Rodrigo -Lama- representa o Brasil no Latino-Americano da 85cc

Rodrigo -Lama- representa o Brasil no Latino-Americano da 85cc

Rodrigo -Lama- representa o Brasil no Latino-Americano da 85cc

Rodrigo “Lama” está com tudo pronto para representar o Brasil no Campeonato Latino-Americano de Motocross da categoria 85cc, em Santo Domingo, no Equador. O sergipano será o único brasileiro na competição. As provas estão marcadas para o próximo final de semana (11 e 12), na pista Benjamin Ñato Jaramillo, em Santo Domingo, no Equador. Depois de garantir três títulos na temporada, o piloto do Team Honda pretende levar também para casa o troféu internacional. Lama embarca rumo ao Equador nesta quarta-feira (8), às 12h.

O ano de 2008 foi mais do que positivo para o piloto sergipano. Ele já faturou o Brasileiro de Motocross, o Arena Cross e o Sergipano. Depois da prova internacional, ele terá pela frente as últimas etapas do Campeonato Brasil Nordeste.

Esta será a primeira experiência internacional do piloto. No Latino-Americano, os concorrentes terão de desbravar uma pista de 1.460 metros. Porém, os outros detalhes da prova, o sergipano terá de esperar até chegar ao Equador para saber. “Para mim será uma surpresa. Não sei como é o nível da competição. Vou na sorte. Só sei que vou para ganhar”, prometeu o piloto que utilizará a motocicleta Honda CRF 150RB.

Como nunca participou de uma prova internacional, Lama também pretende utilizar a competição para ganhar conhecimento. “Pretendo pegar bastante experiência ou, talvez, ensinar a eles”, brincou. “Espero trazer o título para o Brasil e fechar com chave de ouro a temporada.” As participações n Latino-Americano e as últimas etapas do Brasil Nordeste marcam a despedida do piloto na categoria, já que em 2009 Lama mostrará seu talento na MXJr.

Programação* (horário de Brasília) – Sábado (11/10)

Treinos livres
9h – 85cc
9h30 – MX1
10h – 85cc
11h – MX1

Treinos cronometrados
13h20 – 85cc
14h – MX1

Domingo (12/10)

8h – Warm Up 85cc
8h50 – Warm Up MX1
10h15 – 1ª bateria 85cc (20 min + 2 voltas)
113h – 1ª bateria MX1 (30 min + 2 voltas)
13h – 2ª bateria 85cc (20 min + 2 voltas)
13h45 – 2 a bateria MX1 (30 min + 2 voltas)

* A programação é fornecida pela organização do evento e está sujeita a alterações.

O Team Honda tem apoio da Mobil, Pirel li, Showa, ASW, Polisport, Riffel, Consórcio Nacional Honda, Oakley, Orbital, D.I.D., NGK, Master Freios, Pro Taper, Reebok e Griffe Correa.