Foto: Bitenca

Novo Provedor, constantemente engrenado, FJ1300, Bengala da DT180, Tubinho na Factor, Troca corrente, Sem Freios.

Foto: Bitenca

Foto: Bitenca

O trabalho está ótimo, Motonline! Tomara que haja pique no novo provedor, para suportar a fome dos intermotonautas… Para aqueles que têm alguma dificuldade no primeiro engate de marchas do dia (como o leitor Clovis, nas cartas de hoje, 24/nov), recomendo antes de ligarem seus motores, engatar a 1a marcha, apertar a embreagem, e empurrar a moto para a frente, o que fará com que os discos já se descolem. Isso facilitará muito o trabalho da embreagem na primeira engatada. Abraços. :João 52 São Paulo SP
R: Obrigado João, pelo jeito parece que esse veio para ficar.

Meus Prezados Sou um recem proprietario de uma Shadow 750, aliás gosto muito, e também sempre leio os testes que voces fazem das motos, que são muito valiosos para quem quer comprar moto. Pois bem, minha pergunta é a seguinte: O que significa na prática dizer que o cambio da Shadow 750 é de 5 marchas “constantemente engrenadas”? Jose 58 :Sao Carlos, SP
R: José, O sistema “constantemente engrenado” tem sempre as engrenagens engatadas pelos seus dentes. O que faz o acoplamento é um deslizamento lateral que prende as que rodam livremente pelo eixo nas suas irmãs presas no eixo. Cada par de engrenagem tem uma louca e uma presa no eixo de forma que quando acionamos a mudança de marcha um mecanismo desloca uma das engrenagens que engata lateralmente em ressaltos que força a rotação pela engrenagem presa no eixo. Parece um pouco complicado, mas na realidade não é. Simplesmente o engate não é feito pelos dentes das engrenagens e sim pelos ressaltos laterais que acopla uma peça solta do eixo em uma outra presa.
João: Ok! Obrigado pela atenção em responder a minha pergunta, mas qual é a vantagem deste tipo de cambio ou a desvantagem?
R: A vantagem é a compactação do sistema e velocidade e agilidade nas trocas de marcha. Quase a totalidade das motos usam esse sistema hoje em dia. A desvantagem é que em caso de entortar a peça que controla o deslizamento lateral (garfinhos) o câmbio pode se destruir se engatar duas marchas ao mesmo tempo. Dificilmente acontece, só em casos extremos de desgaste e às vezes por um defeito de construção.

Pela internet conheci a Yamaha FJR 1300, não importada e desconhecida pelas revendas no Brasil. Considerada (Itália) a melhor moto turismo do mundo no período 2003 a 2005. O modelo 2008 tem embreagem eletrônica(tipo fórmula 1), freio ABS, cardan,parabrisa elétrico,etc. É usada pelas Polícias Rodoviárias em Portugal e França. As existentes no Brasil foram importadas diretamente pelos interessados. Não caberia uma reportagem sobre tal modelo? Averiguando as razões pelas quais a Yamaha não importa a FJR? Rosalvo 64 Passo Fundo – Rio Grande do Sul
R: Rosalvo, Essa é uma classe de motocicletas não muito comum no Brasil. Apenas poucas BMWs e Hondas dessa classe vieram ao país. Acredito que o mercado para esse tipo de motos é pequeno por aqui. Concordo com você que seria interessante tê-las por cá. Mas acho que as fábricas não concordam conosco. abraços

Gostaria de saber a quantidade de fluida que cabe na bengala de DT 180 eu tinha um medidor mais eu meafastei daminha atividade doei para um mechanico agora tenho uma DT 180 epresiso faser um reparo. Clayton 28 paruapebas pará
R: Clayton, Use óleo de transmissão automática e encha a bengala sem a mola com ela toda pressionada. Retire o ar bombando algumas vezes e preencha novamente até o nível de 18cm antes do topo. (meça comprimido). Estique o telescópico e coloque a mola e tampa. Faça o mesmo com a outra peça. Boa sorte,

Duvida na Factor pra q serve? é como se fosse uma saida de ar q fica no cano de escape, q sobe como se fosse pro filtro de ar sei lá, é pq levei a minha moto hj para colocar um alarme, dai o cara lá estranhou pra q servia aquilo e disse q a moto so tinha a perder desempenho e iria consumir mais pois o ar q a tal mangueirinha q sai do escapamento e vai pra um lugar q nao sei oq é, mas fica perto do carburador, seria uma ar sujo, gas carbonico prejudicando o desempenho da moto pois teria q ser um ar limpo e frio, nao quente e sujo como estava acontecendo! Entao ele tampou essa tal saida de ar e mandou andar um tempo com ela assim para mim ver se o desempenho melhoraria, o cara era engenheiro mecanico, vou fazer oq ele me disse pois notei q minha moto esta consumindo muito mesmo… obs: n foi na autorizada, qndo fui na autorizada o mecanico n soube explicar para q servia, dai vc ver como é complicado! Renan 19 vitoria, ES
R: Caro Renan, Cuidado. Não deixe “curiosos” mexer na sua moto. Esse tubinho é um equipamento de injeção de ar limpo para o escapamento. Ele termina a queima dos gases expelidos pelo escape e não suficientemente alterados quimicamente na combustão. É um dispositivo de controle de emissão de gases e não deve ser alterado. O ar sujo não “vai” para a entrada de ar e sim “vem” da caixa de ar e “entra” no escape para terminar a combustão e para isso conta com uma válvula de palheta que controla esse processo. Abraços,

Bom dia, tenho uma Twister que está com problemas no tensor da corrente de comando, gostaria de saber se posso troca-lo em casa mesmo, se ao retirá-lo preciso de alguma ferramenta especial para a moto não “sair de tempo”, ou se posso retirá-lo sem problemas. Muito Obrigado pela atenção. Cleudso 24 João Pessoa/PB
R: Pode sim, mas procure se informar bastante a respeito antes. Um manual de oficina seria o mais indicado, se não conseguir a vista explodida das peças no catálogo disponível nas revendas pode te ajudar, mas não é o ideal. Verifique a posição das peças e seqüência de desmontagem-montagem. A posição para ajuste do sincronismo do comando é PMS (Ponto Morto Superior) no pistão coincidindo com a marcação na coroa presa no comando quando todas as válvulas estiverem com a mesma abertura (“centro do overlap” que é a posição central quando os acionadores das válvulas estão pressionando-as igualmente), pode-se então dar mais umas voltas e conferir o ciclo todo: Admissão, compressão, explosão e escape dos gases (ponto do “overlap” novamente), verifique o posicionamento da marca na coroa do comando com a posição do girabrequim (PMS). A furação da flange só permite uma posição na coroa. Procure utilizar peças originais para maior durabilidade, troque todas as juntas e retentores. Compensa verificar as válvulas, cilíndro e embreagem, uma vez que vai tirar as tampas. Boa sorte

Oi, vi hoje sua resposta a um leitor, dizendo que só não se pode passar querosene nos freios. Lavei minha moto ontem, e não borrifei o querosene nos freios diretamente, mas esqueci que tinha posto um pouco no balde com o sabão, pra facilitar a limpeza. Resultado: Hoje, no meio da rua, em razão de outro vacilo, o meu bauleto caiu da moto (não prendi bem após lavar). Estava a uns 40/h. Dei uma freada, a moto não quis parar de jeito nenhum, foi fritando o pneu e sambando pra lá e pra cá. Ainda bem que deu tudo certo. Só o bauleto que ficou todo arranhado. Devo fazer alguma coisa no freio, ou ele volta ao normal com o uso? Abraço e parabéns pelo site. É bom de verdade. Victor 22 Rio de janeiro – RJ
R: Victor, a tendência é voltar ao normal, sim. Mas pode levar algum tempo. Se tiver como retirar as pastilhas e lixar até que saia a camada oleosa essa é uma boa providência. Também lixar o rotor vale a pena, porque a oleosidade fica impregnada nas pequenas ranhuras feitas pela pastilha e pode impregnar novamente a fibra das pastilhas. Em alguns casos em que pulverizam óleo é necessária a troca das pastilhas, mas creio que não é o seu caso. Abraços