yamaha-mt-09-2020-2

Nova MT 09 chega em março com novidades além do visual

Em menos de um segundo já é possível notar que a nova Yamaha MT 09 é diferente do modelo que chegou ao Brasil em 2014 (relembre o teste). A nova geração da naked topo de linha da marca no País adota o visual ‘Optimus Prime’ da MT-10 (afastando-se das MT menores, 07 e 03) e também tem novidades na eletrônica, para maximizar o desempenho de seu motor tricilíndrico de 847cm³, 115 cv e 8,9 kgf.m de torque… ou seriam ‘para ajudar os iniciantes a domá-lo’?

Nova MT 09 tem visual inspirado na MT 10, quick shift, controle de tração, suspensão dianteira ajustável. Um divertido brinquedo para quem tem R$ 43,7 mil na mão

Nova MT 09 tem visual inspirado na MT 10, quick shift, controle de tração, suspensão dianteira ajustável. Um divertido brinquedo para quem tem R$ 43,7 mil na mão

Vamos por partes. O visual agressivo está na Europa há dois anos e se destaca pelos dois faróis e nova lanterna traseira, tudo em LED. O banco continua único, mas também mudou. Aliás, a traseira é totalmente nova, desenvolvida para abrigar a placa junto à roda.

O painel de instrumentos também é novo ganhou nova posição, à direita do conjunto. Totalmente digital, recebeu outras funções para gerenciar os sistemas eletrônicos que o modelo passa a contar: quick shift (para trocas de marcha rápidas sem uso da embreagem) – que atua junto da embreagem deslizante para que a roda traseira não trave nas reduções – e do controle de tração. Os três modos de pilotagem continuam lá.

As suspensões entraram na onda de garantir mais segurança e esportividade. A dianteira foi revisada e passa a ter regulagem de pré-carga e ajustes de pressão de retorno e compressão. O freio segue com ABS não comutável, atuando com os discos de 298 mm e 245 mm, na dianteira e traseira, respectivamente. Todas essas mudanças deixaram o modelo dois quilos mais pesada, agora marcando 193 kg na balança.

MT 09 no Brasil – preço e cores

A nova geração da Yamaha MT-09 vai muito além de cores e grafismos, prometendo ainda mais prazer ao pilotar uma naked de comportamento único. Por aqui, o preço sugerido – que não considera despesas com frete e seguro – é de R$ 43.690 (R$ 3.700 a mais que a geração anterior). As unidades chegam à rede de concessionários no final de março, nas cores Matt Black (preto fosco), Racing Blue (azul) e Night Fluo (cinza, com as rodas em amarelo).

separador_yamaha



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever