Spam exige esforço global, diz OECD

A OECD – Organiza‡Æo para Coopera‡Æo e Desenvolvimento Econ“mico, vai pedir esta semana que os Governos de todos os pa¡ses reunam recursos para combater o spam.

Em um encontro que come‡a hoje, segunda feira, em Bruxelas na B‚lgica, a Organiza‡Æo vai alertar para o fato de que o spam nÆo ‚ um problema de um pa¡s e sim um assunto global. Quer “estrat‚gias internacionais coordenadas” para lidar com um problema “que nÆo tem fronteiras”.

A UniÆo Europ‚ia aprovou no ano passado legisla‡Æo que torna ilegal enviar mensagens comerciais nÆo solicitadas e admite apenas aquelas que tenham sido explicitamente solicitadas pelos usu rios.

Nos EUA entrou em vigor h  um mˆs, uma lei que prevˆ que os e-mails podem ser enviados somente at‚ que o destinat rio pe‡a para cancelar a remessa continuada.