A Traxx apostou nas cinquentinhas e se deu bem

Traxx cresce com as cinquentinhas

Em 2013, a Moto Traxx da Amazônia cresceu 48% se comparado ao ano de 2012. De acordo com a Abraciclo – Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e similares, dentre as 11 associadas da entidade, apenas a Harley-Davidson e a Traxx registraram um resultado positivo no ano passado.

“Atribuímos esse excelente desempenho à comercialização de modelos de baixa cilindrada. A Traxx, apostando nos produtos verdadeiramente de entrada que são os veículos de cinquenta cilindradas, vem mostrando ótimos resultados. Enquanto todos os associados da Abraciclo perderam em 2013, a Traxx cresceu e mostra-se em franca recuperação”, declara Airton Pinto Silva, Gerente Comercial da Moto Traxx.

A Traxx apostou nas cinquentinhas e se deu bem

A Traxx apostou nas cinquentinhas e se deu bem

Para quem acompanha a trajetória da fabricante sino-brasileira, que teve início em 2000, sabe que a conquista do mercado nacional teve início com a Star 50cc, naquela época ainda importada da China, onde era produzida pela Jialing, empresa do China South Industries Group (CSIG), um dos maiores fabricantes mundiais de motocicletas. Passados pouco mais de dez anos, a Star 50 cc já ocupa o quarto lugar da categoria motoneta, dados divulgados no ranking de vendas por categoria, produzido pela Fenabrave – Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, no mês de fevereiro de 2014.

“A Traxx acreditou e continua apostando que as cinquentinhas são modelos formadores de público usuário de motocicletas, atendendo uma fatia de público bastante heterogênea que abrange desde o estudante ou trabalhador em plena atividade produtiva ao público da terceira idade, que já se encontra aposentado. São homens e mulheres residentes na zona urbana ou rural que buscam mobilidade, uma necessidade cada dia mais difícil nas cidades brasileiras para quem depende de transportes públicos ou para quem precisa enfrentar o dia a dia do trânsito caótico dos grandes centros”, justifica Airton.

Outros produtos do Line-Up da Traxx

Outros produtos do Line-Up da Traxx

Atualmente, a Moto Traxx conta com três modelos de cinquenta cilindradas: a Star 50 cc, precursora no mercado brasileiro; a Moby 50 cc lançada em 2012, e a Sky 50 cc a mais nova cinquentinha da marca. “Nossos números confirmam a versatilidade do modelo de cinquenta cilindradas: 46% do público final que adquire nossos modelos entrantes são pessoas acima dos 50 anos e 54% são aqueles que estão no início de atividade produtiva, dentre homens e mulheres”, revela o gerente comercial.

Atenta ao mercado, a Traxx acredita ainda que devido à carência e precariedade de transporte de massa em boa parte dos 5.564 municípios brasileiros, as cinquentinhas que produz podem melhorar a qualidade de vida e a mobilidade das pessoas que moram em áreas rurais e não dispõem de transporte coletivo, mas principalmente, de um trabalhador que necessita utilizar o concorrido e algumas vezes malfadado transporte público brasileiro dos centros urbanos.

Mesmo confirmando como acertada a estratégia de produção e promoção de modelos de cinquenta cilindradas, a Traxx continua investindo em novos modelos para diversificar o mix de produtos e lança no segundo semestres deste ano uma Trail 250 e uma Street 150 cc que vem atender um outro perfil de público.

Leia sobre o mercado das cinquentinhas no Brasil:  clique aqui