Foto: Ratinho, piloto da MX1 do Team Honda

Marcello “Ratinho” acelera para ampliar liderança no Campeonato Catarinense

Foto: Ratinho, piloto da MX1 do Team Honda

Foto: Ratinho, piloto da MX1 do Team Honda

Paulista que é o primeiro colocado da categoria MX1 também passa a competir na classe MX2, na terceira etapa, em Tubarão; Rodrigo “Lama” corre no Sergipano

O paulista Marcello “Ratinho” tem mostrado todo seu talento nas pistas de Santa Catarina. O piloto do Team Honda lidera a categoria MX1 do Campeonato Catarinense de Motocross e neste final de semana (23 e 24) irá fazer a estreia em outra categoria importante, a MX2, para motos de 250cc. A competição segue para a terceira etapa, no motódromo Nandi Margotti, em Tubarão, outra novidade para o piloto que nunca correu na cidade. Os treinos serão realizados no sábado, a partir das 14h. Já as disputas acontecem no domingo, às 11h30.

Ratinho está em uma excelente fase no campeonat o. Venceu as duas primeiras etapas na categoria MX1 e segue na liderança com 50 pontos, oito a mais que o segundo colocado Gabriel Gentil. “Quero abrir uma vantagem maior. Quanto mais pontos melhor. Estou me dedicando bastante aos treinamentos que têm a mesma base do Brasileiro”, contou. O piloto está aprovando a experiência de disputar a competição. “O campeonato está bem competitivo. Além do Gabriel Gentil, que está em segundo na classificação, tem também o Marronzinho, que apesar de não pontuar, deixa a disputa mais interessante”, revelou.

Ratinho está ansioso para estrear em outra categoria, a MX2. “Faz tempo que não ando com a 250cc. Vou treinar um pouco com ela esta semana para me readaptar. Para mim será uma novidade, assim como a pista de Tubarão que não conheço”, completou o competidor. Na categoria MX1, Ratinho utiliza a motocicleta Honda CRF 450R e na MX2, o paulista correrá com o modelo Honda CRF 450R.

Ausência – Dudu Lima ainda ficará de fora da disputa da categoria MX2 do Campeonato Catarinense. O piloto da equipe Honda se recupera da fratura na perna adquirida durante a disputa do Brasileiro de Motocross em Canelinha no final de abril. O paulista é o segundo colocado, logo atrás de Gabriel Gentil, que segue na liderança. Ele permanece com a perna imobilizada por mais quinze dias.

Sergipano – Outro piloto do Team Honda tem um desafio regional neste final de semana. Rodrigo “Lama” defende a liderança da categoria Força Livre no Campeonato Sergipano de Motocross, na cidade de Carira, a 110 km de Aracaju. O competidor tem 100 pontos na classificação, contra 74 de Rosivaldo da Silva e 68 de Victor Zoolo.