Pokémon GO e a mania do momento mas está deixando preocupadas as autoridades de trânsito mundiais

Jogar Pokémon GO nas ruas da Tailândia pode dar cadeia

O jogo Pokémon GO tornou-se um fenômeno mundial em todo o mundo desde o dia 6 de agosto quando foi lançado mundialmente, oferecendo horas e horas de diversão barata aos seus usuários. Por todos os cantos do planeta onde chegam sinais de celular as pessoas estão saindo às ruas para “caçar” os bichinhos virtuais do programa, e isso tem se transformado em uma grande dor-de-cabeça para as autoridades de segurança e trânsito.

Pokémon GO e a mania do momento mas está deixando preocupadas as autoridades de trânsito mundiais

Pokémon GO e a mania do momento, mas está deixando preocupadas as autoridades de trânsito mundiais

Como há necessidade de monitorar a tela do aparelho celular para tentar localizar os bichinhos próximos ao usuário, a atenção fica concentrada e com isso os “caçadores” estão se esquecendo do mundo que está à sua volta, sendo atropelados, envolvendo-se em acidentes de trânsito, caindo em lagos, rios e penhascos, gerando situações de alto risco, inclusive à vida dos usuários.

Com os motociclistas está havendo duas situações de risco:

A primeira é quando o sujeito sai de moto para caçar pokémons – pense como fica prestar atenção no trânsito e monitorar a tela do celular.

– A segunda é pilotar quando motoristas e pedestres à sua volta estão totalmente alheios ao trânsito (e ao mundo), procurando os tais bichinhos virtuais.

Um dos primeiros países a tomar medidas radicais contra os altos índices de acidentes envolvendo usuários do Pokémon GO é a Tailândia, país que ocupa a segunda posição em número de mortes no trânsito, onde caçar pokémons pilotando, dirigindo ou transitando à pé em local público (e onde mais se caça pokémons?) fará com que o caçador seja enquadrado pela polícia, que terá poder de avaliar se o jogador está colocando em risco a sua vida e a de terceiros, e neste caso poderá ser multado e até preso.

Olhando de fora, a coisa parece divertida pois, enquanto os jogadores caçam pokémons virtuais, a polícia tailandesa está caçando jogadores de Pokémon GO reais. E na Tailândia as transgressões às leis são punidas com bastante severidade.

Separador_motos



Mário Sérgio Figueredo

Motociclista apaixonado por motos há 42 anos, começou a escrever sobre motos como hobby em um blog para tentar transmitir à nova geração a experiência acumulada durante esses tantos anos. Sua primeira moto foi a primeira fabricada no Brasil, a Yamaha RD 50.