GP de Portugal- Alex Barros larga na terceira fila

Apesar da boa evolu‡Æo das motos Yamaha, Alexandre Barros conseguiu apenas a 12a posi‡Æo no grid de largada do GP de Portugal, que ser  disputado neste domingo, com transmissÆo ao vivo pela TV Globo e pela SporTV.

Aparentemente, nÆo foi um bom desempenho do piloto brasileiro, mas a realidade nÆo foi bem essa: muitas inova‡äes foram testadas durante as quatro sessäes de treinamento exigindo novos acertos nas motos, nÆo tendo havido tempo suficiente para finaliza-los. Todas as Yamaha demonstraram uma excepcional evolu‡Æo, caracterizada especialmente pela grande velocidade final.

A segunda fila do grid ser  formada por trˆs Yamaha e uma Ducati na oitava posi‡Æo. O mais r pido da f brica dos trˆs diapasäes, s¡mbolo da Yamaha, foi Olivier Jacque, com 1’39.042, seguido por Shinya Nakano, 1’39.159 e Carlos Checa, 1’39.225. A melhor marca de Alex foi de 1’39.571, bem pr¢xima dos demais companheiros. Marco Melandri tamb‚m da Yamaha, girou em 1’39.557.

Neste treino final no Estoril, as motos de Barros e dos demais colegas tinham duas importantes diferen‡as. A primeira ‚ que Barros foi o £nico piloto da f brica que ainda nÆo havia testado parte das inova‡äes da moto, devido aos diversos problemas f¡sicos. S¢ p“de durante os treinos oficiais, ao contr rio dos demais que tinham feito testes em Brno, duas semanas atr s. A outra e mais importante diferen‡a foi em rela‡Æo aos pneus usados no treino qualificat¢rio final: a Yamaha de Alex era a £nica equipada com pneus para corrida, enquanto as demais usavam pneus especiais para tomada de tempos. Isso significa que Barros usou pneus mais lentos, mas com durabilidade para toda a corrida, enquanto os demais usaram pneus mais r pidos, mas que duram apenas uma £nica volta. A pole position ficou com Loris Capirossi, da Ducati, com 1’38.412.

Confira o grid de largada do GP de Portugal:
1- Loris Capirossi (ITA), Ducati, 1ï38.412
2- Max Biaggi (ITA), Honda, 1ï38.718
3- Valentino Rossi (ITA), Honda, 1ï38.744
4- Sete Gibernau (SPA), Honda, 1ï38.920
5- Olivier Jacque (FRA), Gauloises/Yamaha, 1ï39.042
6- Shinya Nakano (JPN), Yamaha, 1ï39.159
7- Carlos Checa (SPA), Yamaha, 1ï39.225
8- Troy Bayliss (AUS), Ducati, 1ï39.344
9- Makoto Tamada (JPN), Honda, 1ï39.368
10- Tohru Ukawa (JPN), Honda, 1ï39.541
11- Marco Melandri (ITA), Yamaha, 1ï39.557
12- Alexandre Barros (BRA), Gauloises/Yamaha, 1ï39.571
13- Colin Edwards (USA), Aprilia, 1ï39.837
14- Kenny Roberts (USA), Suzuki, 1ï39.839
1 – Nick Hayden (USA), Honda, 1ï40.069
16- Jeremy McWilliams (GBR), Proton, 1ï40.325
17- John Hopkins (USA), Suzuki, 1ï40.766
18- Noriyuki Haga (JPN), Aprilia, 1ï40.779
19- Ryuichi Kiyonari (JPN), Honda, 1ï40.883
20- Andrew Pitt (AUS), Kawasaki, 1ï41.020
2 – David De Gea (SPA), WCM, 1ï41.105
22- Garry McCoy (AUS), Kawasaki, 1ï41.485
23- Nobuatsu Aoki (JPN), Proton, 1ï41.656
24- Chris Burns (GBR), WCM, 1ï42.199.