Lucas Barros esteve no pódio de todas as etapas e conquistou o título da GP Light

Lucas Barros se surpreende com resultados no Moto 1000 GP 2012

Quando teve confirmada sua participação na temporada do Moto 1000 GP pela Alex Barros Racing, no primeiro semestre de 2012, Lucas Barros tinha objetivos relativamente modestos. Em seu primeiro ano pilotando motocicletas superesportivas de 1.000cc, o piloto paulista de 16 anos pretendia, à custa de preparação de planejamento, sustentar as condições de finalizar o campeonato, apenas compondo a lista dos cinco melhores colocados.

Lucas Barros esteve no pódio de todas as etapas e conquistou o título da GP Light

Lucas Barros esteve no pódio de todas as etapas e conquistou o título da GP Light

A temporada premiou Barros com conquistas bem mais significativas. Conduzindo a BMW S1000RR número 14 a três vitórias, três segundos e dois terceiros lugares, subiu ao pódio em todas as oito etapas da categoria GP Light e escreveu seu nome na história como segundo piloto no mundo a conquistar um título pilotando uma moto de 1.000cc aos 16 anos. Além disso, alinhou na primeira fila de todos os grids de 2012.

O piloto já confirmou participação na temporada de 2013, pela categoria GP 1000, a principal do Moto 1000 GP. “Meu objetivo continua sendo evoluir como piloto para tentar terminar o ano entre os cinco ou seis primeiros, quem sabe eu me surpreenda de novo…”, sugeriu. “Vou correr na GP 1000 disposto a tudo, vou ter que me arriscar mais ao tombo, o que é normal, pois vou procurar ainda mais o limite. Mas vou de cabeça erguida. Que venha 2013”.

O Moto 1000 GP representou uma experiência intensa para Lucas Barros. “O campeonato cresceu muito em termos de estrutura, nível de pilotos, organização, houve uma evolução evidente entre 2011 e 2012. Todos os membros da organização merecem cumprimentos”, avalizou. “A GP 1000 está fortíssima, e a GP Light não está tão light assim, pois em questão de tempo tomávamos apenas dois segundos por volta da GP 1000”.

Os 15 primeiros colocados na classificação final da categoria GP Light no Moto 1000 GP em 2012 foram os seguintes:

1º) Lucas Barros (SP/BMW), Alex Barros Racing, 156
2º) Nick Iatauro (SP/Kawasaki), Pitico Race, 139
3º) André Luiz Paiato (SP/BMW), Paiato Racing, 78
4º) Renato Andreghetto (SP/Kawasaki), Pitico Race, 77
5º) Gustavo Herrera (PR/Kawasaki), Motrix-Scigliano Racing, 70
6º) Pablo Nunes Moysés (BMW), 64
7º) Everton Felizardo (PR/BMW), Grinjets, 60
8º) Paulinho Kamba (PE/Kawasaki), KF Corval Racing Team, 58
9º) Daniel Gurgel Mendonça (BA/Honda), MPM Racing, 43
10º) Marcelo Cortes (RJ/Ducati), SBK Rio, 42
11º) Joniran Saling (SC/BMW), Speed Racing, 36
11º) Alexsandro Tiago Pires (RJ/Kawasaki), Center Moto Racing Team, 36
13º) Flávio Sukar (PE/Kawasaki), FK Corval Racing Team, 28
14º) Taciano da Silva Nunes (SP/Kawasaki), Motrix-Scigliano Racing, 26
15º) Francisco Snoeck (BA/BMW), KF Corval Racing Team, 20