Publicidade

Fabricada pela TVS e vendida no Brasil pela Mottu, a Sport 110 acabou de chegar às lojas do nosso país. É uma moto econômica, barata e de fácil manutenção. Curiosamente, ela já tem uma nova concorrente em sua terra natal! Conheça a ousada Splendor+ Xtec 2.0.

 

Nova moto econômica da Hero

A Xtec 2.0 é a mais nova versão da Splendor, um sucesso de vendas na Índia. O modelo é produzido pela gigante Hero, segunda maior fabricante de motos do mundo, e está em linha há mais de 30 anos. Inclusive, esta variação foi criada para celebrar o aniversário de 3 décadas nas lojas.

nova moto econômica da hero

A Xtec 2.0 é a mais nova integrante da Splendor, conhecida famílai de motos econômicas no exterior. É um lançamento da gigante Hero

Publicidade

Por isso, o lançamento não é apenas uma moto econômica. Ela também traz itens exclusivos e raros neste segmento de motos extremamente acessíveis, como conectividade bluetooth. E por que a chamamos de ousada? Porque a novidade promete fazer nada menos de 73 km por litro de gasolina. Para comparação, a Mottu estima ‘apenas’ 65 km/litro para a Sport 110.

 

Barata e bem equipada

A nova Hero é uma ‘commuter bike‘, representantes de um segmento composto por motos voltadas ao uso urbano severo. São baratas, leves, básicas, econômicas e muito robustas. Lembram as nossas CG ou Factor, mas têm dimensões menores, visual simplificado e dispensam itens de série como freios a disco. Mas, a celebrativa +Xtec 2.0 é uma exceção.

nova moto econômica tem farol em led

Mais que econômica, a moto também é bem equipada. Tem farol em LED, conectividade e painel digital, além de bom nível de acabamento

Publicidade

O lançamento é bem equipado, considerando o padrão do nicho. Tem farol em LED e painel totalmente digital. Além disso, há sistema de conectividade bluetooth, que exibe mensagens no painel quando há notificações no celular, como ligações. Para fechar, sai da concessionária com suporte para baú, ganchos laterais e protetor de motor.

 

Uma moto econômica, muito econômica!

Não é comum ver uma moto fazer mais de 70 km por litro. Para isso, a Hero reduziu o peso da Splendor e caprichou no acerto de seu pequeno motor. Estamos falando de uma usina de 97 cc, que entrega 8 cv de potência e 0,8 kgf.m de torque. São números bem próximos aos da Pop 110i que, para comparação, produz 8,4 cv e 0,9 kgf.m.

Painel digital informa o básico, mas também possui conectividade com smartphone. Assim, exibe sinais de alertas e mensagens

Publicidade

A alimentação é por injeção eletrônica e o câmbio tem 4 velocidades. Seu tanque tem capacidade para 9,8 litros de gasolina e a moto pesa, já abastecida, 112 kg. Com esta ficha técnica, atinge 90 km/h (reais) de velocidade máxima. Cerca de 100 km/h no painel.

Veja também:

 

Preço e venda no Brasil

Na Índia, a Xtec 2.0 é o modelo topo de linha da família Splendor e a mais cara delas. Mesmo assim, é realmente acessível. O lançamento custa 82.900 rúpias, cerca de R$ 5,2 mil em conversão direta. Para comparação, a Honda Dio 125, muito similar a nossa nova Elite 125, custa 86 mil rúpias.

honda_shine-100_2023_19_21052023_54466_960_720

Nova moto da Hero acelera num segmento muito disputado na Índia. Outras grandes marcas, como Honda (foto), Bajaj e TVS, também têm suas representantes

 

Mas, infelizmente, não devemos ter esta nova moto econômica à venda no Brasil tão cedo. Isso porque a gigante Hero ainda não possui representante oficial no país. Quem sabe em breve, não?

Guilherme Augusto
@guilhermeaugusto.rp>> Jornalista e formado em Relações Públicas pela Universidade Feevale. Amante de motos em todas suas formas e sons. Estabanado por natureza