rally-dakar-2019-1

Brasil terá 11 representantes no Dakar 2019 – 2 nas motos!

Desde 2009, quando o Rally Dakar migrou da Europa e África para a América do Sul, nós sonhamos com a passagem do maior evento off road do mundo em terras brasileiras, mas nunca aconteceu. Além disso, no ano passado não tivemos nenhum representante verde e amarelo nas motos (mesmo com 142 veículos no grid), mas a 41ª edição será diferente.

O Dakar e suas paisagens impressionantes. Este é Matthias Walkner, que levou a KTM ao seu 17º título consecutivo, em 2018

O Dakar e suas paisagens impressionantes. Este é Matthias Walkner, que levou a KTM ao seu 17º título consecutivo, em 2018

O Rally Dakar 2019 acontece apenas em território peruano (logo, ficamos sem etapas no Brasil novamente), mas estaremos representados por dois pilotos nas motos, os estreantes Marcos Colvero e Lincoln Berrocal – este um paranaense veterano, com 60 anos de idade! Já nos UTVs, o Brasil defenderá o bicampeonato, conquistado em 2017 por Leandro Torres e Lourival Roldan e no ano passado por Reinaldo Varela e pelo navegador Gustavo Gugelmin.

Brasileiros no Dakar

A escalação brasileira nos UTVs terá os atuais campeões, Reinaldo Varela/Gustavo Gugelmin, e também as duplas Bruno Varela/Maykel Justo, Cristian Baumgart/Beco Andreotti e Marcos Baumgart/Kleber Cincea. Já o campeão de 2017, Lourival Roldan, competirá com o piloto português Miguel Jordão – todos a bordo do Can-Am Maverick X3.

Delegação brasileira é favorita ao título nos UTVs, categoria com vitória verde e amarela desde seu surgimento, em 2017. Na foto, Marcos, Reinaldo, Gugelmin, Cristian, Beco, Kleber e Lourival

Delegação brasileira é favorita ao título nos UTVs, categoria com vitória verde e amarela desde seu surgimento, em 2017. Na foto, Marcos, Reinaldo, Gugelmin, Cristian, Beco, Kleber e Lourival

Nas motos, Marcos e Lincoln correrão de KTM 450 Rally – marca que venceu todas as edições do rali disputadas na América. O paranaense ‘master’ realizará o sonho de correr no Dakar, apostando na experiência adquirida nos dois títulos Brasileiros de Cross-Country, além de várias taças nos Paranaenses de Velocross, Cross-Country e Motocross. Ele é empresário do ramo de joias e participou do Dakar Series (uma espécie de seletiva ao redor do mundo, acompanhando o Mundial de Cross Country) para garantir seu passaporte ao 41ºRally Dakar.

Vários títulos na carreira, disposição de guri e o sonho de correr o maior rali do mundo. Este é Lincoln Berrocal, de 60 anos

Vários títulos na carreira, disposição de guri e o sonho de correr o maior rali do mundo. Este é Lincoln Berrocal, de 60 anos

Rally Dakar 2019

Desde que ele ocorre no continente, esta será a primeira vez que o rali acontece exclusivamente em um país só – no Peru. O Dakar 2019 será promovido de 06 a 17 de janeiro de 2019, dividido em 10 etapas, com 70% disputado sobre areia, com início e chegada na capital Lima. Serão percorridos cinco mil quilômetros em motos, quadriciclos, UTVs, carros e caminhões. Relembre como foi o Dakar 2018 aqui.

Programação:

6 de janeiro: Pódio de partida em Lima
7 de janeiro: Etapa 1 – Lima-Pisco
8 de janeiro: Etapa 2 – Pisco-San Juan de Marcona
9 de janeiro: Etapa 3 – San Juan de Marcona-Arequipa
10 de janeiro: Etapa 4 (Maratona) – Arequipa-Moquegua (motos e quadriciclos) e Arequipa-Tacna (carros, caminhões e SUVs)
11 de janeiro: Etapa 5 (Maratona) – Moquegua-Arequipa (motos e quadriciclos) e Tacna-Arequipa (carros, caminhões e SUVs)
12 de janeiro: dia de descanso em Arequipa
13 de janeiro: Etapa 6 – Arequipa-San Juan de Marcona
14 de janeiro: Etapa 7 – San Juan de Marcona – San Juan de Marcona
15 de janeiro: Etapa 8 – San Juan de Marcona-Pisco
16 de janeiro: Etapa 9 – Pisco-Pisco
17 de janeiro: Etapa 10 – Pisco-Limarally-dakar-2019-2

separador_rally



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever