scooter bosch

Você pode alugar um scooter e sair por aí… na Alemanha

Enquanto no Brasil discute-se a implementação do aplicativo Uber (e assistimos brigas urbanas entre motoristas que parecem rinhas de galo sob semáforos), na Europa a Bosch lança um novo e moderno serviço, apontado como alternativa para tornar o trânsito urbano menos caótico. Poder alugar um scooter elétrico por três euros, podendo usá-lo por 30 minutos e com conexão total com o smartphone? Exatamente.

Serviço de locação de scooter se dá através da Coup, uma empresa subsidiária da Bosch

Serviço de locação de scooter se dá através da Coup, uma empresa subsidiária da Bosch

Nesta primeira fase, o serviço estará disponível apenas em alguns bairros de Berlin, capital Alemanha. Segundo informações oficiais da marca, a iniciativa chama-se “Coup eScooter de serviços compartilhados”. A Coup é uma empresa subsidiária da Bosch, e a parceria contará ainda com um terceiro CNPJ, pois a Gogoro é a empresa responsável por construír as scooters elétricas e auxiliar o desenvovlimento do projeto junto de Bosch e Coup.

E como usar um scooter?

Os clientes poderão localizar, reservar e usar a eScooter a qualquer momento, e depois que chegarem ao destino, poderão deixar a motocicleta em pontos determinados. Os veículos têm velocidade máxima de 45 quilômetros por hora e qualquer pessoa com mais de 21 anos, com licença para dirigir carro ou moto, pode usá-los. O preço é baseado em uma taxa fixa que cobra 3 euros por 30 minutos de uso, ou 20 euros para o dia inteiro. As eScooters têm autonomia de aproximadamente 100 quilômetros e os usuários não precisam se preocupar com a recarga, pois a Coup será responsável por este detalhe.

Sistema de locação de scooter surge como alternativa moderna, integrando o uso de smartphones e livrando os usuários de dores de cabeça comuns, como a necessidade de recarregar a moto

Sistema de locação de scooter surge como alternativa moderna, integrando o uso de smartphones e livrando os usuários de dores de cabeça comuns, como a necessidade de recarregar a moto

Trinta minutos de scooter por 3 euros lhe parece uma boa?

Trinta minutos de scooter por 3 euros lhe parece uma boa?

O serviço é acessado via aplicativo de acompanhamento, cuja interface intuitiva facilita localizar, agendar e pagar por uma scooter. Até mesmo a abertura do compartimento abaixo do banco, onde estão capacete e baterias, é controlada pelo smartphone, o qual está conectado na scooter via Bluetooth. Para começar, duzentas eScooters conectadas estarão disponíveis em bairros de Berlin como Mitte, Prenzlauer Berg, Friedrichshain e Kreuzberg. “Com a Coup, a Bosch disponibiliza ao mercado sua primeira concessão no setor da mobilidade puramente para o usuário final, além de criar uma marca independente”, diz Markus Heyn, membro da direção mundial da Bosch e responsável pelo projeto.

Outras ações da Bosch desenvolvidas para o transporte urbano

Heyn também frisou o interesse da Coup em “ajudar a superar o desafio da mobilidade urbana”, o que vem motivando outros projetos que estão sendo estudados e desenvolvidos pela Bosch. A empresa já está trabalhando em soluções conectadas para gerenciamento de vagas de estacionamento, gestão de frota baseada na nuvem, e assistentes de mobilidade em aplicativos que suportam o uso multimodal de diferentes tipos de transporte. O novo serviço de compartilhamento da Coup representa mais um passo no setor de negócios Soluções para Mobilidade. Bosch. “Os requisitos e as demandas da mobilidade elétrica estão em transição e a Bosch quer moldar essas mudanças com suas próprias soluções e serviços”, completou Markus Heyn.

Separador_motos



Jornalista gaúcho convicto de que um passeio de moto em um dia de sol é a cura para praticamente todos os males da vida. Fã de motoaventurismo, competições de moto, café, praia e de rock n roll.