GUIA DE MOTOS

FICHA TÉCNICA

Cilindrada: 249,00
Tipo de Motor: 4 tempos
Arrefecimento: Ar
Combustível: Gasolina
Potência Máxima: 21.00 a 8000 rpm
Torque Máximo: 2.10 a 6500 rpm
Transmissão: 5 marchas
Injeção: Eletrônica
Suspensão dianteira: Convencional
Partida: Elétrica
Ajuste da suspensão dianteira:
Chassi: Aço
Suspensão traseira:
DIMENSÕES
Peso (seco): 137,00kg
Peso em movimento: 155,00kg (MVOM)
Comprimento:
Largura: 830mm
Altura: 1370mm
Altura do Banco: 865mm
Distância entre Eixos: 1385
Pneu Dianteiro: 80/90-21 MT90 A/T 48S
Pneu Traseiro: 120/80-18 MT90 A/T 62S
Capacidade do tanque:
Ajuste da suspensão traseira:
Balança: Convencional

OUTRAS VERSÕES

XTZ 250 Tenere: 2020 / 2019 / 2018 / 2017 / 2016 / 2015 / 2014 / 2013 / 2012 / 2011 / 2010 / 1996

Yamaha XTZ 250 Tenere

Guidão mais alto com amortizadores. Assento em degrau amplo e confortável para piloto e garupa. Pára-brisas, menos cansaço e proteção.
95%
dos usuários recomendam esta moto
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE

principais avaliações

AVALIE ESTA MOTO

Recomendo

Prós:
Contras: Banco duro, duríssimo. Motor barulhento, o que é bom só para quem sonha com uma Ducati Desmo. Falta vergonhosa da 6a. marcha. Andar a 120/h com 8 mil RPM parece coisa das monocilíndricas indianas. Se for ressucitada com motor bicilíndrico venderá mais do que pão quente no inverno.
ELCIO RAFFANI - 22/04/2020

Recomendo

Prós:
Contras: Ausência de aros de alumínio

Não Recomendo

Prós:
Contras:
Tenho uma tenere xtz 250 ano 2017. Com 15.500 km, a mesma apresentou problema com o VAZAMENTO DE ÓLEO PELA JUNTA DA BASE DO CILINDRO. Problema o qual é um absurdo e inaceitável em uma moto seminova com 2 anos e meio de uso e baixa quilometragem; para se ter que abrir o motor. O pior é ouvir dos atendentes da concessionária GERAÇÃO, aqui de Florianópolis, que este é um problema comum de ac ...
Continuar lendo

Veja motos deste modelo à venda

De R$ 11.000,00 a R$ 12.300,00 entre 51 ofertas disponíveis VER TODAS

motos similares a Yamaha XTZ 250 Tenere

VER MAIS

notícias sobre Yamaha XTZ 250 Tenere

23/02/2016

Moto teste: Yamaha XTZ 250 Ténéré

Se há um nome forte e que logo identifica o propósito de uma moto, esse nome é "Ténéré". Vinte e oito anos depois que a primeira Ténéré surgiu - a gigante XT 600 com seu tanque enorme e despr...
25/11/2010

Yamaha XTZ 250 Ténéré inspirando aventureiros

  Índice  Yamaha XTZ 250 Ténéré Na cidade Na rodovia Na terra Opnião dos motonliners Análise técnica Ficha técnica Consumo Galeria de fotos Fórum de discuss...
28/10/2010

Yamaha XTZ 250 Ténéré invade web e redes sociais

Novo lançamento da Yamaha explorou potencial de difusão das mídias on-line para preparar os brasileiros sobre a chegada do mais novo membro da família Ténéré ao país Nos últimos dias, fãs...

todas as avaliações desta moto

avalie sua moto
Avaliação de ELCIO RAFFANI em 22/04/2020
Avaliou moto Yamaha N Max

Comentarios

pros

Economia - Dirigibilidade - Confiabilidade (a miserávi não quebra) - Feiúra (adoro motos feias) - tem detalhes agradáveis isoladamente, mas o conjunto da obra é medonho. Não paro de admirar.

contras

Banco duro, duríssimo. Motor barulhento, o que é bom só para quem sonha com uma Ducati Desmo.
Falta vergonhosa da 6a. marcha. Andar a 120/h com 8 mil RPM parece coisa das monocilíndricas indianas. Se for ressucitada com motor bicilíndrico venderá mais do que pão quente no inverno.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Menos de um ano
  • Tipo de Uso: Meio de Transporte
  • Terreno Testado: Urbano
  • Quilometragem: 35000
  • Manutenção: Dentro do esperado
  • Custo de Mantenção: Normal
eu recomendo!
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Avaliação
Avaliou moto Yamaha N Max

Comentarios

pros

Moto robusta e com ótimo custo/beneficio. Boa suspensão e motor confiável e relativamente econômico. Manutenção barata e sempre em dia, nunca apresentou nenhum defeito.

contras

Ausência de aros de alumínio

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Mais de um ano
  • Tipo de Uso: Lazer
  • Terreno Testado: Urbano, Terra, Estrada
  • Quilometragem: 50000
  • Manutenção: Fácil de encontrar
  • Custo de Mantenção: Baixo
eu recomendo!
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Avaliação
Avaliou moto Yamaha N Max

Comentarios

pros

Confortável e boa dirigibilidade

contras

Tenho uma tenere xtz 250 ano 2017. Com 15.500 km, a mesma apresentou problema com o VAZAMENTO DE ÓLEO PELA JUNTA DA BASE DO CILINDRO. Problema o qual é um absurdo e inaceitável em uma moto seminova com 2 anos e meio de uso e baixa quilometragem; para se ter que abrir o motor. O pior é ouvir dos atendentes da concessionária GERAÇÃO, aqui de Florianópolis, que este é um problema comum de acontecer com essa moto. E pesquisando na internet, Motogrupos e Motoclubes você facilmente descobre que é um problema crônico da moto. Tem muitos e muitos relatos iguais, tanto em motos novas, quanto seminovas. E a YAMAHA nada faz pra chamar um RECALL.

CONDIÇÕES DO TESTE

  • Tempo de uso: Mais de um ano
  • Tipo de Uso: Lazer
  • Terreno Testado: Urbano, Terra, Estrada, Pista
  • Quilometragem: 16
  • Manutenção: Fácil de encontrar
  • Custo de Mantenção: Normal
eu não recomendo!
satisfação geral
DIRIGIBILIDADE
VISUAL
CONSUMO
CONFORTO
CUSTO X BENEFÍCIO
PERFOMANCE
Comprar e Vender Motos
X
É expressamente proibida a reprodução de qualquer matéria sem a prévia autorização do Motonline e dos autores (Inciso I do Artigo 29 - Lei 9.610/98).
Proibida a reprodução parcial ou integral mesmo que citada a fonte. Todos os direitos reservados. As matérias assinadas são de exclusiva responsabilidade de seus autores.
© 1999 a 2015. WEBTRENDS NEGOCIOS DE INTERNET LTDA.

buscar conteúdo

Encontre notícias e conteúdos sobre motos.

buscar nos classificados

Encontre a moto dos seus sonhos!