Triumph_tiger_800_xca_acao (4)

Teste Triumph Tiger 800 XCA – DNA off road

A Tiger 800 XCA

A moto mais completa da linha XC oferece um ótimo desempenho, aliado a conforto e comodidade. Na classe das motos de 800 cc, ela oferece mais; em relação às motos da classe superior – 1000 a 1200 cc – ela quase nada deve. Uma receita equilibrada pronta para te levar aonde você desejar. E é bom você saber que quanto mais longe, melhor

Triumph_tiger_800_xca_acao (2)

Pronta para encarar qualquer aventura

A Tiger 800 está disponível em diversas versões, então vamos simplificar: a família XRX – XR, XRX e XRX Low Seat – estas são voltadas para o uso no asfalto e a família XCX – XC, XCX e a XCA – que tem uma leve aptidão para o uso no Off Road. A versão que testamos é a XCA, então já sabe o que vem pela frente.

Aventureira, esta é a palavra que melhor traduz o significado que esta moto carrega. Com ela você pode fazer longas viagens, encarar estradões de terra e sobreviver na cidade.  Uma moto completa, com itens de conforto e um desempenho de tirar o fôlego, essa Triumph dispensa maiores apresentações.

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (6)

Visual invocado

Visão Geral

Montada em Manaus (AM), a Tiger 800 XCA tem um visual moderno, grandioso e imponente. Sua presença nas ruas e estradas impõe respeito e o ronco característico do motorzão de três cilindros assobia em rotações mais baixas e canta afinado nas rotações mais altas, mostrando que essa “artista” assume todas as personalidades, dos clássicos aos populares, sem desafinar. Quer dizer, ela está ali para qualquer situação que você queira enfrentar.

Grande sem ser pesada, forte sem ser perigosa, esportiva sem arisca e comportada sem ser lenta. Essa Triumph Tiger 800 XCA avaliada vei completamente equipada, o que adicionou peso ao conjunto, mas isso não a tornou menos ágil ou prejudicou seu desempenho em qualquer tipo de uso que fizemos.

Os faróis duplos, em conjunto com o farol de neblina em LED, bolha, protetores de mão, suspensão invertida, além do grande tanque de gasolina fazem jus ao propósito desta moto. O assento é dividido em dois e o chassi projetado em treliça completa o visual da motocicleta.

Pronta para encarar tudo, a Tiger 800 XCA já vem com computador de bordo equipado com várias funções, entre elas: Hodômetro total e 2 parciais, indicador de marcha, velocímetro digital, conta giros analógico, indicador de temperatura ambiente, relógio, consumo médio e instantâneo de combustível, autonomia, tempo de viagem e velocidade média.

Além disso, o computador de bordo oferece 4 modos de pilotagem. O mapa padrão é o Road, que oferece uma resposta mais suave. O Sport, que é mais agressivo e entrega a potência de maneira mais bruta. O Rain, que reduz a resposta do acelerador para adaptar-se a terrenos molhados e escorregadios e por fim, o mapa Off Road, que oferece uma resposta do acelerador voltada para estradas de terra.

 

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (3)

Painel com computador de bordo completíssimo

Para uma condução mais confortável em longos trechos você pode acionar o piloto automático. Basta definir a velocidade desejada e deixar a Triumph fazer o trabalho. Ele desarma com o acionamento de qualquer controle, seja acionando a embreagem ou qualquer um dos freios.

A moto é dotada de um controle de tração ajustável, ele age impedindo que a roda traseira deslize. Você ainda pode regular como ele atua, no modo Road o deslizamento é mínimo, já o modo Off Road permite um deslizamento um pouco maior e se preferir você pode desligá-lo. A única ressalva que deve ser feita é quando atropelamos algum obstáculo, como lombadas. Ele tem um leve atraso, de modo que quando a roda traseira toca o chão a resposta não é instantânea.

Conforto

Triumph_tiger_800_xca_acao (4)

Conforto para encarar longas viagens

Para encarar longas viagens e aventuras é necessário estar confortável. Para isso, os engenheiros da Triumph mais uma vez fizeram a lição de casa.  A Tiger 800 XCA tem uma ótima posição de pilotagem, o piloto fica relaxado enquanto conduz a motocicleta, tudo isso por conta da posição do guidão, das pedaleiras usinadas, produzidas em CNC – que aliás são grandes e conferem ótimo apoio, inclusive para andar em pé.

A Tiger tem uma pequena bolha, ela tem papel importante na aerodinâmica e diminui o vento na cara, entretanto em velocidade acima dos 130 km/h o vento incomoda. Para melhorar sua eficiência ela deveria ser maior.

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (8)

O assento é grande e confortável, tanto para o piloto, quanto para o garupa

O assento é confortável e dispõe de regulagem de altura para o piloto. Os pilotos mais altos não precisam ficar com as pernas flexionadas, basta adaptar a altura do banco, o único ponto negativo ao fazer isso é ficar mais exposto ao vento. O garupa também tem vida boa nesta moto, com um assento espaçoso, pedaleiras posicionadas na altura correta e ótimos apoios laterais.

Está pensando em viajar no inverno? Não tem problema, se estiver frio basta ligar o aquecedor do banco, que está disponível para o piloto e garupa em dois níveis – morno e quente – ou então ligar o aquecedor de manoplas, nos mesmos dois níveis de intensidade. A Tiger 800 XCA já vem equipada com suporte para fixação das malas de alumínio, kit de montagem para GPS, além de 3 tomadas auxiliares de 12 v.

DNA Off Road

A Tiger 800 XCA encara qualquer aventura, disso nós já sabemos. Após rodar mais de 2500 km em nosso teste que mesclou viagens, estradas vicinais, estradas de terra, cidade e rodovias ficou claro o DNA OFF ROAD que a moto tem.

Triumph_tiger_800_xca_acao (5)

A Tiger 800 XCA tem o OFF ROAD no sangue

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (9)

Suspensão invertida assinada pela WP tem ajustes de compressão e retorno

O próprio nome já diz. A terminação XC quer dizer Cross country, faz alusão a competições fora de estrada.  Com suas rodas raiadas e aro 21 na frente, somado a um conjunto de suspensões WP invertida na dianteira, com ajustes de compressão e retorno e um curso de 220 mm fica claro o perfil da moto. A suspensão traseira é do tipo Monoshock, assinada também pela WP, com pré-carga e retorno ajustáveis.

O ajuste das suspensões estava programado da maneira padrão, de modo que não foi preciso realizar nenhum ajuste no set up delas, o peso do piloto de teste está exatamente dentro do padrão usado nas fábricas. O conjunto se mostrou muito eficiente nas condições em que foi testado. Bem calibrado para rodar em estradas de terra, passando por buracos e terrenos acidentados, assim como nas cidades e estradas, mesmo em condições ruins de terreno. Uma legítima Big Trail.

Força

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (10)

Motor de “meros” 800 cc gera 95 cv

Equipada com um motor DOHC, arrefecido a liquido, com 12 válvulas e 3 cilindros em linha, este motor de 800 cc usa o sistema Ride-by-Wire, que fornece mais suavidade na entrega de potência, que aliás não é pouca. São 95 cv a 9.250 rpm e 7.95 kgf.m a 7.850 rpm. Ele responde muito bem em todas as rotações. Esbanja potência e torque em qualquer situação, fora que o nível de vibração é muito baixo.  A partir do momento em que a 1ª marcha é engatada você pode sentir a força deste tri-cilíndrico, empurra bem e passa tranquilamente dos 200 km/h.

A Triumph Tiger 800 XCA tem o peso de 203 kg, mas rodando com a motocicleta esse peso é quase imperceptível. Com 95 cv e 203 kg são 2.13 kg para cada cavalo empurrar.

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (11)

Freios a disco e ABS da Nissin garantem um ótimo poder de frenagem

Ciclística

Em compasso com a potência, a Tiger tem uma ótima ciclística. O chassi dela foi construído na forma de treliça com aço tubular. Além de ser bonito, ele é rígido o bastante para ser estável em retas, independente da velocidade e maleável para contornar curvas com facilidade.  Aliás, colocar a Triumph em curvas é certeza de voltar com um sorriso no rosto. Ela transmite segurança e estabilidade sem iguais para uma Big Trail.

Para frear os 203 kg a roda dianteira conta com discos flutuantes duplos de 308 mm e cáliper de 2 pistões. Já a roda traseira é um disco simples de 255 mm, com cáliper flutuante de 2 pistões. Ambos têm o sistema ABS, que pode ser desligado. Os freios são da japonesa Nissin e garantem um ótimo poder de frenagem.

O tanque da Triumph tem capacidade para 19 litros e o consumo ficou com uma média de 17,28 km/l. Acelerando forte o número foi para 14,5 km/l e com uma tocada mais moderada o consumo chegou em 23,8 km/l.

Triumph_tiger_800_xca_estaticas (13)

Conclusão

A Triumph oferece uma moto completa para quem quer encarar a estrada, para quem prioriza o conforto e não se esquece do desempenho. A XCA é a mais completa da família XC e tem muitos diferenciais exclusivos. O valor é alto, mas com um preço de R$ 51.500,00 você pode ter uma moto pronta para encarar qualquer aventura.

 

Gostamos                   Pode Melhorar

Motor                              Bolha
Tecnologia                     Consumo
Suspensão

 

Ficha Técnica

MOTOR E TRANSMISSÃO

Tipo Refrigeração líquida, 12 válvulas, DOHC, 3 cilindros em linha
Cilindrada 800cc
Bore/Stroke 74.1 mm / 61.9 mm
Compressão 11.3:1
Potência Máx 95 cv 9.250 rpm
Tipo Refrigeração líquida, 12 válvulas, DOHC, 3 cilindros em linha
Cilindrada 800cc
Bore/Stroke 74.1 mm / 61.9 mm
Compressão 11.3:1
Potência Máx 95 cv 9.250 rpm
Torque Máx. 7.95 kgf.m a 7850 rpm
Alimentação Injeção eletrônica multiponto sequencial
Exaustão 3 em 1 de aço inoxidável, escapamento de aço inoxidável de alto nível
Transmissão final Corrente
Embreagem Discos múltiplos, banhada a óleo
Caixa de câmbio 6 marchas

CHASSI

Quadro Quadro em treliça de aço tubular
Braço oscilante Bilateral, liga de alumínio fundido
Roda dianteira Bilateral, liga de alumínio fundido
Roda traseira 32 raios, 17 x 4.25 polegadas, aro de alumínio
Pneu dianteiro 90/90­-21
Pneu traseiro 150/70 R17
Suspensão dianteira Garfos invertidos WP 43 mm com retorno ajustável e amortecimento hidráulico, curso de 220 mm
Suspensão traseira Monoshock (amortecedor de choque único) WP com reservatório de óleo remoto, pré-carga ajustável hidraulicamente, ajuste de amortecimento com retorno, curso da roda traseira de 215 mm
Freio dianteiro Discos flutuantes duplos de 308 mm, cáliper de 2 pistões Nissin e 4 blocos, ABS comutável
Freio traseiro Disco simples de 255 mm, cáliper flutuante único Nissin com 2 pistões, ABS comutável
Painel de instrumentos e funções Pacote de instrumentos multifuncional de LCD, velocímetro digital, computador de bordo, tacômetro analógico, indicador de posição da marcha, medidor de combustível, indicador de serviço, indicador de temperatura ambiente, três modos de pilotagem (Road / O -road / Rider – configurável) e relógio

DIMENSÕES E PESOS

Largura 845 mm
Altura sem espelho 1390 mm
Altura do Assento 840 – 860 mm
Distância entre eixos 1545 mm
Rake 24.3 º
Trail 95.3 mm
Peso seco 203 Kg
Capacidade do tanque 19 L

 



Jan Terwak

Publicitário, curte motos desde que se conhece como gente, é piloto de motocross, enduro, cross-country e trilhas. Empresta sua experiência no off-road para as avaliações de motos no Motonline.