Prote‡Æo Contra Impactos Laterais); melhor absor‡Æo de energia em impactos frontais offset e equipamentos de seguran‡a para crian‡as em autom¢veis; bem como os sistemas FUPS (Sistema de Prote‡Æo Contra Deslizamento Frontal) e ESP (Programa Eletr“nico de Estabilidade) para caminhäes e “nibus.

Queda de fatalidades nos £ltimos anos
O n£mero de fatalidades no trƒnsito da China totalizou 110.000 em 2003. Nos £ltimos anos, por‚m, houve uma redu‡Æo para 100.000, um sinal de que a China intensificou o foco em seguran‡a no trƒnsito e que est  come‡ando a ter resultados.

Agora a Volvo pretende contribuir para continuar reduzindo estes n£meros, criando um centro de pesquisas de acidentes de trƒnsito naquele pa¡s. A id‚ia ‚ que a pesquisa na China inclua carros, caminhäes e “nibus e aconte‡a em coopera‡Æo com organiza‡äes e universidades locais. A base e a contabiliza‡Æo dos dados permanecer  no centro de opera‡äes da Volvo na Su‚cia.

“N¢s lan‡amos um centro de pesquisa de acidentes similar na capital da Tailƒndia, Bangcoc, em 2003. A experiˆncia que n¢s adquirimos nessa opera‡Æo ser  usada para tornar o centro chinˆs altamente eficiente mais r pido”, disse Fredrik Arp.