Os números do Monster Energy Grande Prémio de França

Os números do Monster Energy Grande Prémio de França

Os números do Monster Energy Grande Prémio de França

As estatísticas, números e factos antes da terceira ronda do Campeonato do Mundo de 2010 de MotoGP em Le Mans.

997 – Casey Stoner acumulou 997 pontos ao longo da sua carreira na categoria do MotoGP. Se ele terminar pelo menos na 13ª posição irá ser o 17º piloto a atingir a marca de 1000 pontos em corridas de Grande Prémio da Classe Rainha.

150 – No Grande Prémio francês Dani Pedrosa erá o mais jovem piloto a alcançar a marca de participação em 150 Grandes Prémios em todas as categorias, retirando o lugar a Marco Melandri.

34 – No dia da qualificação em Le Mans comemora-se o 34º aniversário da vitória de Jim Redman no Grande Prémio da Alemanha Ocidental no circuito de Hockenheim, a bordo da nova Honda de quatro cilindros. Essa foi a estreia da 500cc de fábrica da Honda e a primeira vitória de sempre da marca na Classe Rainha.

14 – No Grande Prémio espanhol, Dani Pedrosa fez a sua 14ª pole position na Classe Rainha, marca que já tinha sido atingida pelo piloto espanhol Sete Gibernau.

5 – Na corrida de 125cc em Jerez, os pilotos espanhóis preencheram os cinco primeiros lugares da grelha pela primeira vez em qualquer categoria em corridas de Grande Prémio.

3- Le Mans é um dos três únicos circuitos do calendário deste ano (circuitos onde anteriormente já se tenham realizado corridas) onde a Ducati nunca venceu em MotoGP. Os outros são Indianapolis e Estoril.

3 – As três corridas de Jerez foram ganhas por pilotos espanhóis. Esta foi a quarta vez que pilotos espanhóis venceram em todos os três Grandes Prémios no mesmo dia. As outras vezes em que isso aconteceu foi em Le Mans em 2003, Donington 2006 and Valencia 2009.

0.89 seconds – Os três primeiros na corrida de MotoGP do Grande Prémio espanhol ficaram separados por apenas 0,89 segundos, naquele que foi o segundo pódio mais renhido da era das 800cc depois do Grande Prémio catalão de 2007, quando os três primeiros pilotos ficaram separados por apenas 0,39 segundos.