superbike-brasil-goiania

SuperBike Brasil confirma nova etapa – em Goiânia

O SuperBike Brasil confirmou que dará sequência à temporada 2019, mantendo o compromisso estabelecido com equipes e patrocinadores de realizar dez etapas ao longo do ano. A próxima corrida será realizada no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO) no dia 14 de julho. Desta forma, a prova substitui a que aconteceria em Interlagos ainda no mês de junho, válida como quarto confronto do calendário.

* VEJA, TAMBÉM *
– Superbike perde patrocinadores após quarto acidente fatal
– Eric Granado vence de braçada a segunda etapa do SBK Brasil

Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), receberá a quarta etapa do SuperBike Brasil. Objetivo é realizar dez corridas em 2019

Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Goiânia (GO), receberá a quarta etapa do SuperBike Brasil. Objetivo é realizar dez corridas em 2019

Para lembrar, o campeonato tem sido pressionado por gestores públicos, público e patrocinadores para adotar medidas que garantam mais segurança aos pilotos. Isso tudo após o falecimento do piloto Danilo Berto durante a realização da terceira etapa da temporada, no dia 26 de maio, ainda durante o Warm-Up. Foi o quarto acidente fatal registrado no SBK em três anos e o segundo em 2019 – todos em Interlagos.

Evento vem sofrendo pressão de órgãos públicos, equipes, público e patrocinadores após acidentes fatais que ocorreram durante as últimas três temporadas. Foram duas mortes em 2019

Evento vem sofrendo pressão de órgãos públicos, equipes, público e patrocinadores após acidentes fatais que ocorreram durante as últimas três temporadas. Foram duas mortes em 2019

SBK garante mais segurança

A organização se diz engajada em proporcionar mais segurança a todos. “A Comissão de Segurança está em fase final de trabalhos para anunciar uma manualização completa das operações de motovelocidade no país. Um grupo multidisciplinar formado por engenheiros, pilotos, diretores de prova, médicos, entre outros, estuda todas as possíveis melhorias para a prática do esporte no Brasil. Serão publicadas em breve novas regras, procedimentos e exigências, as quais afetarão todas as partes envolvidas na modalidade. A intenção é trazer a modalidade para os mais altos níveis de segurança dentro das possibilidades e limitações de infraestrutura nacionais”, informou, oficialmente.

SuperBike mantém calendário após acidentes

Morte do piloto Danilo Berto acendeu a luz vermelha em Interlagos

Morte do piloto Danilo Berto acendeu a luz vermelha em Interlagos

Para garantir a realização de todas as dez corridas previstas ainda no início do ano, além de encontrar soluções de segurança aos pilotos, a comissão organizadora também está em tratativas com outros agentes, como órgãos públicos e patrocinadores. Para lembrar, marcas como Honda, Yamaha e Kawasaki se retiraram da competição temporariamente até que novas medidas de segurança fossem tomadas. Relembre aqui.

A Prefeitura de São Paulo, que administra o Autódromo de Interlagos, suspendeu a realização de provas de motos no traçado após os acidentes. “A administração de Interlagos reconhece a importância da modalidade e, assim como todos nós, deseja corridas mais seguras. Acredito que com as diversas ações que serão publicadas teremos a suspensão revertida em breve”, afirmou Bruno Corano, organizador do SuperBike Brasil.

A organização também tem estreitado laços com os patrocinadores. “Pretendemos demonstrar que todas as medidas possíveis e imagináveis na busca de mais segurança estão sendo adotadas, gerando assim um ambiente de conforto que permita o restabelecimento de todas as parcerias”, acrescentou Corano.

separador_motovelocidade



Guilherme Augusto

@obomguiaugusto >> Amante de motos em todas suas formas e sons (se for de 2T, melhor). Fã de viagens, competições, do Hugh Jackman e de praias. Viciado em café desde quando comecei a escrever