Yamaha MT 03 660 cc

Yamaha MT 03 660 cc
Recomendação:
Satisfação Geral:
Dirigibilidade:
Visual:
Consumo:
Conforto:
Custo X Benefício:
Performance:
Leia as Avaliações Deixe sua Avaliações
Sobre a Yamaha MT 03 660 cc
A MT-03 foi classificada pela Yamaha como uma roadster-motard, mistura de uma naked “devoradora” de estradas com uma supermotard. O modelo traz um quadro tipo diamante e um motor monocilíndrico de 660 cm³ que remete a trail XT 660R. Porém, a motocicleta é equipada com rodas aro 17 e tem um visual pra lá de ousado.

Ficha Técnica

Cilindrada: 660
Tipo de Motor: 4 tempos
Arrefecimento: Líquido
Combustível: Gasolina
Potência Máxima: 48 cv a 6.000 rpm
Torque Máximo: 5,95 kgf.m a 5.250 rpm
Transmissão: 5 marchas
Injeção: Eletrônica
Suspensão dianteira: Garfo telescópico com 130 mm de curso
Partida: Elétrica
Ajuste da suspensão dianteira: Sem ajuste
Chassi: Aço
Suspensão traseira: Balança monoamortecida com 120 mm decurso
Peso (seco): 174
Comprimento: 2070
Largura: 860
Altura: 1115
Altura do Banco: 805
Distância entre Eixos: 1420
Pneu Dianteiro: 120/70-17
Pneu Traseiro: 160/60-17
Capacidade do tanque: 15
Ajuste da suspensão traseira: Pré-carga
Balança: Convencional

Outras Versões

MT 03 (660cc):   2008 / 2007
mais opções

Todas as Avaliações da Yamaha MT 03 660 cc

Recomendo
Classificação
Prós:
A moto que estou avaliando não é aquela MT 03 de 660 cc ano 2008, mas sim uma MT 03 2017 de 320 cc, que ainda não existe nas opções do site.

Moto muito moderna e bonita, cujo motor é bem forte e potente para a cilindrada. Possui 6ª marcha, o que é ótimo para pegar estrada. Sua velocidade máxima (6ª marcha a 12500 rpm) é de 192 km/h, velocidade que não alcancei porque ainda estou amaciando o motor, sendo assim não posso ultrapassar os 7000 rpm. Mas aos 6500 rpm na 6ª marcha ela atinge 100 km/h, foi assim que calculei a velocidade máxima. Essa moto é até um pouco mais rápida que algumas motos maiores, como a XT 660R, apesar dessa ser uma trail e a MT 03, uma naked. O torque é ótimo, bastante vigoroso, mas claro que não se compara ao de uma naked que possua 700 cc pra cima. Entretanto é suficiente para dar pau em uma Fazer 250 ou uma CB Twister, chegando até a andar junto com a CB 500F, cujo desempenho é só um pouco superior. Painel muito completo, embora faça falta o indicador "eco", presente em algumas motos da Yamaha e que serve para avisar quando o motociclista está pilotando de forma econômica. Mas a falta desse indicador é compensada pelos medidores de consumo instantâneo e de consumo médio. Essa moto é sem dúvida uma verdadeira obra-prima da Yamaha. Muito bem desenvolvida e projetada, assim como a R3, moto esportiva da qual a MT 03 é derivada.
Contras:
Minha queixa é quanto ao consumo, que fica entre 15 e 20 km/litro na cidade. Mas na estrada é comum ela chegar a 30 km/litro. Acredito que o consumo vai melhorar quando a moto terminar de amaciar o motor. Fora isso, não tenho do que reclamar. Por enquanto, já que ainda não cheguei a rodar 100 km com ela.
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Meio de Transporte
Terreno Testado:
Urbano, Estrada
Quilometragem:
70
Manutenção:
Dentro do esperado
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 14/06/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
11 pessoas gostaram
Recomendo
Classificação
Comentários:
É uma moto que impressiona pelo porte e tem um jeitão "do mal", tem um torque muito forte que chega a assustar em arrancadas e retomadas abaixo dos 100km/h. Ela é uma moto tipo "Fun bike" que na minha opinião é boa para trajetos curtos.
Apesar de não ser das mais visadas a minha foi roubada, e portanto não tenho como divagar mais sobre o modelo.
Pra quem gosta de velocidade final caia fora, essa moto é de 1 cilindro e não corre muito, é boa pra tirar onda até os 120km/h. Não recomendo para cardíacos, iniciantes e medrosos, porque a graça é justamente arrancar, deitar e retomar.
Prós:
Divertida. É é um trator com duas rodas. Arrancada assustadora e retomada surpreendente. Linda, Cara de "bad bike". Ótima de curvas, dá pra deitar bastante.
Contras:
Suspensão bem dura, vibra muito, depois de uma hora em cima dela não se sente mais a bunda. Apesar de ser uma 660cc ela não passa de 150 km/h (se bem que a proposta não é essa mesmo...)
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Meio de Transporte
Terreno Testado:
Urbano
Quilometragem:
17000
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 09/03/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
1 pessoa gostou
Recomendo
Classificação
Prós:
Agora que já tenho essa MT 03 320cc há mais tempo e já andei mais de 1000 km com ela, posso afirmar que as principais qualidades dela além do visual moderno, a sexta marcha e a alta velocidade final (192 km/h), é que ela tem uma mecânica bastante confiável - ela não te deixa na mão - e uma boa performance, seja em ruas ou estradas. Além da alta tecnologia embarcada e dos pneus com os quais ela vem de fábrica, que são muito bons.
Contras:
Os bancos são duros. A suspensão também, mas isso é normal pra uma moto dessa categoria. E eu esperava que o consumo de combustível fosse melhorar depois do amaciamento do motor, mas ainda continua extremamente alto para uma moto de 320 cc: 18 km/l na cidade e 25 km/litro na estrada. Antes eu disse que era comum ela fazer mais de 30 km/litro na estrada, mas isso só em declives mesmo... Tem moto de mais de 600 cc por aí que gasta menos gasolina. Pra quem não se incomodar com tamanha gastança de combustível, eu recomendo essa moto.
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Meio de Transporte
Terreno Testado:
Urbano, Estrada
Quilometragem:
1500
Manutenção:
Dentro do esperado
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 15/04/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
11 pessoas gostaram
Não Recomendo
Classificação
Prós:
Bonita , custo benefício ótimo , valor justo em comparação as de mesma cc .
Manutenção fácil
Contras:
Esquenta muito pernas , painel problemático, .moto pesada uso diário apenas laser .
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Lazer
Terreno Testado:
Urbano
Quilometragem:
38500
Manutenção:
Dentro do esperado
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 12/10/2021
SIM
Esta análise foi útil para você?
0 pessoa gostou
Recomendo
Classificação
Prós:
Moto muito forte , com um belo torque que possui uma arrancada muito forte, ótima Dirigibilidade , muito confortável sua posição de pilotar, um visual bem moderno para um moto de 2008, que empoem seu respeito no perímetro urbano. Por onde passa sempre tem um pessoa admirando.
Contras:
Vibra muito, mas isso e normal para um moto mono cilíndrica;
Velocidade final chega as 174 km por hora, mas num velocidade a 150 o vento te joga para traz, dificultando a pilotagem.
Em transito urbano tende a esquentar as pernas devido as constantes paradas.
Peças muito caras , difíceis de encontrar e com grande períodos de espera para receber as peças. Mas isso na parte de carenagem , na mecânica a mas fácil por ser a mesma mecânica da XT660.
Comercio muito ruim na hora que precisar vender.

Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Meio de Transporte
Terreno Testado:
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem:
2008
Manutenção:
Difícil de encontrar
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 05/06/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
30 pessoas gostaram
Recomendo
Classificação
Prós:
Dirigibilidade e torque são suas fortalezas. Eu ando no transito como se estivesse em uma CG mas com o torque de uma 660. Atende perfeitamente a necessidade de quem roda em perimetro urbano e viagens curtas. O design diferente chama atenção onde passa. Freios extremamente eficientes.
Contras:
Andar de bermuda é meio incomodo, os escapes do lado esquerdo esquentam muito, já até queimei leve a perna. Falta do marcador de combustível, mas é questao de costume. Conforto para o garupa é pouco.
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Menos de um ano
Tipo de Uso:
Utilitário (Trabalho)
Terreno Testado:
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem:
40000
Manutenção:
Dentro do esperado
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 13/06/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
23 pessoas gostaram
Recomendo
Classificação
Prós:
Como mencionado anteriormente é um trator sob duas rodas, possui muito torque desde o regime de marcha lenta, característico de um monocilíndrico. Prós: Torque, aceleração de 0 a 80km/h não tem para ninguém, banco confortável, banco do garupa possui algum conforto também, componentes de marcas prestigiadas como os freios Brembo, rodas Enkei, amortecedor traseiro Sacks, visual de mais de 10 anos que ainda chama atenção por onde passa. Um dos melhores custo x beneficio atualmente para uma 660cc, claro se você for daqueles que é fanático por som de 4 cilindros e velocidade final... a velocidade final dela é de 170 km/h... a avaliação acima fala de final de 150 km/h deve ter alguma coisa errada pois ela chega fácil nessa velocidade.
Contras:
Como dito por ser um "mono" tem muito torque mas pouca velocidade final 170km/h, o banco entra água pelas costuras se ficar na chuva por muito tempo você vai perceber que da uma encharcada mas não é muito, o motor tem um regime de rotação característico e uma faixa em que gosta de trabalhar, depois que acostumamos com a moto melhora muito as vibrações e aspereza, mas para quem da apenas uma volta nesta moto pode achar muito ruim. Colocando a coroa da Xt 660 a moto fica muito melhor neste aspecto. Acho o consumo um pouco elevado de 13 a 18 km por litro... minha média é 16 e 17. Possui um defeito cronico que hoje já esta bem difundido e com bastante conteúdo na internet que é no CDI onde queima uma resistor e a moto passa a não ligar... trocando o problema resolve e no meu caso eu mesmo o fiz pois gosto de eletrônica. Acredito que não tem jeito toda MT-03 660 vai apresentar este problema.
Condições do Teste:
Tempo de uso:
Mais de um ano
Tipo de Uso:
Meio de Transporte
Terreno Testado:
Urbano, Terra, Estrada, Pista
Quilometragem:
24
Manutenção:
Dentro do esperado
Custo de Mantenção:
Normal
Satisfação Geral
Dirigibilidade
Visual
Consumo
Conforto
Custo X Benefício
Perfomance
Enviada em 20/04/2023
SIM
Esta análise foi útil para você?
19 pessoas gostaram
mais opções

Outras motos Yamaha à venda

De R$ 23.000,00 a R$ 23.000,00 entre 1 oferta
Yamaha MT 03 660 cc
R$ 23.000,00
Yamaha MT 03 660 cc

Guias de motos Yamaha

foto moto yamaha/wr-200 Yamaha WR 200
Yamaha WR 200
foto moto yamaha/n-max Yamaha N Max
Yamaha N Max
foto moto yamaha/fz15 Yamaha FZ15
Yamaha FZ15
foto moto yamaha/factor-125i Yamaha Factor 125i
Yamaha Factor 125i
foto moto yamaha/neo Yamaha Neo
Yamaha Neo

Notícias sobre motos da Yamaha

capa noticia Yamaha R 1: porque ícone da Yamaha deve sair de linha
Yamaha R 1: porque ícone da Yamaha deve sair de linha
Yamaha R 1: porque ícone da Yamaha deve sair de linha
capa noticia Exclusivo: apenas um país tem esta icônica moto Yamaha à venda
Exclusivo: apenas um país tem esta icônica moto Yamaha à venda
Exclusivo: apenas um país tem esta icônica moto Yamaha à venda
capa noticia Após Honda e Yamaha, outra marca lança 'aventureira incomum'
Após Honda e Yamaha, outra marca lança 'aventureira incomum'
Após Honda e Yamaha, outra marca lança 'aventureira incomum'
capa noticia Motos elétricas: Yamaha injetou R$ 100 MI em 'marca parceira'
Motos elétricas: Yamaha injetou R$ 100 MI em 'marca parceira'
Motos elétricas: Yamaha injetou R$ 100 MI em 'marca parceira'