Zandavalli anuncia estreia da Honda modelo 2010 para terceira etapa do Superbike Series

Zandavalli anuncia estreia da Honda modelo 2010 para terceira etapa do Superbike Series

Zandavalli anuncia estreia da Honda modelo 2010 para terceira etapa do Superbike Series

Piloto paranaense da Spiga Racing aposta em equipamento ainda mais competitivo e frisa que meta imediata é aprendizado na nova modalidade

O movimentado calendário da motovelocidade brasileira devolve Maycon Zandavalli às pistas de corrida neste domingo (4) de Páscoa. O piloto paranaense da Spiga Racing vai disputar em Interlagos a segunda etapa do Pirelli Superbike. O evento marca a estreia de sua nova motocicleta, já o modelo de 2010 da Honda CBR 1000RR, que incorpora novos componentes e equipamentos que Zandavalli e o preparador Antonio “Spiga” Finardi trouxeram da Itália em fevereiro.

“Nossa ideia inicial era ter estreado a nova moto na corrida passada, mas preferimos esperar até agora”, contou o piloto. Ele já utilizou o novo motor há duas semanas, na primeira etapa do TNT Superbike, também no autódromo paulista. “A gente aproveitou para amaciar esse motor, ele estava bem -gordo-, agora vamos -afinar- bem”, explicou, citando termos que denotam regulagens que determinam o rendimento e o risco de quebra, em níveis inversamente proporcionais.
Zandavalli planeja aproveitar as quatro sessões de treinos livres da sexta-feira (2) para finalizar os acertos da nova moto. “Só precisamos de um dia de pista para deixar a moto na condição ideal. Tenho certeza que vamos ter uma condição bem melhor com a novidade”, apostou, animado. Nas duas provas em que atuou, nas etapas de abertura do Pirelli Superbike e do TNT Superbike, o piloto da Spiga Racing utilizou uma unidade de 2009 do modelo da Honda.

O Pirelli Superbike teve sua primeira etapa no dia 7 de fevereiro, também em Interlagos. Zandavalli não largou por conta do acidente que sofreu na tomada de tempos classificatória, que lhe custou um cotovelo fraturado. Na prova do dia 21 de março, pelo TNT Superbike, conquistou o terceiro lugar no grid e abandonou a corrida na terceira volta, quando perdeu aderência e sofreu uma queda. Os dois campeonatos, juntos, formam o Superbike Series 2010.

“Tenho sido bem rápido nos treinos, mas ser rápido é uma coisa, e ganhar corridas é outra. Tenho alguma experiência em pista, com karts e carros, a moto ainda é uma novidade para mim”, ponderou Zandavalli. “Vou participar de muitas corridas em 2010, meu objetivo agora é pegar experiência, aprender tudo que for possível. Os resultados vão aparecer de acordo com o trabalho. Estar ao lado do Spiga, que conhece tudo, vai me ajudar bastante”, disse.