Notícias e Conteúdo
Gerais

XRE 300: 5 curiosidades sobre a moto aventureira da Honda

04/02/2022 - por

A XRE 300 é uma das principais motos da Honda no mercado nacional, desenvolvida aqui e especialmente ao público brasileiro. Sucesso de vendas, chegou em 2009 e logo ocupou a posição de moto trail média mais vendida no território nacional, posição da qual jamais saiu.

 

Top5 curiosidades da Honda XRE 300

Publicidade

Mas nem tudo na história da XRE são flores. Seus primeiros anos nas lojas foram marcados por polêmicas e problemas que quase mancharam sua reputação, obrigando a fábrica a promover ajustes rapidamente. Além disso, ela enfrenta boas concorrentes, em um nicho competitivo. Relembre agora 5 curiosidades do modelo.

xre 300 2022

A XRE 300 contornou problemas e se tornou um dos maiores sucessos recentes da Honda. Saiba cinco curiosidades sobre o modelo que custa, nas lojas, a partir de R$ 26 mil (Fipe)

Publicidade

Veja também:

 

1 – Surgiu com a missão de aposentar duas motos numa vez só

Publicidade

A XRE 300 foi lançada em 2009 e chegou com uma missão árdua, de substituir duas motos Honda de grande sucesso no Brasil. Assim, ela aposentou numa vez só as XR 250 Tornado e NX-4 Falcon, uma ‘trail raiz’ e outra com alguma aptidão para viagens. Ficava justamente no meio termo entre elas, com motor de 300 cilindradas.

Grande bico frontal da XRE logo se tornaria marca registrada – e lhe renderia apelidos de mau gosto também

Desta forma, a novidade precisava manter as características aventureiras da XR (de quem herdou diversos componentes) ao mesmo tempo em que mostrava melhor desempenho em viagens. Assim, recebeu motor mais potente e melhor aerodinâmica que a Tornado, assim como banco mais confortável. Foi aí que surgiu, por exemplo, a justificativa para seu famoso bico frontal.

 

Publicidade

2 – XRE mudou mecânica após problemas no motor

Problemas no motor, especialmente no cabeçote, escreveriam o episódio mais polêmico na história da XRE 300 – tal qual da irmã CB 300R. O modelo veio equipado com um propulsor de 291 cm³, um cilindro e arrefecimento a ar e óleo, que gerava 26,1 cv, a 7.500 rpm e 2,81 kgfm aos 6.000 giros. O câmbio era de cinco velocidades (e não mais 6, como na XR 250), privilegiando o torque.

xre 300 2016 vermelha

Em 2016 surgiram as primeiras mudanças significativas, especialmente no motor. Objetivo era sanar de vez os problemas, algo que, segundo a Honda, foi alcançado

Assim, o motor tinha a mesma estrutura do antigo conjunto da Tornado (e CBX 250 Twister), porém redimensionado de 249 cc para 291 cc. Entre as mudanças, aumento no diâmetro das válvulas de admissão e escape, que acabaram deixando a espessura das paredes do cabeçote menor. Não demorou para surgirem as primeiras reclamações de superaquecimento, bem como de vazamento de óleo e trincas.

cb 300r probmelas no motor

Motor da XRE era o mesmo da CB 300R. Redimensionado das Twister e Tornado, propulsor apresentava problemas de superaquecimento, vazamento e, nos casos mais graves, trincas

Publicidade

A má repercussão levou a Honda a atualizar a XRE em 2015 (já como modelo 2016), mesmo ano em que, curiosamente, a CB 300R foi aposentada. As mudanças incluíram uma longa lista de pequenos ajustes, incluindo o desenvolvimento de um novo cabeçote e válvulas menores. Desta forma, houve melhora na ventilação do próprio cabeçote, segundo a Honda, sanando os problemas.

 

3 – A XRE 300 vende bem

A XRE 300 sempre vendeu bem, incluindo durante os conturbados anos em que sofria críticas pelos problemas mecânicos. Assim, nunca ficou atrás das principais concorrentes da Yamaha, Lander e Tenere 250, até mesmo em seu ano de lançamento.

Publicidade

Entre os destaques está o desempenho de 2014, quando vendeu mais de 37 mil unidades. Já 2021 marcou a retomada do modelo, emplacando quase 31 mil motocicletas. Em várias ocasiões ela vendeu sozinha mais que o dobro das Yamaha no mesmo calendário.

 

Vendas XRE 300

Ano Emplacamentos
Total Yamaha 250 (Lander + Tenere)
2021 30.949 20.198
2020 16.976 15.385
2019 24.718 17.270
2018 23.816 11.595
2017 22.794 11.531
2016 20.583 10.324
2015 28.420 13.770
2014 37.156 14.469
2013 34.548 15.334
2012 33.307 15.540
2011 33.289 15.381
2010 28.914 9.980
2009 10.998 (apenas 5 meses no mercado) 10.864
TOTAL 346.468 181.641

Fonte: Fenabrave

 

4 – XRE teve nova geração em 2019

Apesar do bom desempenho nas lojas, a XRE sofria com a passagem do tempo. Aos poucos seu visual, caracterizado pelo grande bico dianteiro, ficava defasado. Isso ficou ainda mais claro quando a Yamaha apresentou a segunda geração da Lander 250, em 2018. Era hora de mudar.

xre 300 2020

Em 2019 a XRE 300 tomou um banho de loja completo, ganhando visual mais compacto e moderno. Conjunto mecânico, porém, foi completamente mantido

Já no ano seguinte a Honda apresentou a XRE 300 atualizada, recebendo a mais significativa mudança até então. Era, praticamente, uma segunda geração da trail. As novidades estavam principalmente no visual, com carenagens mais compactas e modernas, assim como um bico menor e vazado, que combinam com o novo conjunto óptico – full LED. O painel passou a ser em LCD invertido, blackout. O conjunto mecânico permaneceu inalterado.

 

5 – Versões especiais da XRE: o que muda nas Rally e Adventure

As versões especiais da XRE surgiram em 2013, ano em que o modelo ganhou motor Flex e outras novidades. Foi com o lançamento da Rally, opção com cores e grafismos exclusivos, inspirados nas motos de competição da marca, mais especificamente no Team HRC – Honda Racing Corporation. Nos primeiros anos teve versões com e sem freios ABS.

xre 300 rally 2013

Primeira edição da XRE 300 Rally surgiu em 2013, em referência ao HRC. Logo o modelo receberia uma combinação de cores mais harmônica

Já a XRE 300 Adventure veio mais tarde, como modelo 2018. Tinha visual de gosto peculiar, com detalhes amarelos nas rodas pretas e adesivos na balança. Tudo combinando com pintura em preto e prata. Desde que surgiram e até hoje as versões especiais se caracterizam apenas pelo visual distinto, preservando exatamente a mesma base mecânica da moto de entrada – hoje chamada apenas de XRE 300 ABS.

xre adventure 2016

Com carroceria em preto/prata e adesivos amarelos nas rodas e balança, a XRE Adventure chegou em 2016. Mudanças em relação ao modelo de entrada estão apenas no visual

Desta forma, as XRE Adventure e Rally seguem no lineup da marca. Seus preços sugeridos são R$ 22.310 e estão disponíveis, respectivamente, em cinza fosco e vermelho. Já o modelo básico está à venda em cinza metálico, custando R$ 21.800. Segundo a tabela Fipe, nas concessionárias as motocicletas custam, em média, respectivos R$ 27.100 e R$ 26.291.

Lado a lado as XRE Rally e Adventure da atual geração. Preço sugerido pela Honda é de R$ 22.310 para ambas

 

buscar conteúdo

Encontre anúncios, guias, notícias e conteúdos sobre motos.

É expressamente proibida a reprodução de qualquer matéria sem a prévia autorização do Motonline e dos autores (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98).
Proibida a reprodução parcial ou integral mesmo que citada a fonte. Todos os direitos reservados. As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade de seus autores.
© 1999 a 2015. WEBTRENDS NEGOCIOS DE INTERNET LTDA.