Pilotos acelerando no S do Senna na categoria SuperBike Pro (Thiago Capodanno - VGCOM)

Resultados 2ª etapa da Copa Pirelli do SuperBike Brasil

Confira os resultados das provas que aconteceram no domingo de Páscoa, 27 de março, no Autódromo de Interlagos, válidas pela 2ª etapa da Copa Pirelli do Superbike Brasil.

Diego Faustino

Diego Faustino

Diego Faustino, vencedor na categoria SuperBike (Henrique Chiarini - VGCOM)

Largada

Largada

Pilotos aceleram no S do Senna na categoria SuperBike Pro (Thiago Capodanno - VGCOM)

Fábio Nallin

Fábio Nallin

Fábio Nallin venceu na SuperBike Light (Anderson Romão - VGCOM)

Meikon Kawakami

Meikon Kawakami

Meikon Kawakami venceu na Copa Kawasaki Ninja 300 e 300 Multimarcas (Anderson Romão - VGCOM)

Luiz Cerciari

Luiz Cerciari

Luiz Cerciari venceu na SuperSport (Thiago Capodanno - VGCOM)

Samara Andrade

Samara Andrade

Samara Andrade venceu na Ninja 600 (Anderson Romão - VGCOM)

Renzo Ferreira

Renzo Ferreira

Renzo Ferreira encerra temporada no Brasil com vitória na Copa CBR 500R (Thiago Capodanno - VGCOM)

Fábio Nallin venceu na SuperBike Light. O piloto #47, da equipe Misano, manteve o favoritismo, largou na pole-position e cruzou a linha de chegada em primeiro lugar seguido por Rodrigo C. Dazzi (#146, equipe Giro Moto), Marcos Migliorelli (#97, da equipe Everson Racing), Henrique Poli Junior (#84), e Adriano Garcia (#74, da MotoSchool Racing Team), em quinto.

Pela categoria SuperBike Light Master, Marcos Senra #67, da Moretti Racing Team, foi o mais rápido novamente e venceu a prova. Alexandre Marzola (#00) foi o segundo mais rápido da Master, com Sergio H. Hidani (#135, da Misano Racing) em terceiro, Edson Errera (#86, da equipe Errera Racing) em quarto e Sergio Castilho (#140, da Viana Racing Team), em quinto.

Faustino vence a Copa Pirelli 2016 na categoria SuperBike. O atual campeão, Diego Faustino #68, da equipe Honda Mobil, largou na ponta e permaneceu nela até a bandeirada final. O segundo a cruzar a linha de chegada foi Sebastiano Zerbo (#81, da equipe Alex Barros Racing Team), seguido por José Luiz “Cachorrão” (#51, da equipe Honda Mobil), com Danilo Lewis (#17, da Tecfil Racing Team) na quarta posição e Wesley Gutierrez (#134, da Kawasaki SuperBike Team), em quinto.

SuperBike PRO

SuperBike PRO

Pódio SuperBike PRO (Anderson Romão - VGCOM)

SuperBike Light

SuperBike Light

Pódio SuperBike Light (Anderson Romão - VGCOM)

Copa Ninja 300 / 300 Multimarcas

Copa Ninja 300 / 300 Multimarcas

Pódio Copa Ninja 300 / 300 Multimarcas (Anderson Romão - VGCOM)

Ninja 600

Ninja 600

Pódio Ninja 600 (Anderson Romão - VGCOM)

300 Multimarcas

300 Multimarcas

Pódio 300 Multimarcas (Anderson Romão - VGCOM)

SuperBike PRO

SuperBike PRO

Pódio SuperBike PRO (Anderson Romão - VGCOM)

CBR 500R

CBR 500R

Pódio CBR 500R (Anderson Romão - VGCOM)

Pela categoria Pro Amador, Alex Borges #44, da equipe BM Private Team, foi o mais rápido. James Michael (#137), da Misano Racing Team, ficou com o segundo lugar. Em terceiro, praticamente junto com James chegou Daniel Toloni (#3), também da Misano Racing Team. Na categoria Pro Estreante, Luciano Pokemon (#77), da equipe Pkm Racing, foi o único participante e completou a corrida em 24m28s685.

Luiz Cerciari vence na SuperSport. Imbatível, Luiz Cerciari (#3), da equipe Cerciari Racing School, foi novamente o mais rápido, cruzando a linha de chegada em primeiro lugar. Dudu Costa Neto (#117), da equipe Castrol Team, passou em segundo, garantindo um bom lugar no pódio. Já o terceiro foi Victor Luciano (#61), da equipe DVL Racing Team. Por poucos milésimos, Marcus V. Trotta Pinheiro (#66), da equipe Motom, ficou em quarto lugar e a quinta posição foi de Ives Moraes (#23), também da Motom.

Entre os pilotos que disputam a categoria Pro Amador, Denis Perenyi (#59) foi o melhor e ficou à frente de Diego Viveiros (#231), da Tecfil Racing Team, Marcio Zecca (#532), da Cerciari Racing School, Luiz Ferraz (#13), da Tecfil Racing Team, e Raphael Arcari Brito (#97), da Viana Racing, que chegou na quinta posição.

Renzo Ferreira vence a Copa CBR 500R. Em clima de despedida, Renzo Ferreira (#13), da equipe Honda Motoschool de Talentos, cruzou em primeiro a linha de chegada na categoria Copa Honda CBR 500R. Renzo está de malas prontas para uma temporada nos Estados Unidos. Arthur Costa (#99), da equipe Alemão Pneus, foi o segundo melhor, com José Duarte (#97), da equipe Alex Barros Racing Team, em terceiro, Davi Gomide (#31), da equipe Honda de Motoschool de Talentos em quarto e Juninho Trudes (#72), da equipe RF Racing na quinta posição. Pela categoria Light, Rafael Rigueiro (#52), foi o melhor também na Junior.

Equipe Honda Mobil se prepara para a largada (Anderson Romão - VGCOM)

Equipe Honda Mobil se prepara para a largada (Anderson Romão – VGCOM)

Meikon Kawakami vence a categoria de motos 300cc. Com a liderança se revezando durante as 11 voltas da corrida nas categorias Copa Kawasaki Ninja 300 e 300 Multimarcas, Meikon Kawakami (#83), da equipe Playstation Yamaha acabou vencendo a prova. O segundo foi Niko Ramos (#822), da equipe Tecfil Racing Team, da Ninja 300, atual campeão. O terceiro lugar ficou com Guilherme Brito (#19), da equipe Alex Barros Racing Team, o quarto foi Sandro Paganelli (#64), da Paganelli Racing, Ninja 300, e fechou o pódio Diego Moreira (#20), da equipe Alex Barros Racing Team.

Pela categoria Copa Kawasaki Ninja 300 Pro, Niko Ramos foi o mais rápido, tendo Sandro Paganelli em segundo, Fernando Santos (#234), da Tecfil Racing Team em terceiro, Willians Sales Piui (#111), da FastKids em quarto e Marco Antonio Reis (#3), da Moretti Racing Team na quinta posição.

Já na 300 Multimarcas, a ordem ficou assim: Meikon Kawakami em primeiro, Guilherme Brito em segundo, Diego Moreira em terceiro. Eliton Kawakam (#27), da Playstation Yamaha ficou com a quarta posição, enquanto Humberto Turquinho (#12), da Alex Barros Racing Team foi o quinto.

Na categoria Light, a primeira posição ficou com Derick Fillipini (#227), da Castrol Team. Em segundo chegou Kelvin G. Souza Firmino (#55), seguido de Bruno Ribeiro (#169), da equipe HG Motos Racing, Ricardo Gomes Castilho (#71), da Tecfil Racing Team, em quarto e Enzo Valentim Garcia (#29), da equipe FastKids, em quinto.

Samara Andrade foi a primeira na Ninja 600. Lugar de mulher também é na pista e por isso a prova da categoria Copa Kawasaki Ninja 600 teve a vitória de Samara Andrade (#74), da equipe Tecfil Racing Team. Já a segunda posição ficou para Bruno Monteiro (#30), seguido por Douglas S. Tomé (#67), da BH Racing, em terceiro. O quarto lugar ficou para Junior Américo (#60), da Viana Racing e o quinto para Felipe Diniz “Bolinha” (#21), da MotoSchool Racing Team. Na categoria Master, o mais rápido foi Waldemar Mendes e a segunda posição ficou com Valter Rubino (#65).

Aos amantes da motovelocidade, a temporada do SuperBike 2016 começa dia 10 de abril em Interlagos-SP! O SuperBike Brasil tem Patrocínio Silver Honda, Mobil, Pirelli e Yamaha. Patrocínio Bronze Premium de Kawasaki, Ducati e MotoSchool. Patrocínio Bronze de Shark, Diafrag, Alpinestars e Tutto Moto.Separador_motos