VX 800, tensor, encontro, Hornet etc

VX 800, tensor, encontro, Hornet etc

VX 800, tensor, encontro, Hornet etc

Vener vel Mestre Tite, estive andando pelas quadras de Bras¡lia quando vi uma moto que nÆo conhecia, ‚ uma sukuki vx 800 Achei a moto bonita, lembrei da minha CB 400 por causa dos dois escapes, ela parece ser uma moto comprida e acho que ‚ boa pra viajar. EntÆo ai vai:  uma boa moto? a pilotagem ‚ mais esportiva ou mais cl ssica? seu motor ‚ bom? vale a pena? tem teste dela?
Francis – SÆo Paulo SP
Essa moto ‚ uma daquelas que nascem a partir de um motor. O motor V2 ‚ o mesmo da Intruder 800 e decidiram fazer uma moto urbana, com transmissÆo por carda. Eu j  testei e achei a moto interessante, embora nÆo compraria pois foram importadas poucas unidades e isso pode significar um imenso mico nas mÆos. Tamb‚m achei ela muito magra e sem gra‡a, al‚m de lenta para uma 800.

Tensor
Tite problema resolvido, nÆo pego mais mat‚rias aqui para divulgar no f¢rum www.gs500online.com.br , agora s¢ comento o assunto e passo o link para a mat‚ria no motonline, agora vamos a pergunta: como fa‡o para saber as condi‡äes da corrente de comando da minha moto? me disseram que tˆm que ouvir o barulho da moto, mas tenho a moto a pouco tempo e nem sei se est  diferente, antes eu tinha uma CBR450 e com certeza era bem menos barulhenta. Terei que mandar um mecƒnico abrir a tampa do motor para verificar?
Jefferson – Mau  S.P
Fala, pirata! Jeff, o barulho ‚ bem evidente e nÆo requer abertura do motor. Fica frio que vc vai rodar muito antes de aparecer algum ru¡do estranho.

Encontro
 o seguinte: o site motonline vai cobrir o IX Encontro Nacional e o III Encontro Internacional de Motociclismo? Vai ser l  em Cianorte – PR e pelo que vi no site http://www.lobosdaestrada.com.br vai ser chique o neg¢cio l , hein! At‚ luta de modelos no gel vai ter!
Jean – Teodoro Sampaio – SP
Se a organiza‡Æo do evento nos convidar, t“ dentro! Luta de mui‚ no gel? Ou melhor, que geleca!

Hornet
Ei Tite, j  que eu acertei a pergunta manda a¡ meu brinde! Agora que j  ‚ p£blico que vocˆ vai ser piloto de Copa Hornet, vocˆs irÆo fazer modifica‡äes visuais e mecƒnicas nas motos ou elas ficarÆo como originais? Se for modificar, fala pra gente ao menos as visuais j  que as mecƒnicas sei que vocˆ nÆo vai dizer mesmo.
Vilton – Recife, PE
Ainda nÆo temos o regulamento t‚cnico.

Intruder
Tio, me diz uma coisa, eu tenho uma Yes e testei esses dias uma Intruder. Cara, eu li o teste e nÆo posso alegar nada, tudo ‚ uma questÆo de opiniÆo, mas pq a Intruder vibra tanto? Eu me senti em cima de uma britadeira a 6.000 RPM. E sem contar que nÆo senti firmeza dela no asfalto, muito x“xa.
Alexandre – MatÆo SP
Caso nÆo tenha notado, a Yes e a Intruder sÆo motos DIFERENTES!

Corrente
Tio, tensor da corrente de comando da Twister s¢ o original ou pode ser um paralelo? ela ta com 59.000km, com ¢leo e filtro trocado tudo certinho, s¢ o chiado da corrente de com. q ta alto, troco ela tb?
Hugo – Teresina, Pi
Bom, essa ‚ uma questÆo puramente pessoal. Eu prefiro usar pe‡as originais, mas muitas pe‡as paralelas apresentam boa qualidade.

CDI
Tio essa vai pro Dino da moto rosa e pra quem interessar, existe no mercado um cdi de competi‡Æo sem limitador de rpm para a xtz mas serve na ybr, eh so encaixar e pronto. Este cdi eh fabricado pela xyz e pra xt 225 q queimou a bobina de for‡a da pra adaptar pois ele eh digital, um bom mecanico instala tambem nas kasinski e em qualquer outra moto monocilindrica 4t q possua gerador de pulso.
Evandro – Santarem PARA

Mirage
vcs ja testaram a mirage 250, tem alguma previsÆo de teste, ou alguma indica‡Æo de publica‡Æo desta moto, penso em adquirir uma 2001.
gerson – curitiba, pr
Ainda nÆo testamos, estamos aguardando a libera‡Æo da moto pela Kasinski.

Trens
Caro amigo Tite, soube por fontes ver¡dicas – meus informantes – que andou tirando umas fotos de trens completos – locomotivas, vagäes, carros de passageiros e esta‡äes tombadas pensando em mim, pois sabe que gosto muito de musica, moto, trem, uma bela de uma namorada, dos amigos e de uma mesa farta. EntÆo estou ansiosamente no aguardo destas fotos que devem ter ficado muito boas, pois al‚m de entender e conhecer muito bem todas as motocicletas, sei que tamb‚m ‚ bom fotografo. Um abra‡Æo, que tamb‚m vale para o Harada, o Durval e o Renzo.
Julio Carone – SÆo Paulo – SP
Caro Julio Carone, vc nÆo tem vergonha de ficar brincando de trenzinho? Eu me referia aos trens que os mineiros falam: ˆta trem bÆo, s“!

Burgman
Gostaria de saber se tem uma previsÆo para um teste com a Burgman 125 e a Future 125 comparando-as com a Biz e a Neo? Parece q vc j  andou com a Burgman, aquele pneu pequeno nÆo fica meio inst vel na chuva? Principalmente passando em cima daquela facha pintada no asfalto ou na facha de pedestre?
Carlos – Fpolis – SC
Tenho uma burgman AN125 da Suzuki, gostaria de saber onde posso comprar a tinta original dela (vermelha)
Mario – SÆo Paulo
mrvarela@dow.com
Carlos, se eu morasse em Florian¢polis – o que infelizmente nÆo ‚ o caso – eu nÆo veria problemas em rodar de Burgman 125, principalmente depois da opera‡Æo Tapete Negro. Rodas pequenas sÆo menos est veis, mas as ruas de Floripa nÆo tem problemas. M rio, seu endere‡o est  a¡, se algu‚m souber sobre essa tinta, favor enviar para nosso amigo motonliner.

Clube
venho por meio desta informo que o clube Parceiros do Sul , aqui em SÆo Luis est  tentando organizar o I-encontro Nordeste de motociclismo, muito gostaria de entrar em contato com os outro clube na regiÆo nordeste e nos adicione nesta lista , sou um dos fundadores.
Jonas – SÆo jos‚ de Ribamar
Jonas, cadastre seu clube em nossa se‡Æo de motoclubes.

V-Blade
Tite venho concordar com vossa senhoria sobre os coment rios referentes a vblade, realmente a traseira daquela moto deixa a desejar, e digo mais o peso e a potencia tamb‚m, a Sundown dava pinta que seria tudo de bom e ta se mostrando outra Kasinski ou Traxx da vida, produtos de baixa qualidade e pouco respeito pelo consumidor, ‚ muito pedir produtos bons e com pre‡os justos sem ter que se contentar com uma marca q com mais de 30 anos no mercado brasileiro ainda nÆo consegue oferecer uma gama de produtos satisfat¢rios pros motociclistas. Adimiro a qualidade mas reprovo e muito a variedade de produtos Honda no mercado.
Evandro – Santarem PARA

Cruz
Cara, fant stica sua explica‡Æo para a Cruz na titan! Fenomenal, vc estava inspirado! Temos que acreditar em Deus e que ele nos p“s aqui para praticarmos o bem! Meus parab‚ns mais uma vez!
Leandro – Ctba – PR
Aproveito para informar a todos os p ra-quedistas que enviaram dezenas de cartas sobre o “mist‚rio da cruz da CG”, que o editorial com a resposta est  no link: http://www.motonline.com.br/default.asp?cod=7121&categoria=2 por favor, leiam at‚ o fim. A carta mais impressionante foi de uma igreja cat¢lica que nos agradeceu a explana‡Æo e informaram que o texto foi repassado a v rios fi‚is. O que me surpreendeu foi descobrir o assunto discutido em outros sites e at‚ jornais e TODOS apontando a pe‡a como algo sobrenatural. Ou seja, o povo gosta mesmo ‚ de viajar na maionese.