Teste das populares, preços das motos e Buell

A minha mensagem nÆo ‚ nenhuma cr¡tica ou sugestÆo, gostaria apenas solicitar de vocˆs se fosse poss¡vel, como conseguir alguns dados de desempenho de algumas motos populares. Tais como: acelera‡Æo, frenagem, consumo urbano, consumo estrada, capacidade do tanque e peso da moto. Pode ser a cita‡Æo de alguma revista, ou a indica‡Æo de algum site.
DamiÆo Moreira dos Anjos
Cajazeiras – PB
DamiÆo, na medida do poss¡vel vamos testar toas as motos do mercado, inclusive as populares, mas vai depender tamb‚m da boa vontade das f bricas em ceder as motos para avalia‡Æo. Vocˆ pode obter dados confi veis de desempenho nos pr¢prios sites das montadoras. As revistas especializadas tamb‚m fazem seus testes, mas os valores quase sempre sÆo muito pr¢ximos aos fornecidos pelos fabricantes. Exceto medi‡äes de frenagem (que varia muito conforme o piloto), e consumo (tamb‚m sujeitas a muitas vari veis) os demais dados invariavelmente sÆo muito parecidos entre as revistas.

Pre‡o da Gasolina
Achei muito oportuna a reportagem do Geraldo sobre o pre‡o da gasolina. Ele tem razÆo em comparar o pre‡o de uma garrafa de  gua mineral numa balada com o da gasolina. Realmente ‚ absurdo. E se pensarmos de forma comparativa, tamb‚m o pre‡o da Hornet nÆo ‚ assim tÆo exorbitante, at‚ mais barato que em outros pa¡ses. Mas uma coisa eu tenho que puxar a orelha do “Tite”: nÆo ganhamos nosso sal rio em Euros.
Patric Ramos Cipriano
Sao Paulo – SP
Patric, vocˆ tem de puxar a orelha do presidente do Banco Central, porque ele que mant‚m as cota‡äes do real 3,5 vezes menor do que a do Euro. Se um europeu ganha 2.000 euros por mˆs e um brasileiro recebe 2.000 reais por mˆs o sal rio ‚ o mesmo. O que muda ‚ o valor nominal da moeda brasileira em rela‡Æo ao resto do mundo. Quando o FHC equiparou artificialmente o real ao d¢lar, como manobra de marketing para se reeleger, os brasileiros ficaram automaticamente mais ricos ou iguais aos europeus e americanos. Pena que foi apenas uma manobra pol¡tica e a realidade econ“mica ‚ bem mais cruel.

Buell
Revista especializada divulgou, no ano passado, que o representante da Harley Davidson no Brasil decidira comercializar motocicletas Buell nestas plagas. Passaram-se meses sem novidades. Resolvi entÆo solicitar informa‡äes diretamente ao Servi‡o de Atendimento ao Cliente (SAC) do mencionado representante. De novo, passaram-se meses e apenas descobri que o SAC da Harley simplemente nÆo funciona. A Motonline teria alguma informa‡Æo sobre a poss¡vel introdu‡Æo no mercado brasileiro das arrojadas Buell? Obrigado.
Marcos Campos
Bras¡lia, DF
Marcos, vamos procurar o representante da Harley e perguntar na lata: vais trazer ou nÆo a Buell? Depois a gente publica aqui mesmo no Motonline. Mas, se me permite uma opiniÆo meramente pessoal, a Buell nÆo faz a menor falta no mercado brasileiro. NÆo consigo imaginar uma moto esportiva com motor de Harley-Davidson, seria como instalar o motor do Fusca em uma carroceria Ferrari.