Carla Fornasaro, analista de Relações Institucionais da CCR NovaDutra e responsável pelo Programa

Programa Estrada para a Cidadania atende 128 mil alunos de municípios servidos pela Via Dutra em 2012

A Concesssionária NovaDutra concluiu a série de eventos de lançamento do Programa Estrada para a Cidadania, edição 2012, para educadores e representantes das Secretarias de Educação dos municípios servidos pela Via Dutra. Ao todo, foram realizados quatro eventos em cidades lindeiras à Dutra: dois no trecho paulista, em São José dos Campos e Guaratinguetá; e dois no trecho fluminense, em Volta Redonda e Nova Iguaçu. Os eventos visaram apresentar aos educadores participantes os conteúdos propostos para serem difundidos entre os alunos ao longo do ano, em sala de aula.

Participaram das cerimônias, realizadas entre 03 e 11 de abril, cerca de 400 pessoas, entre educadores e representantes dos municípios engajados no Programa, que visa preparar os futuros cidadãos-motoristas do eixo Rio-SP. O patrocínio integral é da CCR NovaDutra, que oferece gratuitamente cartilhas e livros de apoio a todos os alunos e educadores participantes. Também são realizados treinamentos periódicos ao longo do ano para apoiar os educadores nas atividades em sala de aula. Visando a inclusão de professores e alunos com deficiência visual, todo o material também é produzido em Braille.

Carla Fornasaro, analista de Relações Institucionais da CCR NovaDutra e responsável pelo Programa

Carla Fornasaro, analista de Relações Institucionais da CCR NovaDutra e responsável pelo Programa

Segundo Carla Fornasaro, analista de Relações Institucionais da CCR NovaDutra e responsável pelo Programa, o Estrada para a Cidadania, realizado na Dutra desde 2005 e já abrangeu 18 mil educadores e quase 500 mil crianças com idades entre 08 e 10 anos.

“Em 2012, a estimativa da Concessionária é que sejam atendidos mais 5,5 mil educadores e 128 mil alunos de municípios servidos pela Dutra, envolvendo as temáticas, Trânsito e Meio Ambiente”, conta Carla Fornasaro. “Os alunos de 5º ano recebem Educação Ambiental e os alunos de 4º têm Educação de Trânsito e Cidadania”.

A proposta pedagógica do Programa leva em consideração a transversalidade das matérias, buscando inserir Educação para o Trânsito, Cidadania e Meio Ambiente em diversas disciplinas, que passam a “dialogar” entre si. O conteúdo é constantemente atualizado, de acordo com a evolução da linguagem, das leis de trânsito, dos conceitos de Meio Ambiente e das dicas de cidadania.

“Para facilitar a assimilação do Programa Estrada para a Cidadania pelas escolas, são realizadas oficinas pedagógicas dirigidas aos educadores, com o apoio de pedagogos”, explica Carla Fornasaro. “As aulas são semanais e algumas das atividades envolvem também familiares, com exercícios que precisam ser feitos em casa, atividades que multiplicam o número de pessoas impactadas pelo Programa”.

Além das aulas em sala, as crianças participam de atividades complementares, que contribuem para a formação integral, como a ação Crianças Amigas da Estrada, blitze educativas realizada em parceria com a Polícia Rodoviária Federal, às margens da Via Dutra. Já a campanha Cidadania na Estrada promove a produção e distribuição em praças de pedágio de mensagens escritas de próprio punho pelos alunos do Programa. O Estrada para a Cidadania também promove o concurso de desenho Arte nas Estradas, que premia os melhores trabalhos artísticos dos alunos sobre o tema Meio Ambiente.