Força de Stoner em solo caseiro garante pole em Phillip Island

Força de Stoner em solo caseiro garante pole em Phillip Island

Força de Stoner em solo caseiro garante pole em Phillip Island

O piloto da Ducati Team assegurou a pole position da sua corrida caseira – o Iveco Australian Grand Prix – com uma sólida prestação na qualificação, que o colocou à frente de Jorge Lorenzo e Ben Spies, que também irão partir da linha da frente. Valentino Rossi qualificou-se na oitava posição.

Casey Stoner garantiu a terceira pole position da temporada com o melhor tempo da qualificação para o Iveco Australian Grand Prix, fixado em 1m30,107s no sábado. Esta será também a terceira pole position consecutiva de Stoner em Phillip Island. O australiano, que venceu o seu Grande Prémio caseiro nos últimos três anos, conseguiu marcar uma vantagem impressionante de 0,668s para os seus adversários, agora que a época se aproxima do fim.

O Campeão do Mundo, Jorge Lorenzo (Fiat Yamaha), foi o único piloto capaz de rodar no mesmo segundo de Stoner, com o espanhol a juntar-se ao australiano para baixar da barreira de 1m31s. Lorenzo chegou a liderar a sessão com um tempo de 1m30,775s, mas acabou por ficar com a segunda posição da grelha.

Com um lugar na linha da frente da grelha pela terceira vez nesta temporada, Ben Spies fixou o terceiro melhor tempo da sessão de 60 minutos, com o piloto da Monster Yamaha Tech 3 a ficar a 1,279s do tempo do homem da pole, Stoner.

Mesmo atrás do americano, a apenas 16 milésimos, ficou o rookie Marco Simoncelli (San Carlo Honda Gresini), que com a quarta posição assegurou a sua melhor qualificação da temporada. Colin Edwards (Monster Yamaha Tech 3) registou uma diferença semelhante (0.013s), acabando por ficar com o quinto posto da grelha, com Nicky Hayden (Ducati Team) a assinar o sexto melhor tempo, antes de cair mesmo no final da sessão na curva quatro.

Randy de Puniet (LCR Honda) estará na frente da terceira linha da grelha, depois de marcar o sétimo tempo mais rápido, com Valentino Rossi (Fiat Yamaha) a não conseguir melhorar os resultados alcançados durante as sessões de treinos e a acabar por ficar com o oitavo posto da grelha, a sua pior posição de partida. Andrea Dovizioso (Repsol Honda) e Marco Melandri (San Carlo Honda Gresini) completaram o Top 10.

Dani Pedrosa, que está a recuperar de uma fractura na clavícula, qualificou-se em 15º, preparando-se para a primeira corrida depois da ausência nas duas anteriores jornadas, enquanto Héctor Barberá (Páginas Amarillas Aspar) e Loris Capirossi (Rizla Suzuki), que caíram durante a sessão qualificaram-se na 16ª e 17ª posições, respectivamente. Contudo, Capirossi está em dúvida para a corrida devido a problemas contraídos no abdutor da perna esquerda aquando da queda.

Nos últimos cinco minutos, a chuva começou a cair, acabando por marcar o final da sessão, com os pilotos a abdicarem de mais tentativas para melhorar os seus tempos. A corrida de domingo de MotoGP tem início marcado para as 16h00 (hora local).