Yamaha vende mais ao mercado interno

As vendas de motocicletas no ƒmbito nacional cresceram 14% no primeiro quadrimestre deste ano, comparado a igual per¡odo de 2002.

Neste cen rio, a fabricante de motocicletas Yamaha, instalada na Zona Franca de Manaus, incrementou sua participa‡Æo de 10,8% para 13,1%, com um crescimento de neg¢cios da ordem de 37,8% em rela‡Æo a 2002. Foram colocadas no mercado interno 39,01 mil unidades contra 28,32 mil no ano passado.

Por outro lado, os dados da Abraciclo (Associa‡Æo Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas e Bicicletas) revelam tamb‚m que a Moto Honda continuou firme na atua‡Æo comercial interna, com um acr‚scimo de 10,9% at‚ abril. A empresa comercializou 255,51 mil motociclos, mas teve queda no ¡ndice de participa‡Æo no mercado, de 87,9%, em 2002, para 85,9%, neste ano.

A Kasinski fechou com retra‡Æo de 21,9% nos neg¢cios efetuados. A participa‡Æo tamb‚m reduziu de 1,1% para 0,7% nesse per¡odo, j  que a comercializa‡Æo caiu de 2,76 mil unidades, no ano passado, para 2,15 mil, em 2003. A Sundown fechou o per¡odo com a comercializa‡Æo de 758 unidades, um crescimento de 33,7%, comparado com 2002, quando os neg¢cios atingiram 567 motocicletas.

255,5 mil motociclos foram comercializados pela Honda no 1§ quadrimestre do ano, mesmo assim a companhia japonesa teve perda de mercado neste ano.

As duas exportadoras de duas rodas- Moto Honda e Yamaha- totalizaram, at‚ abril, um incremento de 105,4% de vendas para o com‚rcio exterior. No ano passado, foram 10,42 mil motocicletas contra 21,40 mil, em 2003.

A participa‡Æo da Honda saltou de 90,4% para 92%, o que refletiu queda para a Yamaha, que caiu de 9,6% em 2002, para 8%, neste ano.

Apesar disso, a Yamaha teve uma alta de 70,5% nos neg¢cios fora do pa¡s, exportando 1,70 mil motocicletas neste quadrimestre e 1 mil unidades, nos primeiros quatro meses do ano passado.

O resultado da Honda foi positivo, com incremento de 109,1% nas exporta‡äes, em rela‡Æo ao mesmo per¡odo de 2002. A fabricante mandou para o mercado externo 19,69 mil motocicletas, enquanto no ano passado, os neg¢cios ficaram em 9,42 mil unidades.