KTM procura benzedeira – mais um piloto machucado

A bola da vez agora, e de novo, ‚ o super piloto Shanne Watts.

O piloto Australiano Shanne Watts da equipe KTM, campeÆo em 2002 do US Gran National Cross Country (GNCC), viu suas aspira‡äes de conquistar o t¡tulo nesta modalidade, em 2003, irem por  gua abaixo de uma maneira bem cruel, antes mesmo do come‡o da temporada.

Competindo na pista de Glen Helen na California, em prova v lida pela segunda etapa do World Offroad Championship (Campeonato Mundial de Offroad – WORCS), nesse final de semana passado (8 e 9/2), Watts se envolveu em um acidente na primeira curva depois da largada. O resultado: uma fratura na t¡bia e duas fraturas na f¡bula de sua perna esquerda. Imediatamente foi submetido … uma cirurgia no renomado hospital Loma Linda em Los Angeles. Os ortopedistas colocaram uma placa e pinos de titƒnio em sua t¡bia. A f¡bula foi colocada no lugar e se recuperar  naturalmente.

“Eu nÆo acredito nisso!” disse Watts depois da cirurgia. Na semana passada, participando de uma prova em Hollister (perto de San Francisco), ele tamb‚m se envolveu em um acidente da mesma maneira, na primeira curva. S¢ que nessa ocasiÆo foram tirados raios-x de sua perna direita, mas nada de grave aconteceu, apenas a dor da pancada. Desse vez em Glen Helen, quando foi para o raio-x, ele j  sabia que o pior tinha acontecido.

E disse mais: “Eu pe‡o desculpas a todas as empresas que me patrocinaram e me deram apoio nos £ltimos 12 meses em que estive machucado. Eu os agrade‡o pela paciˆncia. Mas gravem minhas palavras, esse £ltimo acidente apenas fortaleceu minha vontade de competir e principalmente de estar no lugar mais alto do podium”.

Sua recupera‡Æo demorar  pelo menos 4 meses.