Foto: Jaqueta SBK: aprovada pelo doc Tite

Jaqueta, capacete, freio, editorial, doc, preço etc

Foto: Jaqueta SBK: aprovada pelo doc Tite

Foto: Jaqueta SBK: aprovada pelo doc Tite

Tite 1)Para uso urbano e viagens de fim de semana com uma moto de pequena/media cilindrada qual jaqueta ‚ a mais recomendada (Cordura ou Couro). 2)Como fa‡o uma boa regulagem do farol?
Vinicius – SÆo Jos‚ dos Campos, SP

R: Ultimamente tenho usado as jaquetas de cordura da SBK e fiquei muito satisfeito veja no site www.sbksports.com.br . 2) Para regular o farol precisa de um gabarito que s¢ tem nas concession rias.

Capacete
Tite, ‚ sobre capacetes, vemos propaganda de capacetes de todo pre‡o, nacionais, importados, mas nenhuma informa‡Æo quanto ao material de que eles sÆo feitos o peso ou a vantagem de um material com rela‡Æo a outro. Um bom capacete ‚ feito do que, e afinal o que ‚ mais resistente do que o que nessa historia? Valeu, obrigado, se puder ajudar dando uma luz.
Leonardo – Curitiba,PR Cep:80420190

R: L‚o, quem d  a luz ‚ parteira! Os capacetes de fibra e composto de kevlar sÆo melhores do que os de pl stico injetado, mas todos sÆo aprovados e certificados, portanto, funcionam da mesma forma.

Freio
Sobre a pergunta do leonardo – Recife PE. Sim, o coeficiente varia com a temperatura (quase tudo na natureza varia com a temperatura). Aquela formula que foi colocada por ele ‚ uma simplifica‡Æo que utiliza a hip¢tese que a for‡a de frenagem ‚ aplicada no centro da superf¡cies de contato. A questÆo do atrito depender da  rea ‚ altamente complexa, em fen“menos simples, onde as deforma‡äes e esfor‡os sÆo pequenos, faz-se a afirma‡Æo que o atrito independe da  rea, por‚m, essa nÆo ‚ uma verdade absoluta. Mais informa‡äes sobre freios vocˆ pode encontrar em qualquer bom livro de elementos de M quinas (recomendo o Projeto de Engenharia Mecƒnica – JOSEPH E. SHIGLEY & CHARLES R. MISCHKE & RICHARD G. BUDYNAS)
Tadeu – Joinville, SC

Editorial
Tite, parab‚ns pelo “Trƒnsito sociopata”. Perfeito!
Bob Sharp – SÆo Paulo, SP
Tite, mais um para te dar os parab‚ns pelo editorial de 24/9, excelente! Cara, vc poderia fazer um favor para todos os motonliners e motociclistas: Candidate-se a Vereador ou Deputado, ai vc poderia levar essas ideias mais longe! J  tem meu voto.
Samuel – SÆo Paulo, SP

R: Uau, elogio do Bob Sharp vale como uma condecora‡Æo! Samuel, eu nÆo quero entrar pra pol¡tica porque tem muitas m s companhias l  dentro.

Doc
Tite! O DVD vai come‡ar a ser vendido no site tamb‚m no per¡odo do salÆo? Outra: que acha de fazer um comparativo das motos chinesas? J  sÆo v rias marcas no mercado, muitas delas com produtos similares. Alguma delas vale a pena ou o canal ainda ‚ investir nas 3 marcas “cl ssicas”: Honda, Yamaha e Suzuki? Pra terminar, o Marcus de Taubat‚ havia dito que a abreviatura de Doctor ‚ apenas Dr. NÆo, Dr. ‚ a abreviatura formal, e Doc ‚ uma abreviatura popular (coloquial) usada para Doctor. doc 1. Familiar abbreviation of doctor. Doctor 1. The title of a doctor (whether medical or academic) used before the doctor s name. Abbreviation: Dr, Dr.
Jossiano – Porto Alegre, RS
Doc ‚ g¡ria pra m‚dico o bixo ae viajou na maionese com “Document”
Franco – Brasilia,DF

R: EntÆo, Marcus de Taubat‚, vˆ se d  pr¢xima vez pesquisa mais antes de escrever bobagem! Jossiano, eu nÆo pretendo fazer comparativo com as chinesas porque eles nÆo cedem as motos pra mim!

Pre‡os
Tite, Tive o prazer de conhecer a Varadero. Que motoca! Em compara‡Æo a concorrente da Suzuki, ela ‚ muito mais “trail”, com a posi‡Æo de pilotagem que me lembrou a minha antiga DR800S, enquanto que a V-Strom ‚ mais “touring”. O pre‡o de venda ainda est  muito alto. Aqui no Rio ‚ vendida de R$57.000 a R$60.000, ou seja, o mesmo que a GS 1200 da BMW. Acho que o pre‡o adequado seria – no m ximo – R$50.000. Estranhei os comandos, parecidos com os da minha primeira moto, um XR200R 1998, ao contr rio dos da V-Strom, que sÆo de primeira linha, no estilo das esportivas da marca.
Ralph – Niter¢i, RJ

R: O pre‡o praticado da V-Strom em SP ‚ de R$ 43.000 em algumas concession rias.

Seguro
Gostaria de sugerir uma materia sobre como ‚ caro fazer um seguro de motocicleta neste pa¡s. Que tal um levantamento dos valores dos seguros de todas as motocicletas fabricadas no pa¡s, pois acredito que o valor do seguro hoje ‚ uma componente importante na compra de uma motocicleta.
Claudio – SÆo Paulo – SP

R: Cl udio, vc est  confundindo SÆo Paulo com Brasil! O seguro ‚ exorbitante em SP, mas em outras cidades os valores sÆo bem menores.