Foto: Gustavo Takahashi, piloto da categoria Júnior do Team Honda

Wellington Garcia vence a categoria Pro em São Bernardo do Campo (SP)

Foto: Gustavo Takahashi, piloto da categoria Júnior do Team Honda

Foto: Gustavo Takahashi, piloto da categoria Júnior do Team Honda

Goiano ganha uma prova e fica em segundo na outra, mantendo a liderança da principal classe; Hector Assunção e Everaldo Filho continuam na ponta das categorias Júnior e 85cc, respectivamente

Wellington Garcia foi o grande destaque da quinta etapa do Arena Cross, realizada na noite deste sábado em São Bernardo do Campo, Grande ABC paulista. O piloto goiano do Team Honda venceu a primeira bateria da Pro e ficou em segundo na outra, mantendo a liderança da principal classe. Na Júnior, Hector Assunção teve a i nvencibilidade quebrada ao ficar em quarto lugar na corrida, mas continua liderando com folga. Everaldo Filho, em segundo na bateria da 85cc, também manteve a ponta na classificação geral.

-Estou muito feliz por ter ficado em primeiro lugar na geral. E fazia tempo que eu não vencia uma corrida no Arena Cross-, lembrou Wellington Garcia, que tem usado a regularidade como principal arma. O outro vencedor do dia na categoria Pro foi o paranaense Leandro Silva, que está voltando de uma lesão no pulso. -Este resultado tem um sabor especial, pois tenho batalhado muito para me recuperar desta lesão. Está difícil de treinar e eu fiquei bem ansioso na primeira corrida. Não esperava, mas consegui a vitória na segunda bateria-, comentou Leandro, que ficou bastante emocionado após levar a bandeira quadriculada. Ele ficou em segundo lugar na geral, na frente de Roosevelt Assunção.

A corrida da Júnior foi vencida por Gabriel Gentil, na frente de Gustavo Takahashi e Rodrigo Rodrigues. Hector comentou o resultado. -Não fiz uma boa largada e hoje as coisas não deram certo para mim. Quando tentei me aproximar dos ponteiros, acabei caindo. Mas, pensando no campeonato, foi um bom resultado. Continuo liderando com folga e vou seguir lutando pelo título-, disse o piloto paulista. Por ter chegado na frente de Hector, o companheiro de equipe Gustavo Takahashi, que é o vice-lider da classe, se aproximou um pouco mais na tabela. -Foi bom para tirar um pouco da vantagem do Hector-, afimou Takahashi.

Na 85cc, Endrews Armstrong foi o vencedor. Everaldo Filho correu no sacrifício e chegou na frente de Cézar Zamboni. -Eu caí e machuquei o braço direito durante os treinos, senti bastante dor durante a prova. Consegui o segundo lugar e continuo liderando. Vou lutar até o fim para sair campeão-, prometeu Everaldo, de Goiás. A bateria foi marcada ainda pelo retorno do paranaense Eduardo Rudnick, em 14o lugar. Ele estava afastado desde junho por conta de uma lesão no ombro. -Fiquei muito animado com a volta. Senti muito cansaço por conta da falta de ritmo, mas vou continuar trabalhando forte para recuperar totalmente-, concluiu.

Resultados – 5a etapa Arena Cross
São Bernardo do Campo (SP)
Pro – Bateria 1
1 – Wellington Garcia
2 – Roosevelt Assunção
3 – Rafael Zenni
4 – PipoCastro
5 – Leandro Silva
6 – Swian Zanoni
7 – Thales Vilardi
9 – Hector Assunção
10 – Gustavo Takahashi

Pro – Bateria 2
1 – Leandro Silva
2 – Wellington Garcia
3 – Swian Zanoni
4 – Ro osevelt Assunção
5 – PipoCastro
6 – Thales Vilardi
7 – Hector Assunção
9 – Gustavo Takahashi

Júnior
1 – Gabriel Gentil
2 – Gustavo Takahashi
3 – Rodrigo Rodrigues
4 – Hector Assunção
5 – João Paulo Feltz
9 – Rodrigo Lama

85cc
1 – Endrews Armstrong
2 – Everaldo Filho
3 – Cézar Zamboni
4 – Thiago Formehl
5 – Matheus Corguinha
14 – Eduardo Rudnick

O Team Honda tem apoio da Mobil, Pirelli, Showa, ASW, Polisport, Riffel, Oakley, Orbital, D.I.D., NGK, Master Freios, Pro Taper, Reebok, Griffe Correa e Yoshimura.