A idade mínima é de 16 anos para ingressar no Mundial

Eric Granado é sondado por equipes das categorias de base da Moto GP

A idade mínima é de 16 anos para ingressar no Mundial

A idade mínima é de 16 anos para ingressar no Mundial

Em sexto lugar no CEV Buckler 125GP — Campeonato Espanhol de Motovelocidade — com apenas 15 anos, Eric Granado já começa a colher os frutos do seu trabalho. Único brasileiro na categoria, o piloto tem pela frente um novo desafio na carreira. É que equipes da Moto 2 e Moto 3, divisões de base da Moto GP, já procuraram o brasileiro interessados na temporada 2012.

Para Marco Bonesso, gerente de carreira de Granado na Europa, a grande dúvida é qual categoria priorizar ano que vem. “O desempenho dele tem sido importante, lembrando que o Eric só completa a idade mínima (16 anos) para ingressar no mundial em Junho de 2012 e mesmo assim, já temos equipes tanto na Moto 2, quanto na Moto 3 que manifestaram interesse em tê-lo como piloto oficial”, revelou.

Para entender a dimensão da importância do momento que Granado vive na carreira, vários pilotos que correm hoje na Moto GP foram revelados no campeonato CEV Buckler.  O brasileiro Bonesso, que mora na Europa há mais de vinte anos, afirma que “Eric tem real chances de ingressar no mundial em 2012”.

O conselheiro e administrador da carreira do atleta no Brasil, Sérgio Laurentys, afirma que apesar do contato das equipes, ainda não existe nada assinado. “Isso é fruto de um reconhecimento, de um trabalho que vem sendo realizado há 8 anos”, disse. Laurentys ainda sobre a escolha da categoria para o piloto brasileiro no próximo ano. “No futuro a Moto 3 é uma categoria nova. Não sabemos como ela vai ser. Não temos base. De qualquer maneira, temos tempo para escolher e avaliar melhor. Precisamos ver a evolução do Eric, pois ele está em fase de desenvolvimento físico. Peso e altura são fatores determinantes”, ressaltou.

Santo Feltrin, diretor técnico de Granado, destaca o que Eric ainda terá muito trabalho pela frente para a evolução da carreira do piloto. “Agora a disputa aumenta, é um funil, o nível técnico começa a ficar maior”, frisou. Ele comentou que o jovem atleta tem mais características para correr na Moto 2. “Pelo porte físico dele, peso, forma de condução, ele tem mais o perfil da Moto 2. Agora, temos que ter calma, esperar, mas com certeza ele vai aprender mais na Moto2”, completou.

O Próximo desafio do piloto brasileiro em solo europeu será no dia 11 de setembro, em Albacete, onde acontece a quinta etapa do CEV. Eric está com 37 pontos no campeonato a apenas dois pontos do quarto colocado e seu objetivo é chegar entre os cinco primeiros. Este fim de semana Granado treina em Interlagos, durante as atividades do Racing Festival.

Eric Granado conta com patrocínios importantes para chegar ao mundial: Banco Rural, Grupo Mammoet Irga, Mobil Lubrificantes, Alliance Investimentos, Capacetes Shark, Óculos Oakley, Macacões Arlen Ness, Rush Motorcycles, CPN-Natação, Luna Aerografia, TrendsMotos, SoulMoto e Alpinestars.