Pro Tork leva Marronzinho ao Japão

Vice-l¡der do Brasileiro de MX1 viaja ao Oriente na segunda-feira; antes, busca a ponta no Nacional na etapa de Canelinha (SC), neste fim de semana

De Canelinha, em Santa Catarina, ao JapÆo.

Ser  este o itiner rio que seguir  JoÆo Paulino, o “Marronzinho”, nos pr¢ximos dias. O piloto da Pro Tork Racing Team disputa, neste s bado e domingo, a s‚tima e pen£ltima etapa do Brasileiro de Motocross na categoria MX1. Ele ‚ o vice-l¡der do campeonato, 11 pontos atr s de Wellington Garcia (135 a 124).

Na segunda, Marronzinho segue para Nagoya, no JapÆo. Na bagagem, a participa‡Æo confirmada na oitava etapa do Japonˆs de Motocross, em 9 de setembro, na cidade de Narah.

A oportunidade de competir no outro lado do mundo surgiu ap¢s contato da Pro Tork com os organizadores da competi‡Æo. “Vamos viajar com antecedˆncia para que o Marronzinho possa se adaptar ao pa¡s e ao Team Kawasaki, que ele vai defender no JapÆo. EstÆo previstos exames f¡sicos e uma s‚rie de procedimentos para que a participa‡Æo s eja a melhor poss¡vel”, disse Marlon Bonilha, diretor de marketing e chefe da Pro Tork Racing Team, que usa motos Kawasaki nas competi‡äes nacionais de motocross.

Marlon viajar  ao JapÆo ao lado do piloto. Marronzinho nÆo esconde a felicidade de cruzar o mundo para uma nova competi‡Æo. “A ficha ainda nÆo caiu, para falar a verdade. At‚ porque tenho dado prioridade … minha corrida em Canelinha, neste fim de semana”, diz Marronzinho. Ele depende s¢ de si para levar o Brasileiro. O piloto da Pro Tork Racing Team precisa ganhar as duas corridas que restam e fazer o melhor tempo nos treinos classificat¢rios. “Vou correr com muita garra, com muita vontade de ganhar. Quero levar esta vit¢ria comigo para o JapÆo”, completou o piloto de 23 anos e muitas conquistas no curr¡culo: ele ‚ bicampeÆo brasileiro de motocross, seis vezes campeÆo catarinense de motocross e cinco vezes campeÆo catarinense de supercross.

A prova que Marronzinho disputar  no JapÆo ser  real izada em uma pista dentro da f brica da Yamaha. “Sei que o percurso ‚ bem arenoso.  o meu estilo de pista. Minha expectativa ‚ andar entre os cinco primeiros e aproveitar ao m ximo a oportunidade que a Pro Tork est  me dando.  uma chance de ouro”, comentou.

E agradeceu: “Quando fechei com a Pro Tork, sabia que seria bom para mim. Mas nÆo imaginava que fosse tanto. Nunca passou pela minha cabe‡a viajar ao JapÆo para correr de moto. Estou empolgad¡ssimo. Quero retribuir com 100% de dedica‡Æo e, se tudo der certo, t¡tulos”.

Presen‡a de peso – Al‚m de Marronzinho, a Pro Tork ter  pilotos em todas as categorias que correrÆo neste final de semana em Canelinha: na MX3, o campeÆo antecipado Milton Becker, o “Chumbinho”, e Nico Rocha, o quarto na classifica‡Æo geral. Na MX1, al‚m de Marronzinho, participar  Christopher “Pipo” Castro e Rafael Zenni, que participa tamb‚m da MX2. Na MXJr., Rafael Faria ‚ vice-l¡der. Nas 65cc, Gustavo Roratto sup erou uma fratura no p‚ e tem participa‡Æo prevista para defender sua lideran‡a no campeonato.

Depois das baterias programadas, ser  realizada tamb‚m a etapa da TR50F para adultos, prova em que nomes de destaque entram na pista com suas minimotos Pro Tork. A disputada ocorre em todas as etapas do Nacional. O vencedor leva para casa uma TR50F zero quil“metro.