Mais uma contra motociclistas, Consórcio POP 100 pagar ou desistir? , Modificação Fazer 250, Inspeção Veicular São Paulo

Mais uma contra motociclistas, Consórcio POP 100 pagar ou desistir? , Modificação Fazer 250, Inspeção Veicular São Paulo

Mais uma contra motociclistas, Consórcio POP 100 pagar ou desistir? , Modificação Fazer 250, Inspeção Veicular São Paulo

Assisti a reportagem no JN, Globo, ontem, infelizmente mostraram só a “banda podre”. Alias não vi um especialista de verdade
pra falar sobre o assunto. E o pseudo especialista e motociclista do CET, saiu com a linda reporter Elaine Blast na garupa, surtudo? Não, desatento, ela NÃO afivelou o capacete antes de sair, responsabilidade do piloto zelar tbm pela segurança de quem vai na garupa, não precisa ser especialista para saber o que acontece com um capacete não afivelado, no caso de um tombo!Não dou uma semana pra um politico expert em segurança no transito aparecer com uma lei absurda (tipo obrigar as motos a usarem rodinha laterais) para resolver o caos no trânsito, mas duvido que algum politico assuma que o problema é de educação, que se aprende no berço e na escola! Escola?!? Berço?!? Ainda existe isso? Um grande abraço a todos. César – BH – MG

R: César também tive a infelicidade de ver a reportagem exibida em 03 de março. Existe, realmente, uma parte da mídia tendenciosa por natureza, que consegue eleger e derrubar Presidente da República, que há muito tempo não cumpre seu verdadeiro papel de imprensa, onde já fomos chamados de bardeneiros em plena 7 horas da manhã. O jornalismo sério é aquele que investiga, pondera, ouve todos os lados e informa imparcialmente ou quando dá opinião não fala besteira. Esse tipo de notícia é puro sensacionalismo, algo que tem tomado conta de alguns veículos da imprensa desesperados em ver seu IBOPE cair pelas canelas. Devemos considerar uma notícia sem credibilidade, pelo fato de não se ter dado oportunidade para um verdadeiro especialista explicar algumas vertentes.

Mais uma contra motociclistas, Consórcio POP 100 pagar ou desistir? , Modificação Fazer 250, Inspeção Veicular São Paulopago um consorcio pop100 a 2anos,ainda não fui
contemplada,gostaria de saber se eu puder da um lance quanto teria que dar para retirada da moto.ou se eu parar de pagar o plano em quanto
tempo vou ser ressarcida. Deusenisia Cristina – Vassouras, RJ

R: O lance para retirar a moto é uma incógnita, todavia, nessa modalidade qualquer pessoa do grupo que oferecer lance, será contemplada aquele que oferecer o de maior valor. Agora, quanto parar de pagar é um péssimo negócio, apesar do seu direito de arrependimento estar garantido na Lei de Defesa do Consumidor, a recente Lei nº. 11.795/2008, que dispõem sobre o Sistema de Consórcio não veio solucionar o problema levado ao Poder Judiciário, quanto ao prazo que o desistente deve receber o que pagou do consórcio. Há dois posicionamentos jurisprudenciais: um que determina ao Consórcio pagar em 30 dias o desistente e outro que entende que o desistente deve receber em até 60 dias após a finalização do grupo.

Bom Dia,Estava querendo fazer uma modificação na minha moto (Fazer 250), mas me disseram que isso pode implicar em multa, gostaria que me esclarecessem a seguinte dúvida: Instalar eliminador de para-lama na moto é permitido????Obrigado pela atenção e parabens pelo trabalho que vcs fazem. Adriano de Andrade -São Paulo – SP

R: Obrigado pelo elogio, isso nos dá mais força e responsabilidade em continuarmos nossa jornada. Não vi nenhuma proibição legal, no entanto, o eliminador de para-lama na sua moto beneficia o dobramento da placa, aí que está o “x” da questão, que tem gerado muitas controvérsias. Se o agente de transito não consegue ler porque ela está levemente levantada, ele pode atuá-lo e reter a motocicleta.

meus caros, inicialmente valeu pelas informações e esclarecimentos sempre divulgados no site, são de grande importância.
Meu problema é a inspeção veicular, pois minha xtz 250x saiu da revisão de 10000km há menos de 1 mês, escape original, só uso podium
e fui reprovado pelo alto “F”, variável referente a mistura. Poderia me orientar quanto a regulagem ? novamente agradeço. VINICIUS, São Paulo -SP

R: Vinícius eu levaria a motocicleta na concessionária para passar tal informação e procuraria um posto do INMETRO para fazer o teste. Se no INMETRO estiver dentro dos parâmetros, cabe Mandado de Segurança onde deve figurar no pólo passivo a empresa que presta serviço a Prefeitura e a própria Prefeitura Municipal de São Paulo. A verdade é que demoraram muito para iniciar a inspeção, afrouxaram para os veículos fabricados antes de 2003 e não possuem a estrutura necessária para atender com competência o cidadão, ou seja, nós pagamos a conta novamente, inclusive para fazer valer nossos direitos.

grande abraço e não esqueçam: equipamento não é só capacete.

Fotos: acervo particular