header_logo

Congresso Fenabrave debate o potencial de desenvolvimento e perspectivas do setor de motocicletas

No mês de julho, o número de emplacamentos de motocicletas atingiu a marca de 160.197 unidades – 8,3% a mais que no mesmo mês no ano anterior, de acordo com os dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Segundo dados da Associação Brasileira de Motociclistas (ABRAM), já foram emitidas em todo o Brasil cerca de 20 milhões de habilitações para motociclistas e a frota circulante nacional é de 17 milhões de motos.

Para identificar o potencial de desenvolvimento desse setor, o XXI Congresso FENABRAVE – maior evento de negócios da distribuição de veículos da América Latina – destaca a categoria motocicletas em sua grade de palestras.

Realizado pela Fenabrave e organizado e promovido pela Reed Exhibitions Alcantara Machado, o Congresso acontece entre os dias 23 e 25 de novembro de 2011, no Pavilhão Vermelho do Expo Center Norte, em São Paulo.

O economista e consultor no setor da distribuição de veículos há mais de 20 anos, Francisco Trivellato ministrará a palestra sobre o ‘Desafio para a capitalização nos negócios de motos’. Já Tereza Maria Fernandez Dias da Silva, economista e sócia da MB Associados, com especialização em Finanças no New York Institute of Finance, falará sobre a ‘Visão estratégica do Brasil – Foco Motocicletas’.

Roberto Yoshio Akiyama, diretor comercial da Honda e atual presidente da Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares, apresentará a ‘Visão de 2012 pela montadora’.
Haverá, ainda, um debate com os presidentes de associações de marcas, que terá como moderador o vice-presidente da Fenabrave, Aldair Câmara, que acumula vários anos no segmento de duas rodas.