Todas as avaliações do usuário

Avaliação de Flavio Toledo em 08/01/2014

Avaliou moto Yamaha YBR 125 K 2012

Comentários:
A moto é perfeita para o que se propõe: um meio de transporte altamente confiável, barato, econômico, estiloso e conveniente; apesar de ter baixo valor de revenda, é a melhor opção como primeira moto (ou segunda, no meu caso, pois já tive outra YBR antes desta)... Não tem muita velocidade final, mas aguenta pequenos trechos de rodovia se precisar. Não é recomendável fazer viagens longas ou viajar todo dia com ela, pois ela não foi feita pra isso... Muita gente acaba comprando motos pequenas e colocando na estrada, mas esquecem que motos de até 150cc têm proposta quase exclusivamente urbanas, então não se pode exigir muito delas na pista. Entre as motos pequenas de 125cc, considero a Factor a melhor opção no mercado, mesmo com outros modelos mais completos. Recomendadíssima!
Pros:
Entre os modelos em produção atualmente, considero a YBR o melhor modelo de 125cc do mercado. Super confiável, tem uma força impressionante em subidas íngremes (perde velocidade final por isso, mas não afeta o uso que eu faço dela); econômica - não costumo fazer cálculos para saber o quanto ela roda por litro, mas costumo gastar uns 30 reais por mês com combustível; sobre manutenção, não posso opinar com mais propriedade pois em 2 anos que eu tenho essa motinha nunca precisei fazer nada nela... a moto NÃO QUEBRA de jeito nenhum... apenas revisões e trocas de óleo, lubrificação da corrente, só coisa rotineira mesmo; tem um visual que chama a atenção, no meu caso eu escolhi a vermelha e a tonalidade é muito bonita, e o modelo 2012 vem sem nenhum cromado (gosto mais assim), com vários detalhes em preto fosco, como na tampa lateral e protetor de escapamento... é a mais bonita da categoria, na minha opinião
Contras:
Pouca velocidade final, mas como utilizo a moto quase exclusivamente em trânsito urbano, não me prejudica muito; borrachinha do pedal de partida solta com muita facilidade... a minha ainda está lá pois eu sempre coloco de volta no lugar com a mão, mas é raro ver uma YBR com partida a pedal que tenha essa borrachinha intacta, isso quando ela ainda está lá; ela também é um pouco barulhenta quando as válvulas adquirem a folga natural (válvula muito apertada também prejudica o motor, tanto quanto válvula muito solta), e o "tec tec tec" do motor dá a impressão que a moto esteja meio maltratada; valor de revenda muito baixo, mas isso é culpa do mercado que só quer saber de Honda... no mais, nenhum defeito grave ou qualquer característica negativa que faça um potencial comprador desistir da moto, pois os pontos positivos dela compensam com sobras a aquisição da mesma.

Condições do Teste

Tempo de Uso
Mais de um ano
Tipo de Uso
Transporte
Terreno Testado
Urbano
Quilometragem
5200
Manutenção
Fácil de encontrar
Custo de Mantenção
Baixo
5
5
5
3.5
5
5
5